Juiz aceita pedido da AETU e circulação de ônibus aumenta em Itabuna

Quem viu coletivos circulando pelas ruas de Itabuna, pode até pensar que a greve dos rodoviários terminou, mas está enganado. É que a AETU (Associação das Empresas de Transportes Urbanos) de Itabuna conseguiu, por meio de uma liminar, fazer com que fosse liberada parte da frota de ônibus. A liminar determinou que metade dos ônibus circule das 5 às 8 horas e das 17 às 20 horas. Já nos demais horários, a circulação deve envolver 30% da frota. Segundo nota emitida à imprensa, a AETU considerou abusiva a greve dos rodoviários, alegando o atual momento crítico enfrentado pelo país, com a paralisação dos caminhoneiros e a crise de abastecimento. “A população é diretamente atingida com a supressão do transporte coletivo urbano”, diz a associação.

Confira na íntegra a NOTA DE ESCLARECIMENTO DA AETU:

 

Leia mais…

Confusões e desentendimentos são registrados durante abastecimento de combustível em Itabuna

A escassez de combustível em Itabuna é uma constante. A greve dos caminhoneiros e transportadoras no Brasil, segue em seu oitavo dia e os prejuízos são imensuráveis. Em virtude disto, a gasolina e o álcool estão sendo tratados como ouro. Quando surge a informação de que chegou combustível em determinado posto as filas formam-se atravessando quarteirões.

Nesta terça-feira (29), não foi diferente. Um posto localizado na Av. Amélia Amado lotou com motoristas e motoqueiros, em uma fração de minutos a desorganização na fila gerou diversas discussões e, por pouco não levaram as vias de fato. Os ânimos a flor da pele, e a “farinha pouca, meu pirão primeiro”, foram os ingredientes para minar tais situações. A Polícia Militar foi acionada e conteve a emoção local. Foi necessário distribuir senhas de 1 a  100 para uma melhor organização e alinhamento da fila.

Transporte escolar suspenso por falta de combustível

O sindicato que representa os motoristas do transporte escolar anuncia que os veículos não circularão a partir desta segunda-feira (28) em Itabuna, devido à dificuldade de abastecimento. É mais uma dificuldade para pais que não possam levar os filhos para assistir às aulas. A total falta de combustível é constatada na cidade e muitos motoristas tentam recorrer a postos em cidades vizinhas.

Parte dos voos são cancelados em Ilhéus

Para quem está com voos agendados para este início de semana no Aeroporto de Ilhéus – Jorge Amado, é indispensável entrar em contato com antecedência para verificar a situação do voo. O motivo para tal necessidade se dar pela falta de combustível provocada pela manifestação nacional dos caminhoneiros. O campo de aviação ilheense é um dos afetados dentre os 8 terminais brasileiro administrados pela Infraero.

Além de Ilhéus, outros terminais sem querosene de aviação, conforme a Infraero, são os de Aracaju (SE), Campina Grande (PB), João Pessoa (PB), Juazeiro do Norte (CE), São José dos Campos (SP), Teresina (PI) e Uberlândia (MG). Nos terminais afetados, somente estão autorizados pousos e decolagens de aeronaves que tenham combustível suficiente para estas operações.

Com greve de caminhoneiros, granjas ficam sem alimentos e milhares de frangos morrem

Milhares de frangos morreram na Bahia nos últimos dias em decorrência da paralisação dos caminhoneiros, que chegou ao 8º dia nesta segunda-feira (28), e da consequente dificuldade de abastecimento das granjas de regiões produtoras, segundo informações divulgadas pela Associação Baiana de Avicultura (ABA).

Caçambas e até uma retroescavadeira foram utilizadas para retirar os animais mortos das granjas (Foto: Divulgação/ABA)

O órgão informa que, por causa dos bloqueios dos caminhões em rodovias federais e estaduais de todo o país, as granjas ficam desabastecidas, sem milho, sorgo e sem insumos para alimentar as aves. Mortes de frangos já foram registradas em granjas dos municípios de Conceição da Feira, Santo Antônio de Jesus, e Governador Mangabeira. Conforme a ABA, somente no município de Governador Mangabeira foram contabilizadas, neste sábado, cerca de 50 mil aves mortas.

Caçambas e até uma retroescavadeira foram utilizadas para retirar os animais mortos dos locais. O órgão disse que não é possível, ainda, precisar quantas aves já morreram em todo o estado e nem o prejuízo.

UESC suspende aulas nesta segunda-feira

As aulas da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) foram suspensas nesta segunda-feira (28), em virtude da paralisação dos caminhoneiros e das transportadoras. Conforme informou a reitoria, estão mantidas apenas as ‘atividades inadiáveis’, a exemplo das provas didáticas e demais atividades já previstas nas bancas do concurso para professor (Edital 15/2018). A decisão foi justificada “pelas dificuldades de mobilidade e a escassez de insumos, resultantes do cenário nacional de protestos e crise”. A reitoria deverá voltar a se pronunciar nesta segunda, caso haja necessidade de manter a suspensão das atividades.

Em novo pronunciamento, Temer anuncia redução de R$ 0,46 no litro do diesel por 60 dias

O presidente da República, Michel Temer, fez na noite deste domingo (27) um pronunciamento na TV para anunciar a redução de R$ 0,46 no preço do litro do diesel por 60 dias. De acordo com o presidente, a partir daí, o diesel terá apenas reajustes mensais, decisão que visa dar “previsibilidade” aos motoristas.

Temer também anunciou que vai editar uma medida provisória isentando de pagamento de pedágio os eixos suspensos de caminhões vazios. A medida, de acordo com ele, vale para rodovias federais e estaduais. O anúncio deste domingo é mais uma tentativa do governo de pôr fim à paralisação de caminhoneiros que entrou no sétimo dia e provocou uma crise de desabastecimento de combustíveis e alimentos em todo o país.

Na quinta (24), o governo já havia anunciado uma série de medidas para atender às reivindicações dos caminhoneiros e colocar fim à paralisação. Entre as propostas estava a redução a zero da alíquota da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide), em 2018, sobre o óleo diesel; e a manutenção, por 30 dias, de uma redução de 10% no valor do diesel nas refinarias, que havia sido anunciada pela Petrobras, redução pela qual a empresa seria ressarcida pela União.

O movimento do governo, porém, não surtiu efeito, e os caminhoneiros mantiveram a paralisação. Diante disso, Temer autorizou o uso das Forças Armadas para desbloquear as estradas e editou um decreto permitindo ao governo assumir o controle de caminhões.

Protestos chegam ao sexto dia e caminhoneiros seguem com manifestações em rodovias brasileiras

Mesmo com a determinação do governador Michel Temer (PSDB) de colocar nas ruas as forças nacionais e federais, a paralisação dos caminhoneiros entra no seu sexto dia neste sábado. Em Minas Gerais estão bloqueados 63 trechos em rodovias federais. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), em todos os pontos somente os veículos de carga estão sendo impedidos de circular. Os carros seguem normalmente.

Os seguidos dias de manifestações já afeta alguns serviços. Risco de desabastecimento de água. Suspensão da coleta de lixo. Falta de materiais nos hospitais. Postos sem gasolina e álcool. Escolas, universidades e faculdades sem aula. Parques e zoológicos fechados. Esses são alguns dos serviços públicos prejudicados em Minas Gerais devido aos protestos de caminhoneiros contra a alta no preço dos combustíveis.

Justiça determina retorno da Dom Parking e cobrança da Zona Azul em Itabuna

A Justiça determinou nesta sexta-feira (25), o retorno imediato das atividades da Dom Parking Estacionamentos, em Itabuna. A liminar, concedida pelo juiz Ulysses Maynard Salgado, da 1ª Vara da Fazenda Pública, suspendeu os efeitos do Decreto nº 12.895/18, que extinguia a concessão do serviço público, cancelando, assim, o contrato com a Dom Parking. O sistema rotativo pago de estacionamento, o Zona Azul, deve voltar a ser administrado pela Dom Parking logo a partir deste sábado (26). A empresa atua em Itabuna desde 2014. Uma multa diária de R$ 5 mil até o limite de R$ 60 mil poderá ser aplicada à prefeitura em caso de descumprimento da decisão.

Ponte em Ilhéus deve ficar pronta só em 2019

Obras da nova ponte atingem 55% de conclusão || Imagem GovBA.

As obras da nova ponte que ligará o centro de Ilhéus e a zona sul do município atingiram 55% de conclusão, segundo o governo baiano. A ponte semiestaiada terá 533 metros de comprimento por 24,6 metros de largura. As obras são tocadas pela OAS. A ponte contará com passeio, canteiro central, pistas duplas nos dois sentidos e ciclovia. O projeto viário, segundo o governo baiano, terá 2,74 quilômetros de extensão, e contempla área de estacionamento. O investimento previsto é R$ 99,6 milhões.

ATRASOS

A previsão ainda não oficial é de que a obra fique pronta em maio de 2019. O cronograma era de entrega no final deste ano, mas a greve dos trabalhadores da construção civil pesada em toda a Bahia, por duas semanas, e a lentidão na obra tornaram difícil a conclusão dentro deste prazo.

Filho de prefeito que espancou ex tem prisão preventiva decretada e é considerado foragido

Clara foi espencada, torturada e teve os cabelos cortados pelo ex-marido.

O jovem Filipe Pedreira, de 19 anos, filho do prefeito da cidade baiana de Salinas da Margarida e suspeito de torturar, espancar e cortar os cabelos da ex-mulher Clara Emanuele Santos Vieira, de 20 anos, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça e é considerado foragido. O jovem é procurado desde sexta-feira (18), quando foi acatado o pedido de prisão, solicitado pelo Núcleo de Proteção à Mulher (NPM) da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), com sede em Santo Antonio de Jesus, onde o crime ocorreu. A Polícia Civil informou, nesta quinta-feira (24), que policiaiss cumpriram mandado de busca e apreensão em imóveis da família de Felipe e em lugares indicados por denúncias anônimas. “Estivemos nas cidades de Salinas da Margarida, Arauá, Jaguaripe e em lugares indicados por denúncias anônimas, mas ele não foi localizado”, explicou a delegada Patrícia Jackes, que investiga o caso.

Jovem de 20 anos fez denúncia contra ex-marido na Bahia.

Trabalhadores da UPA do Monte Cristo entrarão em greve na segunda (28)

Os funcionários da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) 24 horas do Monte Cristo, em Itabuna, decidiram, em assembleia, iniciar greve por tempo indeterminado a partir da próxima segunda (28). O movimento é pelo atraso de salário do mês de abril.

Segundo a direção do Instituto Bom Jesus, empresa que administra a UPA, a Secretaria de Saúde de Itabuna ainda não pagou pelos serviços prestados no mês anterior. O município somente deverá pagar a fatura de abril após a conclusão de auditoria nos serviços prestados pela UPA. O Conselho Municipal de Saúde estranhou a suspensão do pagamento. “Quem presta serviço, tem que receber independente de revisão dos contratos”, conclui.

As direções do Sindicato dos Trabalhadores de Saúde de Itabuna (Sintesi) e do Sindicato dos Técnicos e Auxiliares de Enfermagem (Sindtae) emitiram nota na qual dizem entender o dilema da empresa Instituto Bom Jesus, mas fazem a cobrança do que é devido aos trabalhadores.

GREVE NO CEMEPI

Ainda de acordo com os dirigentes sindicais, funcionários do hospital pediátrico Cemepi – antigo Ipepi – passam pela mesma situação. Lá, os funcionários também podem decidir por uma paralisação dos serviços em uma assembleia que ocorrerá nesta quinta-feira.

Emenda assegura R$ 300 mil para a Santa Casa de Itabuna

Eric Júnior e a vereadora Charliane Sousa, do PTB.

 

O provedor da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, Eric Júnior, reuniu-se com a vereadora Charliane Sousa (PTB), na última segunda-feira (14). A instituição promoverá, no Santo Antônio, base da vereadora, o próximo Santa Casa nos Bairros, programado para o dia 9 de junho, no Grupo Escolar Luiz Viana Filho.

Durante o encontro, Charliane confirmou a destinação de R$ 300 mil em emenda para a Santa Casa de Itabuna, por meio do deputado federal Benito Gama (PTB). Segundo ela, o valor apenas aguarda liberação por parte do Ministério da Saúde.