Funcionários do São Judas entram em greve por tempo indeterminado

Foto: Reprodução/Facebook.
Foto: Reprodução/Facebook.

Os 70 funcionários do Hospital Psiquiátrico São Judas, de Itabuna, decidiram entrar em greve por tempo indeterminado. A paralisação começa na próxima segunda (11). A greve foi decidida em assembleia realizada na manhã desta terça (5). Os funcionários afirmam que ainda não foi pago o décimo terceiro salário do ano passado. Eles também cobram pagamento de férias, conforme informou o Pimenta.

Médico Itabunense sofre sequestro e é obrigado a pagar 10 mil reais

Exclusivo

Um renomado médico cirurgião itabunense foi vítima de um sequestro relâmpago e sua família foi colocada em cárcere privado na casa onde moram, localizada no bairro São Judas. Os crimes aconteceram no final da tarde desta quarta-feira (11). Os criminosos levaram R$ 10.000,00 e aparelhos eletrodomésticos.

Informações preliminares e exclusivas do Blog do Tom Ribeiro relatam que, três homens estavam de campana na porta da residência do médico, quando o motorista da família, um taxista, chegou como de costume. O trio armado rendeu o motorista e o obrigou a entrar na casa com o veículo. De imediato, os bandidos renderam o médico e sua família, tendo uma garota de apenas 8 anos também como vítima.

Os indivíduos fizeram todos os tipos de ameaças à família, e o plano foi posto em ação. Uma quantia equivalente a R$ 10.000,00 foi pedida ao cirurgião como forma de libertação dos familiares. Desse modo, os criminosos obrigaram o taxista a dirigir até uma agência bancária da cidade para sacar o dinheiro. No veículo, foram dois bandidos, o médico, o taxista, e o terceiro criminoso permaneceu na casa.

Ao chegarem na agência, um bandido saltou do carro para acompanhar o médico e garantir que ele não contasse a alguém o que estava ocorrendo, e chamar a polícia. Sendo que o outro assaltante ficou no táxi ameaçando a todo momento o motorista. A gerência do banco desconfiou da alta quantia que estava sendo sacada, porém, cedeu e nada fez. Com sucesso, os criminosos saíram do local e retornaram para residência no bairro São Judas.

Na casa os assaltantes subtraíram vários eletrodomésticos, notebooks, aparelhos portáteis entre outros. Após a empreitada a família foi liberta e o taxista mais uma vez obrigado a dirigir até um local para deixar os bandidos.

Até o momento ninguém foi preso e a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), investiga o caso. A família passa bem.

Aguarde maiores informações a qualquer momento.

Casa de shows e loja são interditadas em Itabuna

Garantir plenas condições de qualidade e segurança na realização de shows e eventos em Itabuna é o objetivo da operação de vigilância integrada, que envolveu diversos setores da Prefeitura de Itabuna, na manhã desta sexta-feira (7). Foram interditadas, por descumprirem notificação enviada anteriormente, a Casa do Pagode, situada na Avenida do Contorno – bairro São Judas, e uma loja que vendia artigos para eventos, situada na Rua Nilo Peçanha, no Centro.

Na casa de shows foram encontradas bebidas armazenadas de forma irregular e com data de vencimento bem próxima. Também foram identificados problemas em um imóvel utilizado para apoio aos eventos, a exemplo de rachaduras nas paredes, forro do telhado danificado e fiação elétrica exposta, o que oferecia risco aos mais de 700 participantes dos eventos.

A orientação dos fiscais é de que todos os problemas apontados sejam resolvidos para que o funcionamento da casa de shows e da loja seja liberado.

Os fiscais da Divisão de Vigilância Sanitária recomendaram a limpeza geral no espaço e melhor acondicionamento do lixo. Já os ficais da Sedur orientaram a regularização do local com laudos técnicos das secretarias de Desenvolvimento Urbano e da Agricultura e Meio Ambiente, bem como do Corpo de Bombeiros.

OUTRO LADO

O proprietário Gutemberg Pinnck explicou que já estava tomando todas as providências para regularização do estabelecimento. “Dei entrada no pedido dos documentos e as obras para adequação da estrutura começam no domingo, inclusive com a criação de mais uma saída de emergência“, garantiu. Já na loja de artigos para eventos, o processo para regularização está em andamento desde o ano de 2012 e, apesar de haver uma notificação feita em novembro do ano passado, os problemas apontados não foram resolvidos.

A estrutura da loja foi danificada, em 2008, quando houve um incêndio num imóvel vizinho que deixou rachaduras e fissuras nas paredes visíveis. Além da estrutura física condenada pelos fiscais, também foram apreendidos materiais vencidos. Foi estipulado prazo para que a proprietária retire as mercadorias do interior da loja.

Funcionários do São Judas afirmam que foram ameaçados

No último sábado (2), Leonardo Almeida Requena, de 28 anos, morreu após dar entrada na Casa de Saúde São Judas Tadeu, localizada na rua frança – bairro São Judas em Itabuna. [relembre aqui]

Segundo funcionários da clínica, por volta das 15h00min desta segunda-feira (4), o irmão do falecido esteve no São Judas e fez ameaças a todos que ali estavam. Confira o relato na íntegra:

A Casa de Saúde São Judas Tadeu, em nome da direção vem por meio deste informar que na última segunda-feira por volta das 15 horas, um indivíduo de prenome Emerson, suposto irmão do paciente Leonardo Requena, adentrou no referido Hospital, e chegando à recepção em um tom bastante ameaçador gritou “Foi nesse hospital que mataram meu irmão? quem foram os técnicos? eu vou descobrir e voltarei para matar todo mundo”. Deixando intimidadas as recepcionistas, assistente social, e a secretária da unidade. Em seguida, saiu e bateu o portão da entrada com bastante força. Vale ressaltar que foram tomadas as devidas providências, entramos em contato com a Polícia Militar que logo compareceu ao local e prestamos uma queixa registrando um boletim de ocorrências no Complexo Policial da cidade.

Jovem morre após ser internado na clínica São Judas

Itabuna – Na noite deste sábado (2), Leonardo Almeida Requena, de 28 anos, morreu após ser internado na Casa de Saúde São Judas Tadeu, localizada na rua frança – bairro São Judas.

Fotógrafo: Ednaldo Pinto.

Segundo informações, familiares disseram para Leonardo que o levariam até uma clínica para que ele pudesse ser medicado, já que sofre de problemas depressivos. Ao chegar no local e ser levado até uma sala de psiquiátrica para ser medicado, soube que ficaria internado, fato que o deixou bastante irritado e agressivo. Imediatamente ele tentou fugir, mas foi imobilizado pelos funcionários. Durante a confusão ele acabou falecendo.

Corpo de Leonardo sendo retirado da clínica.

O Departamento de Polícia Técnica da cidade foi acionado e esteve no local para remover o corpo. Após pré-análise, o perito, Paulo Libório, afirmou que existe duas possibilidades, ou Leonardo morreu por asfixia ou por infarto. Libório ainda informou que a real causa da morte só poderia ser dita após a análise através da necropsia.

Familiares disseram à impressa que, foi necessário leva-lo até a clínica pois recentemente ele estava fumando maconha. Leonardo residia na praça dos eucaliptos, localizada no bairro Conceição.
Familiares disseram à impressa que, foi necessário leva-lo até a clínica pois recentemente ele estava fumando maconha. Leonardo residia na praça dos eucaliptos, localizada no bairro Conceição.

Mulher é assaltada quando chegava em casa no bairro São Judas

Na noite desta quinta-feira (4) uma produtora de eventos foi feita refém no bairro São Judas, em Itabuna. De acordo com informações, a vítima estava chegando em casa quando foi abordada por três homens armados, que chegaram em um táxi. A Polícia acredita que o veículo também tenha sido roubado. Informações da Polícia Militar ainda dão conta de que os assaltantes invadiram a residência e além da produtora de eventos, também fizeram reféns seus parentes e funcionários.