Projeto viabiliza horta comunitária no presídio de Itabuna

Dionizio José de Lima Juliana Catai e a bióloga Cássia Bahia da Seagrima (Foto: Divulgação)
Dionizio José de Lima Juliana Catai e a bióloga Cássia Bahia da Seagrima (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Itabuna estuda a possibilidade de implantação de um projeto de horta comunitária no Conjunto Penal visando promover a inclusão social dos internos, garantir produtos hortigranjeiros saudáveis e a melhoria da qualidade de vida da população carcerária. A proposta foi discutida por técnicos da Diretoria da Agricultura Familiar da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente com a direção da unidade.

O titular da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, Lanns de Almeida Filho, considera válida a iniciativa conjunta entre prefeitura e a direção do presídio em estimular a produção agrícola na unidade prisional. A proposta, segundo ele, não visa apenas à produção de alimentos que vão complementar e variar o cardápio, mas também serve como uma importante contribuição como terapia ocupacional, bem como para a reabilitação dos internos.

Na visita, a diretora do Departamento da Agricultura Familiar, Juliana Cattai, adiantou ao coordenador do presídio Manoel Pequeno e à assistente social Margarida Mangabeira que há predisposição do município em desenvolver projeto-piloto, inclusive com o fornecimento de insumos agrícolas e orientação técnica para capacitação dos internos. A área verde já existe dentro do presido tem as dimensões ideais para o cultivo de hortaliças.

Além disso, ficou demonstrado à equipe da Secretaria da Agricultura que alguns dos internos se mostraram interessados na implantação do projeto, já que um deles já cuida de um jardim na área interna do presídio. “Alguns levam jeito e gostam de trabalhar a terra, o que precisa é de incentivo para a produção de hortaliças”, assegurou Juliana Cattai, que na visita a unidade estava acompanhada do técnico agrícola Dionizio José de Lima e a bióloga Cássia Bahia.

Crianças do Zizo são presenteadas com brinquedos gratuitos

Fotógrafo: Ednaldo Pinto.

Itabuna – A alegria tomou conta das ruas e travessas do bairro de Zizo na manhã deste domingo (22). O projeto intitulado como “Fazer uma criança feliz” presentou a criançada com + de 1.200 brinquedos.

Papai Noel, Cláudio.
Papai Noel, Cláudio.

O idealizador do evento, Renan, destacou a importância de realizar mobilizações filantrópicas como essa. Sobretudo, pois a comunidade o ajudou interinamente tendo agradecimentos especiais a Ednaldo Pinto, Alfredo, Hernande, Bete, Doda, Zé Alberto, Herlândia entre muitos outros que se abdicaram da manhã de domingo para está presente. Ainda segundo ele, este foi o primeiro de muitos que ocorrerão.

Além disso, foi indispensável a presença da equipe do palhaço Linguiça e sua equipe que levaram sorrisos a uma população pobre mas rica de coração.

Atividades do ProJovem Adolescente são iniciadas

A Secretaria da Assistência Social (SAS) de Itabuna iniciou na segunda-feira (12) as atividades do ProJovem Adolescente com a mobilização de jovens na faixa etária de 15 a 17 anos que residem nas áreas de abrangência dos núcleos coletivos dos bairros Novo Horizonte, Monte Cristo, Nova Itabuna, Nova Ferradas e Jorge Amado.

Nesta semana, o trabalho dos técnicos que atuam no programa está centrado na triagem e efetivação da matrícula dos jovens beneficiários do Bolsa Família, um dos públicos alvo do ProJovem Adolescente. Desenvolvido pelo governo federal em parceria com a Prefeitura de Itabuna, o programa caracteriza-se como um serviço de convivência e fortalecimento de vínculos dos adolescentes com a família e a comunidade.

De acordo com a diretora do Departamento de Proteção Básica II da SAS, Luciana Seara Sousa Lima, os adolescentes assistidos pelo ProJovem também são incentivados ao retorno à escola e a permanência com sucesso no sistema de ensino com a formação cidadã e a sua transformação como agente ativo de mudança em seu meio.

Os núcleos, denominados de coletivos, funcionam como centros onde são ministradas oficinas e palestras, de segunda a quinta-feira, com ênfase em temáticas de convivência social, participação cidadã, formação de caráter e opiniões.

A diretora Luciana Seara ressalta ainda que os participantes do ProJovem Adolescente recebem capacitação para sua inserção no mercado de trabalho e geração de renda, por meio do desenvolvimento de habilidades e trabalhos artísticos, lazer e música. O programa também atende adolescentes encaminhados pelo Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) que estejam cumprindo medidas socioeducativas.

Para a efetivação da matrícula os jovens devem buscar atendimento nos seguintes endereços:

Escolas municipais ajudam no combate à dengue

Propondo ações que busquem a conscientização da comunidade quanto à importância do combate à dengue, parceria entre as secretarias da Educação e da Saúde de Itabuna está desenvolvendo nas escolas da Rede Pública Municipal de Ensino o projeto “De Olho Vivo no Mosquito da Dengue”.

Segundo a secretária da Educação, Dinalva Melo do Nascimento, a metodologia empregada na execução do projeto inclui a realização de reunião de sensibilização com a participação de representantes da Secretaria da Saúde e entrega de carta à comunidade, além da divisão de grupos de pesquisa entre os alunos. As ações estão divididas de acordo com cada segmento educacional.

O trabalho conta com a participação direta do professor que em sala de aula promove a exibição de vídeo sobre o ciclo de vida do mosquito transmissor da dengue, estimula o debate sobre o tema e coordena a pesquisa de campo realizada pelos alunos. Nesta investigação, o aluno leva para casa uma ficha de acompanhamento na qual registra as ocorrências de possíveis criadouros, a exemplo de tanques e reservatórios de água descobertos, garrafas destampadas ou vasos de planta com água.

No último sábado (10) o dia letivo da rede foi marcado pela realização de ações que culminaram na execução do projeto “De Olho Vivo no Mosquito da Dengue” em diversas unidades escolares. Na Escola Jorge Carrilho, no bairro Santo Antonio, por exemplo, focados na temática proposta, os alunos mostraram os trabalhos desenvolvidos em sala de aula utilizando recursos como paródias, soletrando e peças teatrais.

A idéia da escola foi envolver as famílias e a comunidade visando promover a melhoria do bem-estar comunitário, motivando o espírito investigativo do aluno e estimulando a constante prevenção do combate ao mosquito Aedes aegypti, com a eliminação dos possíveis criadouros.

FICC abre novos cursos para a comunidade

A Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC) abre novos cursos com o objetivo de realizar uma transformação social e contribuir para a construção de uma cidade de paz. Haverá uma seleção divida em sete modalidades: como violão, cinema, dança, teatro, contador de história, artes digitais e percussão

Os agentes culturais ministrarão cursos para turmas de 30 a 50 alunos nas diversas áreas da cidade, a depender da modalidade. Todos terão carga horária de 20 horas semanais, bolsa mensal de R$ 400 e contrato até dezembro, que poderá ser renovado por mais um ano.

O presidente da FICC, Roberto José da Silva, afirmou que a meta é disponibilizar 300 agentes culturais para toda a cidade nos próximos anos. Ele destaca que já estão sendo feitas parcerias com escolas municipais, Fundação Marimbeta e igrejas católicas e evangélicas para realização das aulas.

De acordo com a coordenadora de Cursos da FICC, Denise Tavares, até o momento já foram selecionados 24 jovens que estão em fase de capacitação com profissionais da área para levar à comunidade arte, educação, cultura, inclusão social e valorização do talento regional.

Alguns dos agentes culturais selecionados, já foram lotados e estão atuando nas suas comunidades, efetuando a matrícula dos alunos interessados. É o caso de Diógenes Dias Lima, do bairro Novo Horizonte. Segundo o jovem, a receptividade das pessoas está sendo muito boa, pois o projeto cultural da FICC é muito interessante. Na sua continuidade será essencial para o alcance dos objetivos de entretenimento, cultura e lazer de parte da juventude.

Aniversário de Itabuna terá mutirão da saúde

No próximo dia 27 de julho, véspera do aniversário da cidade, das 7h ao meio dia, será realizado no Espaço Cultural Josué Brandão, na Câmara de Vereadores de Itabuna, o I Mutirão da Saúde. O evento, que faz parte das comemorações pelos 103 anos do município, vai disponibilizar orientações e serviços de saúde para a comunidade.

A população terá acesso a balcão de informações sobre o Cartão de Saúde, doenças e acidentes de trabalho, atividades educativas de prevenção e orientação a saúde bucal, com distribuição de kits com escova e creme dental; além de atendimento com 10 consultórios móveis dos Voluntários do Sertão, teste de glicemia e técnicas de primeiros socorros com a equipe do SAMU 192.

Autorizações de exames laboratoriais serão facilitadas, assim como mamografia e ultra sonografia mamária, parte da Prevenção do Câncer de Mama e Colo Uterino em parceria com o Grupo Se Toque. Terá ainda orientação para prevenção e realização de Teste Rápido DST/AIDS e hepatites virais, além de captação de doadores de sangue para o Hemocentro da cidade.

Consultas e avaliação oftalmológica com acuidade visual, rastreamento de glaucoma, glicemia capilar em parceria com o Hospital de Olhos Beira Rio, Day Horc e Fundação Regina Cunha.

Também será oferecida avaliação fonoaudiológica em parceria com o Centro de Saúde Auditiva de Itabuna (Cesai). Avaliações para cirurgias bariátricas, atendimento com anestesista e cardiologista; angiologista, endocrinologista e pneumologista. Uma equipe multifuncional com psicólogo, nutricionista e fisioterapeuta ficará a disposição da população. Será apresentado um vídeo sobre cirurgia bariátrica e equipamentos relacionados à cirurgia. A Fundação Jose Silveira vai colaborar com um baú de serviços que inclui: ultra som; mamografia; ginecologia; odontologia.

Novos equipamentos e mobiliários

As Unidades Básicas de Saúde de Itabuna vão receber mais de 200 itens como armários, mesas, porta-soro, bebedouro, cadeiras, longarinas, além de medicamentos, insumos e equipamentos. A parceria foi assegurada pelo secretário de Saúde do Estado, Jorge Solla, em reunião com o secretário Renan Araújo. A parceria garante melhorias para as Unidades Básicas de Saúde que estão em fase final de reforma.

Ainda como parte da programação de aniversário no dia 27/07 acontece a inauguração da emergência reformada do Hospital de Base, às 11 horas. O secretário, Renan Araújo, adiantou que nas próximas semanas passa a funcionar, temporariamente, a Central de Regulação de Leitos na sede da Secretaria de Saúde até que se encontre um lugar definitivo.