Valter Socorrinho continua vereador de Itabuna

Nesta quinta-feira (28), o juiz Saulo Casali Bahia, considerou improcedente a ação contra o vereador de Itabuna Valter Socorrinho. O mesmo foi acusado de trocar o PTN pelo PROS sem justa causa, por esse motivo foi pedido de tutela antecipada solicitando a perda do mandato.

Com a decisão ele continua no cargo, já 2º suplente do PTN, Edinho da Mala, pretende entrar com um recurso, mas a situação é favorável a Valter.

O presidente do PROS de Itabuna, o edil Carlos Coelho, contratou o advogado Michel Reis para fazer a defesa do colega Valter Socorrinho.(ComPolíticosdoSuldaBahia)

Edinho da Mata pede mandato do vereador Valter Socorrinho

Socorrinho (Foto: Divulgação)
Socorrinho (Foto: Divulgação)

O 2º suplente de vereador Edinho da Mala (PTN) entrou com uma ação na Justiça Eleitoral em Itabuna contra o vereador Valter Socorrinho. Na ação, Edinho pede a perda de cargo por infidelidade partidária.

Valter Socorrinho foi eleito pelo PTN, mas na eleição da mesa diretora da câmara se rebelou contra o deputado estadual Coronel Santana (PTN).

Já em setembro ele deixou o PTN para se filiar no Pros, mas segundo Edinho da Mala, o mesmo não seguiu a legislação na mudança do partido.

Informações: Políticos do Sul da Bahia