Unidade do SESP começa a ser restaurada

Na tarde desta segunda-feira (18) a Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur) deu início a pintura e as revisões das redes elétrica e hidráulica da Unidade Básica de Saúde José Maria de Magalhães Neto, mais conhecida como SESP. Durante o feriado prolongado uma equipe com mais de 10 servidores realizou a limpeza geral no imóvel onde funciona a unidade de saúde após interdição da UBS na semana passada para realização de melhorias e ajustes na infraestrutura.

Salas e corredores da F-Sesp passaram por limpeza geral no feriadão (Foto: Pedro Augusto)
Salas e corredores da F-Sesp passaram por limpeza geral no feriadão (Foto: Pedro Augusto)

Os pacientes devem procurar atendimento para os serviços de vacinação, tuberculose, hanseníase e vacina anti-rábica no primeiro andar da Policlínica Dois de Julho, onde a equipe da UBS atende, temporariamente. Já os serviços da rede de frios continuarão a funcionar no mesmo local, ao lado da 7ª DIRES. A previsão de retorno das atividades da UBS José Maria de Magalhães Neto é a primeira quinzena de dezembro.

A enfermeira Taiana da Silva, gerente da unidade básica, explicou que o material dos pacientes de tuberculose com baciloscopia positiva será recebido na guarita da UBS por um funcionário credenciado. A medida é necessária para assegurar que não haja contágio, visto que é grande a circulação de pessoas na Policlínica Dois de Julho, que funciona na mesma praça.

Em breve a USB será reformada (Foto: Pedro Augusto)
Em breve a USB será reformada (Foto: Pedro Augusto)

Aqueles pacientes que ainda necessitem atendimento podem procurar qualquer unidade de saúde do município. Posteriormente, a unidade Maria de Magalhães Neto será reformada pelo programa requalifica UBS, com recursos do governo federal.

Vigilância Sanitária interdita o antigo SESP

Itabuna – A Unidade de Saúde José Maria de Magalhães Neto (conhecida como SESP), localizada na Av. Ilhéus, ao lado da Faculdade de Tecnologia e Ciência [FTC], foi interditada por agentes da Vigilância Sanitária na manhã desta terça-feira (12). O motivo da interdição foi a insalubridade da unidade. As fotos não deixam dúvidas de infiltrações, corrimãos quebrados, e a afiação amostra o que ponhe em risco a vida de quem ali labora.

Fotógrafo: Ednaldo Pinto.
Fotógrafo: Ednaldo Pinto.

O corpo de funcionários da unidade informou que fariam uma paralisação, com isso, a Secretaria de Saúde resolveu interditar o prédio para reforma-lo durante 20 dias. Nesse tempo a SESP será remanejada, temporariamente, para a Policlínica Dois de Julho, situada na mesma praça, juntamente com os serviços do Programa de Atenção ao Idoso – Prosi. O remanejamento acontecerá a partir desta terça feira, dia 12, com previsão de retorno na primeira semana de dezembro.

Cerca de 30 animais são encontrados mortos por dia em Feira de Santana

Uma média de 30 animais mortos são encontrados por dia (Foto: Divulgação)
Uma média de 30 animais mortos são encontrados por dia (Foto: Divulgação)

De acordo com a Secretaria de Serviços Públicos de Feira de Santana (SESP) de janeiro a setembro deste ano foram removidos 5.213 cadáveres de animais de pequeno porte nas ruas da cidade, com uma média de 30 animais por dia. A Prefeitura também recolhe animais de grande porte – cavalos, bois, jumentos, entre outros.

A grande maioria dos animais que morre nas ruas é vítima de atropelos. Outros casos estão relacionados à velhice e a suspeitas de envenenamento. Conforme a secretaria, cães e gatos são os animais mais comuns neste serviço, porque além dos domésticos, existe uma grande população nas ruas.

O cidadão deve entrar em contato com a SESP imediatamente após ver um animal morto em via pública, antes que o cadáver entre em decomposição e provoque problemas ambientais graves – mau cheiro e a possibilidade de contaminação do lençol freático, por exemplo.