Dois irmãos morrem em acidente na orla de Porto Seguro

Bahia – Dois irmãos que voltavam de uma festa no centro de Porto Seguro morreram em um acidente por volta das 05h30 da madrugada deste domingo (22) na BR-367.

No carro modelo Pálio, além dos irmãos Fabiano e Jerry Sarafim, de 32 de 23 anos, respectivamente, estavam também Lucas dos Santos Soares e Robério Pereira Magalhães, idades não divulgadas, que tiveram ferimentos graves. Um deles era primo dos mortos.

De acordo com populares, o veículo saiu da pista, bateu em uma árvore e capotou algumas vezes já no começo da orla norte. O automóvel ficou completamente retorcido. Os irmãos morreram no local. Os feridos estão internados no Hospital Luís Eduardo Magalhães.

Segundo familiares, Fabiano trabalhava de ajudante de pedreiro e Jerry de segurança. Os dois moravam no bairro Vila Valdete. O Instituo Médico Legal liberou os corpos por volta do meio dia.

O local do velório e o horário do sepultamento ainda não foram divulgados pela família. A Polícia Civil de Porto Seguro vai abrir inquérito para apurar as circunstâncias do acidente. Ainda não foi informado quem dirigia o automóvel.

Irmãos são mortos a tiros na frente da mãe em Arembepe

Dois irmãos foram mortos na madrugada desta quinta-feira (30) dentro de casa na frente da mãe em Arembepe, Região Metropolitana de Salvador. Segundo informações da polícia, cinco homens armados e encapuzados arrombaram a porta da casa e abordaram a família.

O crime aconteceu por volta das 2h, na 2ª Travessa dos Amendoeiras. Luan Fateicha de Souza, 20 anos, seria o alvo dos bandidos. Ele foi atingido por quatro tiros no peito e morreu na hora.

O irmão de Luan, um adolescente de 13 anos, chegou a correr para o quarto, mas foi perseguido e atingido por dois trios no peito. O garoto também não resistiu e morreu. Os homens fugiram após o crime.

Ainda segundo a polícia, Luan já havia sido preso por envolvimento com o tráfico de drogas. A autoria e a motivação dos crimes estão sendo investigadas pela delegacia de Arembepe.

Informações do Correio24h

Agressão entre irmãos termina no Hospital de Base

Nesta manhã de sexta-feira (10) dois irmãos e uma mulher se envolveram em uma briga na Travessa da Liberdade, no bairro Santo Antonio em Itabuna. Segundo a Polícia Militar, um dos envolvidos é usuário de drogas, e por isso as agressões se formaram.

William Santos teria envolvimento com drogas (Foto: Ednaldo Pinto)
William Santos teria envolvimento com drogas (Foto: Ednaldo Pinto)

De acordo com a PM, o envolvido se chama William Santos de Oliveira. Ele se armou com ferro e pau para agredir o irmão, mas durante a briga fraturou o braço. A cunhada de William e o irmão tiveram ferimentos leves. Os três foram encaminhados ao Hospital de Base de Itabuna.

 

Tentativa de homicídio deixa dois irmãos mortos e duas mulheres feridas no São Roque

Na manhã de sábado (4) dois irmãos foram mortos e duas mulheres ficaram ferida após tentativa de homicídio na rua Landulfo Alves, no bairro São Roque em Itabuna. Dois homens chegaram ao local e efetuaram os disparos, que atingiram Israel Santiago Simões, de 23 anos e conhecido como “Thuca”, o irmão Elieldo Santiago Simões, de 19 anos, uma mulher identificada como Marina Fernanda Silva, de 64 anos, e uma segunda mulher chamada Marília.

Elieldo sendo socorrido pela equipe do SAMU (Foto: Ednaldo Pinto)
Elieldo sendo socorrido pela equipe do SAMU (Foto: Ednaldo Pinto)

De acordo com a tia de Thuca, Israel era usuário de drogas, porém não tinha envolvimento com crimes, como homicídio e assaltos. Segundo ela, a família fez o que pôde para tentar afastar o rapaz das drogas, mas não obtiveram sucesso.

Thuca morreu a caminho do Hospital (Foto: Ednaldo Pinto)
Thuca morreu a caminho do Hospital (Foto: Ednaldo Pinto)

Israel foi socorrido e morreu a caminho do Hospital de Base, já o irmão Elieldo não resistiu o morreu na tarde de sábado. As duas mulheres baleadas foram atingidas de raspão e passam bem.

Familiares aguardam SAMU e fazem sombra para Elieldo (Foto: Ednaldo Pinto)
Familiares aguardam SAMU e fazem sombra para Elieldo (Foto: Ednaldo Pinto)

Thuca é ex-presidiário e em Abril de 2012 teve a perna amputada após ser baleado e pular do canal do bairro São Roque para tentar fugir da polícia.

Marília, uma das mulheres baleadas de raspão (Foto: Ednaldo Pinto)
Irmãos mortos (Foto: Ednaldo Pinto)
Irmãos mortos (Foto: Ednaldo Pinto)

 

 

Baiano ganhador de Mega-Sena é sequestrado em São Paulo

Irmãos sequestrados foram libertados pela polícia na madrugada desta terça (Foto: Edison Temoteo/Futura Press/Estadão Conteúdo)

Na tarde desta segunda-feira (23) o ganhador de um prêmio da Mega-Sena de R$ 7,8 milhões e o irmão dele foram sequestrados  no bairro Continental, em Guarulhos, na Grande São Paulo. A Polícia Civil estourou o cativeiro na madrugada desta terça-feira (24). Houve troca de tiros e um suspeito morreu, outro foi preso.

A Polícia Civil contou que os irmãos, que são baianos, preparavam-se para viajar para o estado onde nasceram de carro nesta terça-feira (24) quando foram surpreendidos pelos sequestradores. O pedreiro baiano, de 43 anos, que ganhou o prêmio há cerca de 3 meses, tinha R$ 5 mil em casa. Ele passou no banco e sacou mais R$ 5 mil. Aproximadamente meia hora depois, a casa dele foi invadida por um casal armado. As duas vítimas foram amarradas e amordaçadas.

Primeiramente, os irmãos foram levados no carro dos criminosos para um cativeiro em Mairiporã, na Grande São Paulo. Por volta das 20h, eles foram transferidos para o cativeiro na Avenida Pedro de Souza Lopes, na Vila Galvão, também em Guarulhos.

Na madrugada desta terça-feira, policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), que já investigavam uma quadrilha especializada em arrecadar dinheiro para uma facção criminosa, encontrou o cativeiro. O grupo, que era investigado havia cerca de 60 dias, fazia roubos de carga e roubo a banco.

Para o delegado Antonio de Olim, o sequestro teria um fim trágico pois as vítimas não tinham parentes em São Paulo que pudessem notar o desaparecimento deles. “Além da tortura psicológica, iam segurá-los no cativeiro o tempo que fosse preciso e tirar todo o dinheiro das três contas. Acho que o fim seria trágico, iriam dar um fim neles”, disse .

Na troca de tiros, um suspeito ficou ferido. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. O outro foi levado para a sede do Deic.

No cativeiro, a polícia apreendeu duas armas – uma pistola .40 e revólver calibre 32 – e 1kg de cocaína. O suspeito morto, um feirante de 25 anos, tinha passagens por roubo e homicídio, segundo a Polícia Civil. Já o detido de 23 anos também tem passagem por roubo.

Informações: G1

Polícia conduz irmãos com arma e drogas

Quatro irmãos foram conduzidos para o Complexo Policial de Itabuna na manhã deste sábado (23) em uma operação da ROTAM no Alto dos Canecos, bairro Vila das Dores.

Os quatro foram conduzidos pela polícia (Fotos: Ednaldo Pinto)
Os quatro foram conduzidos pela polícia (Fotos: Ednaldo Pinto)

Em posse deles foram encontrados um revólver calibre 38 municiado, um aparelho celular, uma pequena quantidade de droga e uma quantia de R$ 520,00. Após revólver ser apreendido, um deles teria falado: “Agora que eu perdi a arma, como vou matar os alemães? Vou matar de faca!”. Mais informações em instantes!

Morte de irmãos faz 15 dias; médica continua em enfermaria de presídio

Há exatos quinze dias, os irmãos Emanuel e Emanuele Dias, 22 e 23 anos, morreram após serem atingidos pelo veículo dirigido pela oftalmologista Kátia Vargas Pereira, no bairro de Ondina, em Salvador.

A médica foi internada no Hospital Aliança após o acidente, mas deixou a unidade de saúde no dia 17 outubro e foi encaminhada para o presídio feminino no Complexo Penitenciário da Mata Escura. Nesta sexta-feira (25), ela completa oito dias presa na enfermaria da unidade.

Kátia Vargas foi indiciada pela delegada Jussara de Souza, da 7ª delegacia, por duplo homicídio triplamente qualificado. Na quinta-feira (24), o desembargador Jefferson Alves de Assis indeferiu o pedido de urgência no julgamento do pedido de habeas corpus da médica. O Tribunal de Justiça da Bahia não informou quando a ação deverá ser julgada.

Itabela: Bebedeira entre irmãos acaba em briga e agressão

Uma briga entre irmãos, ocorrida por volta das 18h de sábado (27), na Rua 4 de Maio, no bairro Manzolão, em Itabela, deixou um ferido. João Marcos Carvalho de Almeida, de 30 anos, e Yuri Carvalho de Almeida, 29, discutiram depois de consumirem bebida alcoólica e entraram em luta corporal. Durante a briga, João Marcos atirou um tijolo no rosto de Yuri, causando lesão acima do olho esquerdo.

Populares acionaram a polícia, que conduziu os dois irmãos ao hospital e, em seguida, para a delegacia local. Segundo a polícia, João Marcos já tem histórico de agressão contra outros familiares.

Informações extraídas do Radar64