Solon Pinheiro perde ação e Carlos Coelho volta ao cargo de vereador

Solon Pinheiro e Carlos Coelho
Solon Pinheiro e Carlos Coelho

Nesta quinta-feira (19) o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia decidiu pelo retorno do médico Carlos Coelho ao cargo de vereador em Itabuna. Ele havia perdido o mandato após ser denunciado por compra de votos.

A denúncia foi feita por Solon Pinheiro, suplente de Carlos Coelho, eleito pelo DEM. Solon alegou que o colega de partido realizou cirurgias em troca de votos e moveu ação judicial contra ele.

No início do ano, o juiz titular da 28ª Zona Eleitoral de Itabuna, André Dantas Vieira, cassou o vereador Carlos Coelho e determinou a posse de Solon Pinheiro, que após essa decisão do TRE, deixará o cargo e dará lugar ao médico.

A Câmara de Itabuna deve empossar o vereador Carlos Coelho assim que receber a notificação do Tribunal.

Solon não vê motivos para rejeitar contas de Azevedo

A Câmara de Vereadores de Itabuna se prepara para analisar as contas do ex-prefeito Capitão Azevedo (DEM) referentes ao exercício de 2011. O parecer prévio do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) opinou pela rejeição das contas.

O TCM é o órgão criado para fiscalizar as contas públicas dos municípios. Segundo o vereador Solon Pinheiro, em entrevista ao programa Alô Cidade da TV Itabuna, somente o parecer do tribunal não é suficiente para rejeitar as contas do ex-prefeito.

Solon disse que Azevedo foi um bom gestor, sempre apoiado por ele, portanto, seria hipocrisia da sua parte rejeitar as contas dele nesse momento, o que o tornaria inelegível, ou seja, Azevedo estaria impedido de se candidatar a deputado no próximo ano, como já demonstrou interesse.

Indagado se o vereador estaria a serviço da sociedade ou do ex-prefeito, Solon disse que ainda precisa analisar cuidadosamente as contas do Capitão, mas que não acredita que ele tenha cometido nenhuma improbidade administrativa e por isso não vê motivos para rejeitar suas contas.

Informações: Blog do Gusmão

Solon Pinheiro quer se aliar a Azevedo para assumir comando do DEM

O vereador de Itabuna, Solon Pinheiro (DEM), convidou o ex-prefeito Capitão Azevedo (DEM) para participar de uma reunião na capital do estado com o prefeito Antônio Carlos Magalhães Neto. Solon pretende se aliar ao ex-prefeito para assumir o comando do DEM em Itabuna. Segundo ele, “Azevedo, por ter sido prefeito e ter tido 45 mil votos na última eleição, hierarquicamente, é a liderança do Democratas na cidade”.

O problema é que para obter êxito nesta missão ele terá que destituir Maria Alice da presidência do partido. Recentemente a mesma concedeu uma entrevista e fez várias criticas contra Azevedo. Porém, Maria Alice goza de grande prestígio junto ao diretório estadual do DEM, sobretudo com o ex-presidente José Carlos Aleluia.

Informações: Políticos do Sul da Bahia

Ex-vereador Carlos Coelho quer tomar cargo de volta

O ex-vereador de Itabuna Carlos Coelho entrou com recursos no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) pedindo a reforma da sentença do juiz André Dantas Vieira, da 28ª Zona Eleitoral, que o cassou em fevereiro e acabou perdendo o cargo para Solon Pinheiro.

Comenta-se nos meios jurídicos de está para acontecer o “duelo de titãs”, pois, o advogado de Coelho é o conceituado Michel Reis, e Bruno Adry defende Pinheiro.

Informações: Políticos do Sul da Bahia