Governador assina contrato para ampliação e construção de presídios

Nesta sexta-feira (17) o governador Jaques Wagner assinou o contrato para construção de sete novas unidades prisionais e ampliação de outras quatro em Salvador e no interior, com um investimento de R$ 150 milhões. De acordo com informações da assessoria, serão construídos um total de quatro mil novas vagas, que deverão ampliar a capacidade dos presídios e ajudar a esvaziar as delegacias.

Governador da Bahia Jaques Wagner
Governador da Bahia Jaques Wagner

Segundo o governo, as novas vagas do Sistema Prisional passarão a ter atenção especial com a ressocialização e vão contar com espaço específico para aulas, oficinas, e ações educativas. Os municípios atendidos neste projetos são Itabuna, Brumado, Vitória da Conquista, Barreiras, Irecê, Paulo Afonso, Juazeiro e Salvador.

Com as 3.822 novas vagas que serão criadas no sistema prisional baiano, o déficit de espaço nos presídios será eliminado, e mais 522 vagas poderão ser preenchidas com parte dos presos em delegacias. “Com essa assinatura de hoje estamos abrindo mais de três mil vagas e estamos com a expectativa de uma PPP (Parceria Público Privada) para mais 2.200 vagas, além de mais 2.500 vagas com a verba do governo federal, da ordem de R$ 90 milhões. Com isso, vamos dobrar o número de vagas que nós tínhamos em 2007.

Presídio de Itabuna
Presídio de Itabuna

“É um avanço significativo”, disse o governador, destacando a necessidade de esvaziar as delegacias. “Nós precisamos tirar os presos das delegacias para que os agentes e delegados estejam liberados para fazer sua função primeira, que é investigação de crimes e não ficar custodiando presos”. Serão investidos R$ 150 milhões na ampliação de quatro unidades e construção de sete novas unidades prisionais. Atualmente, a população carcerária é de 12.300 pessoas para nove mil vagas. Desde 2007, foram criadas 3.070 vagas nos municípios de Salvador, Feira de Santana, Eunápolis, Itabuna e mais cinco minipresídios.

FTC realiza obra irregular mesmo com prazo para desocupação

Obras na faculdade não tem autorização (Foto: Divulgação)
Obras na faculdade não tem autorização (Foto: Divulgação)

Em Itabuna a direção da FTC está demonstrando que não respeita a decisão da justiça. Em dezembro, a Prefeitura de Itabuna venceu o segundo “round” na disputa judicial contra a Faculdade. O Tribunal de Justiça da Bahia indeferiu um agravo de instrumento interposto pela a faculdade, na qual tentava reformar a sentença do juiz local , que em outubro deu o prazo de 90 dias para a faculdade desocupar o prédio da prefeitura

Mesmo a justiça determinando o prazo de 90 dias para deixar o prédio, a direção da FTC decidiu realizar uma obra no local. Na semana passada começou a construção no térreo, provando que a FTC não respeita a justiça.

Para completar, a obra não tem autorização do CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia), nem do CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo).

Não foi registrada planta da edificação e nem da ampliação da edificação, como deve ser feito na prefeitura pagando os impostos.

Segundo informações, o fiscal da prefeitura responsável por esse setor é benevolente com a FTC, já que a sua esposa é professora da Faculdade.

Informações do Políticos do Sul da Bahia

Unidade do SESP começa a ser restaurada

Na tarde desta segunda-feira (18) a Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur) deu início a pintura e as revisões das redes elétrica e hidráulica da Unidade Básica de Saúde José Maria de Magalhães Neto, mais conhecida como SESP. Durante o feriado prolongado uma equipe com mais de 10 servidores realizou a limpeza geral no imóvel onde funciona a unidade de saúde após interdição da UBS na semana passada para realização de melhorias e ajustes na infraestrutura.

Salas e corredores da F-Sesp passaram por limpeza geral no feriadão (Foto: Pedro Augusto)
Salas e corredores da F-Sesp passaram por limpeza geral no feriadão (Foto: Pedro Augusto)

Os pacientes devem procurar atendimento para os serviços de vacinação, tuberculose, hanseníase e vacina anti-rábica no primeiro andar da Policlínica Dois de Julho, onde a equipe da UBS atende, temporariamente. Já os serviços da rede de frios continuarão a funcionar no mesmo local, ao lado da 7ª DIRES. A previsão de retorno das atividades da UBS José Maria de Magalhães Neto é a primeira quinzena de dezembro.

A enfermeira Taiana da Silva, gerente da unidade básica, explicou que o material dos pacientes de tuberculose com baciloscopia positiva será recebido na guarita da UBS por um funcionário credenciado. A medida é necessária para assegurar que não haja contágio, visto que é grande a circulação de pessoas na Policlínica Dois de Julho, que funciona na mesma praça.

Em breve a USB será reformada (Foto: Pedro Augusto)
Em breve a USB será reformada (Foto: Pedro Augusto)

Aqueles pacientes que ainda necessitem atendimento podem procurar qualquer unidade de saúde do município. Posteriormente, a unidade Maria de Magalhães Neto será reformada pelo programa requalifica UBS, com recursos do governo federal.

Ponto de ônibus é reformado após denúncia de estudantes

Após universitários da faculdade UNIME denunciarem as péssimas condições de um ponto de ônibus localizado em frente o Campus I da instituição na av. J.S. Pinheiro, uma equipe começou a reformar a estrutura do ponto de ônibus. Os alunos agradecem aos meios de comunicação que divulgaram a situação.

Ponto de ônibus é reformado / Foto: Aluno
Ponto de ônibus é reformado / Foto: Aluno

No momento os estudantes aguardam que alguma providência seja tomada em relação ao mato que fica atrás do ponto. Relembre a denúncia aqui.

Reforma da Alameda da Juventude deve terminar neste fim de semana

Skatistas aguardam ansiosos pelo fim da reforma / Foto: Wilson Oliveira
Skatistas aguardam ansiosos pelo fim da reforma / Foto: Wilson Oliveira

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur) prevê que a reforma que vem sendo realizada na Alameda da Juventude será finalizada neste fim de semana. Os serviços começaram há duas semanas com mais de 20 trabalhadores fazendo a reforma do piso central e da calçada, restauração e pintura de meio-fio, ponto de ônibus e pista de skate (half), limpeza e pintura do alambrado, postes, brinquedos infantis, poda de árvores e instalação de grades de segurança no half.

Há cerca de dois meses a Sedur tem realizado serviços de limpeza, restauração e reforma das avenidas que margeiam o rio Cachoeira. O serviço já foi realizado na Praça Rio Cachoeira, nas avenidas Aziz Maron e Mário Padre, próximo ao Módulo da Polícia Militar, no bairro Conceição. A orientação da Sedur é para que as pessoas colaborem com a conservação dos espaços públicos, cumprindo as regras, que incluem proibição de colagem de cartazes nos postes e nas árvores.

Hospital de Base ganha usina própria de gás medicinal

O Hospital de Base Luis Eduardo Magalhães firmou novo contrato para abastecimento de gás medicinal e garantiu economia de mais de 70%, sendo que o gasto anterior era de R$ 100 mil por mês, mas agora, com o aluguel – e a futura compra, já em andamento – os custos caem para R$ 25.500. O equipamento da usina para produção de oxigênio e gás medicinal já está sendo instalado e produzirá uma quantidade maior do que a utilizada atualmente.

“Tudo é informatizado, a usina tem uma gerência autônoma e a segurança dos pacientes será total. A empresa tem todos os certificados, estamos satisfeitos. Até o final de semana estaremos com produção própria”, explicou o presidente da Fundação de Assistência à Saúde de Itabuna (Fasi), Paulo Bicalho.

Ele explica que a usina garante independência em relação às empresas internacionais ainda fornecedoras de oxigênio para o hospital. “Isso significa um direcionamento da gestão do Hospital pela economicidade, para ter mais recursos para aplicar em outras melhorias, conforme a política administrativa orientada pelo prefeito Claudevane Leite”, disse.

Nova emergência aguarda treinamento

Paulo Bicalho esclareceu que durante o mês de agosto a Emergência, já totalmente reformada fisicamente, está em fase de informatização, para fazer parte do programa Cidade Digital. “Na próxima semana, o sistema de fibra ótica estará pronto. A resposta da nossa internet era demorada. Sairemos do cabeamento antigo e assim teremos velocidade compatível com a exigência dos procedimentos”, afirma.

Além disso, desde os maqueiros até os médicos, todo o pessoal está passando por treinamento para dar maior atenção aos pacientes.

Quanto ao recadastramento dos servidores da FASI, Bicalho avaliou como altamente positivo. “Tivemos uma cobertura de 92%, mas temos pessoas afastadas e em férias, isso está sendo composto”. Bicalho explicou que agora é possível saber onde cada funcionário está desenvolvendo suas atividades, cada setor e horário. “Isso foi muito bom para a organização do Hospital. Tudo está completo para nossas necessidades” concluiu.

Emergência do Hospital de Base é reentregue

No último sábado (27) o Pronto Socorro do Hospital de Base foi reaberto após passar por reformas, iniciadas em março deste ano. O prefeito Claudevane Leite e outras autoridades fizeram a reinauguração da Emergência em uma solenidade. O Hospital de Base recebeu 221 itens,entre os quais equipamentos médicos e mobiliários, além de passar por um “faxinaço”. O investimento total chegou à R$ 249.181,12.

Os equipamentos e mobiliários, que custaram R$ 1.240.000, foram conseguidos junto ao governo do estado. Já a Prefeitura de Itabuna, investiu na reforma do Pronto Socorro, compra de aparelhos de ar condicionado, informatização do hospital, além de capacitação dos funcionários e recuperação de equipamentos e mobiliários.

O Pronto Socorro foi beneficiado com nivelamento de piso, reparos nas redes elétrica e hidráulica, colocação de azulejos, teto de gesso, eliminação de infiltrações, substituição de caixões e portas, recuperação dos banheiros, sala de espera e recepção. O setor está totalmente climatizado e vai funcionar assim que for concluída a capacitação dos servidores e instalados todos os novos equipamentos. Por enquanto, o atendimento continua na emergência provisória.

Coaraci: Augusto Castro e Félix Mendonça cobram reforma do Complexo Policial

Secretário de Segurança da Bahia – Maurício Barbosa ao lado esquerdo, Félix Mendonça Deputado Federal, e o Deputado Estadual Augusto Castro

Preocupados com a precária condição em que se encontra as instalações do Complexo Policial de Coaraci, os deputado Augusto Castro (estadual) e Félix Mendonça (federal), solicitaram do secretário de Segurança Pública do Estado, Maurício Barbosa, providências para reforma dessa unidade policial.

“O ex-prefeito Gima e Jadson Galvão nos tem relatado a precariedade do local, que inviabiliza qualquer detenção”, disse Augusto Castro.

Há cerca de um mês os deputados encaminharam ao governador Jaques Wagner o pedido de reforma do Complexo Policial, que foi destruído há quatro anos durante uma rebelião. Este pedido foi encaminhado pela governadoria à Secretaria de Segurança Pública. Até o momento as pessoas detidas são encaminhadas para o município de Almadina, que não dispõe de cadeia para abrigar grande número de detentos.

Durante audiência na SSP, ontem (22), Augusto Castro e Félix Mendonça deixaram ofício com o secretário, que informou que o pedido seria analisado.

Reforma no Restaurante Popular está em fase de finalização

No próximo dia 28 de julho, aniversário de Itabuna, será entregue à população o Restaurante Popular, totalmente restaurado. As obras acompanhadas pela prefeitura já estão em fase de finalização.

As reformas da rede elétrica já foram concluídas e a impermeabilização da laje foi executada, acabando de vez com infiltrações e vazamentos que prejudicavam o funcionamento do estabelecimento. Também já foram colocados os rodapés para facilitar a limpeza diária do restaurante, além da substituição das luminárias.

As paredes foram revestidas com pedras cerâmicas e os ventiladores da área de alimentação já foram instalados. Torneiras com água quente para uma higienização mais eficiente foram instaladas, contribuindo para que seja evitada a formação de placas de gordura que ocasionaram entupimento da rede de esgoto sanitário, um dos principais problemas que causou a interdição do restaurante.

Na semana passada foram colocados a câmara frigorífica e o elevador de serviço, além dos aparelhos de ar condicionado. A pintura externa de ambos os lados da unidade do Restaurante Popular já está sendo feita em amarelo e preto, as cores da cidade de Itabuna.

Em breve mais duas unidades do restaurante serão instaladas. Uma no bairro de Fátima, cujo imóvel já foi alugado, e outra no São Caetano, onde o contrato de locação deverá ser assinado nos próximos dias.

Secretário inspeciona reforma da cobertura da Feira do São Caetano

O secretário de Desenvolvimento Urbano, Marcos Monteiro, fez uma inspeção na Feira do São Caetano uma semana após a conclusão da reforma no local.

Depois de ouvir as reivindicações de comerciantes, o secretário Marcos Monteiro determinou o desentupimento de algumas bocas-de-lobo no entorno da feira em caráter de urgência, principalmente por causa das chuvas que caem na cidade há alguns dias.

Marcos Monteiro disse que é compromisso da atual administração ouvir a população e buscar alternativas para melhoria dos serviços públicos. “As feiras livres são uma preocupação do prefeito Claudevane Leite. Estamos trabalhando para dar às pessoas que trabalham nestes locais melhores condições”, explicou.

Reforma na emergência do HBLEM entra em fase final

Fotos: Gabriel de Oliveira

O “faxinaço” que começou a ser realizado em março no Hospital de Base Luis Eduardo Magalhães entrou em sua fase final. As mudanças na estrutura física no Hospital de Base já são visíveis, especialmente na Emergência, resultado das reformas que vêm sendo feitas pela direção da Fundação de Assistência à Saúde de Itabuna – FASI. O presidente da Fasi, Paulo Bicalho, destaca que devido à quantidade de reparos a Emergência, na prática, passou por uma mini-reforma, que utilizou os mesmos recursos financeiros recebidos em anos anteriores. “Isso só foi possível com muito trabalho e, o melhor, mantendo a folha de pagamento em dia. Os outros setores do hospital devem seguir a mesma linha”, esclareceu.

Segundo Bicalho, o faxinaço, como passou a ser chamado o trabalho de requalificação física do HBLEM, é parte da readequação da unidade ao padrão de protocolo de emergências. Para tanto, serão realizadas ainda capacitações com a equipe administrativa, enfermeiros e médicos visando adequações funcionais à nova fase do pronto socorro e preparo para melhor receber a população.

As melhorias na Emergência do hospital constam de nivelamento de piso; reparos nas redes elétrica e hidráulica; colocação de azulejos nas paredes; teto de gesso; eliminação de infiltrações; substituição de caixões e portas; limpeza geral dos banheiros, sala de espera e recepção. Também foi feita a recuperação de parte dos equipamentos e mobiliário antigos, alguns serão reaproveitados e outros identificados como sucata.

Próximas etapas

A Prefeitura de Itabuna fez um investimento extra, nesta fase final do faxinaço, para garantir a compra de aparelhos de ar-condicionado, luminárias e computadores. Agora os servidores iniciam a pintura, aplicação das sinalizações interna e externa e a instalação de equipamentos de ar condicionado, ventilação e iluminação.

Na lateral da entrada da emergência será feita uma área para atendimento e gestão de leitos, objetivando atender à regulação já iniciada pela Secretaria de Saúde do Estado (SESAB). Os leitos disponíveis no Hospital de Base serão informados à Sesab, por sistema online, e as ocupações serão por prioridade.

“Já terminamos o trabalho nos setores ambulatorial e de Raio-X e tiramos o material que estava no depósito. Estamos animados e os funcionários motivados para continuar”, diz Paulo Bicalho. Durante o período de melhorias não houve interrupção dos serviços do hospital, a continuidade foi assegurada, mesmo com o faxinaço acontecendo em setores diversos.

Usuários da quadra da avenida Beira Rio pedem reforma no local

Os usuários da quadra esportiva localizada na ponte do São Caetano, na avenida Beira Rio, também conhecido como “areião”, reclamam do descaso de autoridades contra o local. Jovens que costumam usar a quadra para jogar bola estão sem utilizar a área por conta de pedras e sujeiras presentes na quadra, falta de iluminação, entre outros problemas. Eles pedem que o prefeito faça uma reforma para que possam voltar a praticar seus esportes. Salientam ainda que diversos vereadores interrompiam os jogos para fazerem palestras e promessas para a melhoria da quadra.

Vale lembrar que a cidade não possui muitos locais públicos para que jovens possam praticar esportes, sendo a quadra da ponte um dos locais mais utilizados.