Bancos, Correios e TV têm mudanças durante horário de verão

Embora não tenha aderido ao horário de verão pelo quinto ano consecutivo, a Bahia terá algumas mudanças nos horários de funcionamento de alguns serviços entre 16 de outubro deste ano e 19 de fevereiro de 2017. Confira as alterações: filas-banco

As agências bancárias do interior do estado terão os horários de abertura e fechamento antecipados em uma hora. Já em Salvador e na região metropolitana não haverá mudanças nos horários de atendimento.imgres

Segundo a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Correios), o horário de funcionamento das agências em todo o estado não será alterado. Em Salvador e Feira de Santana, entretanto, o horário limite de postagem para os objetos seguirem no mesmo dia sofrerá alterações.

Carro atropela e mata vaca na entrada de Buerarema

Um grave acidente envolvendo um automóvel e um animal de grande porte foi registrado no final da noite desta terça-feira (19). Segundo informações preliminares, um carro atingiu em cheio uma vaca que transitava pela BR-101. O fato aconteceu na entrada do município de Buerarema.

O condutor do veículo saiu ileso, no entanto, a vaca não teve a mesma sorte, após o impacto ela não sobreviveu e foi a óbito.

Rondesp e CIPE realizam abordagens na região de conflito em Buerarema

Buerarema – Constantemente ocorrem assaltos a diversos transportes coletivos que locomovem-se de Itabuna com destino a Buerarema, ou demais linhas advindas de Ilhéus. Por isso, com intuito de coibir novas ações criminosas na região de conflito, a CIPE Cacaueira juntamente com a Rondesp retomaram as abordagens na noite desta sexta-feira (1º).

Segundo informações, várias abordagens foram feitas pelos policiais, no entanto, ninguém foi preso e nenhum material ilícito foi apreendido. O trabalho ostensivo continua, já que o clima entre os pequenos produtores e os indígenas está acirrado.

Homem mata outro por vingança em Buerarema

Buerarema – José Claudio Barbosa da Silva, de 36 anos, popularmente conhecido como “Cal”, foi executado a tiros por dois homens ainda não identificados. O crime ocorreu na manhã desta sexta-feira (25) no bairro São Bento, e deixou a população local assustada.

Foto: Ednaldo Pinto.
Foto: Ednaldo Pinto.

Informações dão conta que a motivação para o crime foi uma mera vingança de um dos criminosos contra Cal, pois ele havia atirado em um deles na semana passada.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Itabuna, foi solicitado e está deslocando-se até o local.

Tupinambás se recusam a deixar terras invadidas na Bahia

A Justiça Federal determinou que os autodeclarados índios tupinambás deixem as terras que invadiram no Sul da Bahia. Eles se negam a cumprir a decisão.

Em despacho, o juiz Lincoln Pinheiro relata a justificativa do autointitulado cacique Babau: “Disse ele que não poderia conciliar porque os ‘Encantados’ não querem e que perderia poderes caso desobedecesse a sua vontade”, conforme informou em publicação no site da revista Época.

Encantados”, depreende-se, são as divindades dos tupinambás, considerados extintos desde o século XVII. O juiz Pinheiro lembra que “ninguém pode deixar de cumprir obrigações invocando a própria crença”.

Agricultores enfurecidos agridem supostos índios

Buerarema – Cleiton Teles de Souza e Josevaldo de Jesus Souza foram agredidos nesta sexta-feira (30), por pequenos produtores que perderam suas terras no último conflito entre os tupinambás.

A motivação para às agressões foi a revolta dos agricultores ao verem a dupla supostamente indígena andando tranquilamente pelas ruas do município. Indignados, os trabalhadores sentiram-se afrontados e foram até os índios para tirar satisfação quando começaram a agredi-los, com pedras e madeiras. Na confusão, um dos índios sofreu um corte na cabeça e necessitou ser levado até o Posto da FSESP.

A Polícia Militar foi acionada e conteve os ânimos. Segundo o comandante da viatura, Ten. Nelito , após a chegada da guarnição a confusão parou, e os soldados Valadares e Teixeira, conduziram os supostos índio até a Delegacia, para a segurança dos mesmos.

Mãe de jovem assassinado em Buerarema pede justiça

O dia do Natal já não é tão ansiado assim por Dona Norma Alves, isto porque, ela, uma mãe que, no dia da tradicional festa familiar em que se comemora a vida, ela deparou com a morte do seu filho único, de forma fria e cruel. Um jovem estudante de Direito, trabalhador, responsável e bastante querido pelos familiares, amigos e colegas.

O fato aconteceu no dia 25 de dezembro de 2008, no município de Buerarema. Rafael Alves Xavier, a vítima, voltava de um tradicional “baba de saia” (comemoração de futebol entre amigos, onde homens se vestem de mulher), que fora convidado para um momento de diversão, foi assassinado com um tiro de revólver, sem ter chance de defesa, e não conhecer o seu algoz.

De acordo com relatos do processo, o jovem que era residente na cidade de Itabuna, era considerado do bem e não estava envolvido na briga em que foi alvejado. Ainda, segundo os autos, uma briga envolvendo dois amigos da vítima que estavam vestidos de mulher, em virtude da tradicional comemoração, foi o motivo pelo qual o jovem teve a sua vida ceifada.

Testemunhas contam no processo que o jovem Rafael não estava envolvido no desentendimento, mas tentou separar um amigo, que teria sido vítima de chacota pelos irmãos Regis e Arlei (réu confesso do disparo) e por isso fora atingido.

O julgamento do acusado será no próximo dia 4 de Junho de 2014, a partir das 9h, em Buerarema. A mãe que ainda chora bastante ao lembrar-se do seu único filho, a qual tanto se dedicou para transformar em um homem de bem, só tem um desejo: Justiça. “O meu desejo é que seja feito justiça e que o caso não caia no esquecimento, pois Rafael era um jovem tranquilo, meu único filho, que inocente, perdeu a vida dessa forma brutal”, diz ainda bastante abalada.

O acusado, segundo Norma Alves, está vivendo tranquilamente na cidade de Buerarema, depois de retornar da cidade de São Paulo, para onde na ocasião do crime fugiu. A família ainda pede aos amigos e colegas que juntos clamem por justiça no momento do julgamento

Homem é preso após roubar moto em Itabuna

Fotógrafo: Ednaldo Pinto
Fotógrafo: Ednaldo Pinto

Na segunda-feira (19), Maycon Silva, assaltou um homem, levando sua moto e pertencer pessoais, próximo ao Bairro Odilon, em Itabuna. A vítima ágil rápido e ligou para polícia informando que sua moto foi roubada e o bandido tinha fugido sentido a Buerarema, Policiais Militares fizeram a dirigência e conseguiu prender o acusado na estrada.

10346721_463592960441224_1957701214_n

A vítima teve sua moto recuperada e o acusado ficou a disposição da justiça, respondendo por assalto a mão armada.

Motociclista morre após colidir com ônibus na BR-101

Foto: Ednaldo Pinto
Foto: Ednaldo Pinto

Na noite deste sábado(05), na BR-101, no trevo de Buerarema, morreu em acidente, José Cláudio Ferreira da Silva, 27 anos. Ele pilotava uma moto que colidiu com um ônibus.

Segundo informações, José nasceu em Buerarema e atualmente morava em São Paulo, saiu da cidade na ultima sexta-feira (04) para visitar a mãe que mora em Itacaré, e infelizmente ocorreu essa fatalidade.

Imagens Fortes!

A galeria dessa matéria foi escondida por conter cenas muito fortes.Você pode ver as fotos clicando no botão abaixo somente dentro do post.

Tropas do Exército deixam áreas de conflito no sul baiano

Com informações Davidson Samuel | Pimenta.

ex

Exército e Marinha deixaram a região de conflito entre produtores rurais e índios e autodeclarados tupinambás, na região que envolve Ilhéus, Una e Buerarema. De acordo com as primeiras informações, as três bases de segurança (pacificação) instaladas na área de 47,3 mil hectares foram desmontadas entre ontem e hoje (11).

As Forças Armadas estavam no sul da Bahia desde o dia 14 de fevereiro, após o governador Jaques Wagner recorrer à Garantia da Lei e Ordem (GLO) e passar ao governo federal a responsabilidade pela segurança pública na área do conflito.

ASSASSINATO DE AGRICULTOR

Hoje faz um mês que o agricultor Juraci Santana foi executado a tiros, no Assentamento Ipiranga, no Maroim, em Una. Até o momento, ninguém foi preso. A retirada das tropas do Exército é considerada uma vitória para os tupinambás, que estariam planejando uma caminhada ecológica na área do conflito.

Análise crítica

Nos últimos dias estamos vivenciando, umas grandes manifestações que vem se tornando umas das principais manchetes dos Jornais do Sul da Bahia. No inicio, um dos motivos desagradável é o conflitos recentes entre os índios e os produtores rurais, uma das principais causas dessa revolta popular é a pacificação do local para impedir confrontos futuros.

Esse conflito ocasionou o inicio de insatisfação da população, quando ocorreu triplo homicídio, onde hoje os índios ocupam os diversos territórios rurais e fazendas. O principal centro de todas essas manifestações esta concentrado na cidade de Buerarema. As posses dessas terras são classificadas pelos índios como a “recuperação de um solo sagrado” foi uma das principais formas encontradas pelos Tupinambás para pedir do governo federal uma solução do processo de separação da Terra Indígena.

O governador do Estado da Bahia fez um anuncio recentemente sobre a multitarefa de um instrumento que garantia da lei e da ordem na cidade de Buerarema, declarou também, que a situação vem fugindo do controle e pondo em risco a segurança da população.

Por: Crislane Santos Silva – Estudante de Jornalismo

Vereador de Buerarema é preso pelo Batalhão de Choque

Foto: Ednaldo Pinto.
Foto: Ednaldo Pinto.

Buerarema – Policiais Militares do Batalhão de Choque prenderam na noite desta quarta-feira (12), o vereador, Ariosvaldo Vieira (PTB), por desacato à autoridade e proferir palavras de baixo calão.

Segundo os policiais, um “toque de recolher” havia sido dado no intuito de proteger a população de possíveis conflitos, entretanto, o vereador se recusou e permaneceu na porta de sua casa.

Em entrevista, Ariosvaldo negou ter desacatado os pm’s, e afirmou que estava com a filha quando os militares ordenaram que ele entrasse na sua residência. Contudo, segundo ele, os policiais agiram com hostilidade jogando spray de pimenta nele, em seguida, foi algemado e conduzido até o Complexo Policial de Itabuna.

Além de vereador Vieira é advogado e estava revoltado com toda situação.

Corpo do agricultor assassinado chega a Buerarema

Buerarema – Na tarde desta quarta-feira (12/02), o corpo do agricultor Juraci Santana chegou a cidade.

O corpo está sendo velado até o momento na Câmara de Vereadores. Há mais de 10 mil pessoas na praça da cidade. A intenção é velar o corpo em praça pública, devido ao grande número de pessoas que querem prestar a última homenagem ao agricultor.

Um helicóptero do Exército Brasileiro já chegou ao município, e sobrevoou a região para fazer reconhecimento da área.

Atualizada às 17h20

O cortejo de Juraci acaba de sair para o sepultamento

Atualizada às 17h30

Supostos índios estavam atrapalhando o cortejo. Policiais que acompanham, conseguiram deter os indivíduos. O cortejo segue normalmente.

Atualizada às 18h01

O corpo do agricultor Juraci foi sepultado.

Moradores e fazendeiros protestam na BR-101 contra morte de agricultor em região de conflito

Una – O Presidente do Assentamento dos Sem Terra do Ipiranga, na Vila Brasil, Juraci Santana, foi morto na madrugada desta terça-feira (11). A esposa da vítima está desaparecida.

Segundo informações policiais, Juraci chegava em sua propriedade quando foi surpreendido por uma emboscada feita por supostos “índios“.  A fazenda havia sido desapropriada e indenizada pelo governo federal há mais de dez anos.

Juraci é o homem de boné branco que aparece na imagem.
Juraci é o homem de boné branco que aparece na imagem.

O local onde ocorreu o homicídio foi onde a Força Nacional desmontou a campana e retornou para base na última sexta-feira (07/02).

O Assentamento Ipiranga tem 40 famílias e os caciques assediavam os agricultores para que estes se tornassem autodeclarados tupinambás. Apesar do assédio, conforme testemunhas, apenas cinco das famílias aceitaram a proposta dos caciques.

Atualizado 10h34min

Neste momento, o clima está quente em Buerarema! Os agricultores e moradores de Buerarema acabam de interditar a BR-101 no trecho de acesso ao município sul-baiano em protesto contra a onda de violência na região de conflito com índios tupinambás.

Atualizada às 11h39min

Os manifestantes atearam fogo em pneus e galhos de árvores sobre a ponte da BR-101. O trânsito está congestionado e formam-se filas quilométricas de veículos.

Foto: Macuco News.

Atualizada às 13h12min

A esposa do agricultor assassinado nesta madrugada de terça-feira (11), já foi encontrada sem ferimentos.

Atualizada às 16h54min

Os manifestantes continuam tentando derrubar parte da ponte da BR-101. Mais barricadas foram feitas e mais pessoas juntaram-se ao protesto. Com isso, a entrada e saída de veículos no município foram interditadas até cinco quilômetros de antes dos acessos, a fim de evitar a depredação dos automóveis. Mais viaturas da PRF foram solicitadas e deslocaram-se até o local. Por enquanto, nenhuma negociação foi feita.

Manifestantes lançaram pedras e coquetéis molotovs nos policiais, chegando a atingir os soldados diversas vezes. O reforço da Força Nacional, que está na cidade, foi solicitado, mas até por volta das 19h a ordem para o reforço não havia sido dada de Brasília.

DNIT

A ponte não poderá ser liberada até a avaliação de um engenheiro e conserto feito pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Técnicos do departamento já estão na rodovia, com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, aguardando o fim da manifestação para solucionar o problema.

Atualizada às 22h20 – Posto de Combustível
Os conflitos continuam na cidade. De acordo com populares, manifestantes ameaçaram incendiar um posto de combustível na localidade, obrigando que funcionários abastecessem um veículo sem cobrar.

Atualizada às 23h – Marinha
Fuzileiros navais de Salvador foram avisados que devem ficar de prontidão. Caso seja necessário, eles podem ser acionados nesta quarta-feira (12) para se deslocarem para Buerarema e darem suporte a polícia.

Atualizada às 23h32 – Feridos
Pelo menos quatro policiais ficaram feridos por conta dos ataques em Buerarema. Eles foram medicados e passam bem.  Além disso, civis também ficaram feridos e precisaram ser encaminhado pro Hospital de Base de Itabuna.

Edinei de Jesus dos Santos, de 45 anos, foi atingido no olho.
Edinei de Jesus dos Santos, de 45 anos, foi atingido no olho.
Atualizada às 23h34 – Agências depredadas

As agências do Banco do Brasil e Bradesco foram depredadas em reação às bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha disparadas pela PM contra os manifestantes.

O confronto começou por volta das 17h20min, na BR-101, e terminou cinco horas depois. Manifestantes ficaram revoltados com a ação da tropa de choque.

 

SSP disponibiliza mais 100 homens para atuar em Buerarema

Com o objetivo de reavaliar os trabalhos das forças de segurança na região de Buerarema, o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, se reuniu, na tarde desta quinta-feira (6), com representantes do Ministério da Justiça, Força Nacional e polícias Federal, Militar e Civil.

Barbosa anunciou o aumento do apoio às forças federais, com a intensificação das blitz e policiais no município e áreas vizinhas. Segundo ele, as ações de inteligência no sul do estado também serão ampliadas com o objetivo de evitar novos conflitos.

Oitenta policiais militares darão o apoio, na realização de blitz e para apreensão de armas de fogo, veículos irregulares e entorpecentes em Buerarema e região”, garantiu Barbosa, que, ao lado de Hélio Jorge Paixão, delegado-geral da Polícia Civil, também anunciou a participação de mais 20 policiais civis para agilizar as investigações.

Participaram ainda da reunião o diretor da Força Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça, Alexandre Aragón, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Alfredo Castro, e os delegado César Martinez e Marcus Vinícius de França Moreira, representando a Polícia Federal, dentre outras autoridades.