Camaçari: Mulher é presa por planejar a morte de companheiro

Nesta última quarta-feira (10) uma mulher foi presa em Camaçari por participar da morte do companheiro. De acordo com a delegacia do município, a morte da vítima foi organizada por Vânia de Sena Carneiro, de 27 anos, e seu amante, Rafael Araújo da Silva, 27 anos, conhecido como ‘Dois’, dono de uma boca de fumo na cidade. Um comparsa do traficante também participou do crime.

A vítima Jailson Nunes Gonçalves Júnior, 35 anos, tinha dívidas com o tráfico de drogas local e teve a sua morte encomendada pelo amante de sua mulher. No dia 20 de abril, Vânia o chamou para sair e tomar uma cerveja, mas ao chegar no local, no bairro Jardim Limoeiro, foi surpreendido por Rafael e seu comparsa Deivid, que o mataram a facadas.

Vânia foi presa próxima ao bairro onde mora após ter sua prisão temporária decretada pela Justiça. Ela já havia sido ouvida pouco depois da morte de seu companheiro e confessou ter participado do crime, mas alegou que havia encomendado a morte de Júnior por ciúmes.

Ainda segundo a delegacia de Camaçari, ao ser presa nesta semana, ela confessou que a morte do ex-companheiro havia acontecido por conta de dívidas com o tráfico de drogas.

Deivid, que também participou do crime, já havia sido preso em maio por tráfico de drogas, mas seu envolvimento na morte de Júnior só foi revelado no depoimento de Vânia. No momento da sua prisão, ele foi detido com uma moto que pertencia à vítima. Rafael segue foragido.