Notinhas: Trabalhadores sofrem com atraso no salário

Hospital São Judas Tadeu

Funcionários do Hospital São Judas de Itabuna estão com atrasos no pagamento salarial há mais de 30 dias. Além disso, eles reclamam da falta de medicação e organização. No final, quem se prejudica são os trabalhadores e até os pacientes.

Direc 7

Terceirizados do estado pela Direc 7 e pela empresa Assemp estão sem receber o salário do mês de dezembro e o vale alimentação de janeiro. Ninguém sabe informar quando os pagamentos serão feitos. Aliás, as terceirizadas em Itabuna adoram atrasar salário…

Professores estão sem receber salário há seis meses

Professores em protesto na Direc 7 (Foto: Ednaldo Pinto)
Professores em protesto na Direc 7 (Foto: Ednaldo Pinto)

Os professores da Prestação de Serviço Temporário (PST) de Itabuna estão há seis meses sem receber salário e autoridades não tomam providências. Alguns chegaram a receber um ou dois pagamentos, mas a maioria ainda está sem ver a cor do dinheiro.

Segundo os professores, eles estão se sentindo humilhados, já que desde julho do ano passado estão sem pagamento e mesmo assim continuam com suas atividades. O Natal certamente não foi dos melhores, e as contas não são pagas sozinhas.

No dia 11 de dezembro os professores realizaram um protesto na porta da Direc 7 de Itabuna pedindo reivindicações. Segundo o Diário da Bahia, na época, o representante da Direc 7, Lucas Cardozo Andrade, do setor de Recursos Humanos, disse que o atraso de salários é entre os professores que substituem outros em situação de licença médica. “A Secretaria Estadual de Educação informa que os atrasos são por conta de licenças ainda não publicadas, que estão em tramitação”, afirmou. Mas os professores afiram que desconhecem essa situação.

Servidores da saúde podem paralisar atividades por falta de pagamento

O sindicato dos servidores da saúde de Itabuna (Sinderv) realizou uma assembleia geral nesta quinta-feira (9) a fim de posicionar os funcionários e decidir qual será a providência tomada para resolver o impasse salarial, já que estão sem receber salário desde dezembro.

A prefeitura teria deixado os servidores da saúde sem dinheiro para comemorar as festas de fim de ano, segundo afirma o blog Plantão Itabuna. Caso o pagamento não seja efetuado, os funcionários poderão paralisar suas atividades na próxima segunda feira (13), relatou a  presidenta do Sindserv, Wilmaci Oliveira.

Outra informação aponta que funcionários da educação também estão sem receber os pagamentos do mês. O atraso já começa a irritar os servidores, que não tiveram este problema no ano passado, na primeira gestão de Vane (PRB).

Informações do Plantão Itabuna

Funcionários passam Natal sem o 13º terceiro

FTC Itabuna não paga funcionários

FTC

A Faculdade de Tecnologia e Ciência (FTC) de  Itabuna não pagou os 13º salário dos colaboradores e professores. Segundo informações, a direção informou que não tem previsão para o pagamento.

Em função disso os professores estão dispostos a não lançarem as notas da prova final na caderneta eletrônica até o pagamento do 13º salário. Com isso os estudantes serão prejudicados, já que vão passar o natal com a expectativa do resultado das provas.

Prefeitura

Alguns secretários de Itabuna acabaram não recebendo o 13º salário por opção do prefeito Claudevane Leite. O salário liquido do secretário no município é de R$ 13 mil, com o pagamento do 13º no mês de dezembro o salário seria de R$ 26 mil.

Mas o prefeito decidiu não pagar o 13º salário aos secretários e seguiu a orientação da procuradoria jurídica do município. Vale lembrar que no governo passado o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), determinou que os secretários devolvessem o 13º salário.

Santa Casa

Os servidores da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna denunciam que estão sem receber o 13º salário. De acordo com os funcionários, nenhuma parcela foi paga e não há previsão para o pagamento. O prazo máximo determinado por lei encerrou na sexta-feira (20).

Ainda com base nos funcionários, um aviso foi colocado no mural no final da tarde de sexta-feira (20) que décimo só será pago após o natal.