Foragido de São Paulo é preso em Itabuna após brigar com filha

Foto: Ednaldo Pinto.
Foto: Ednaldo Pinto.

Itabuna – Clodoaldo Santos Alves, de 43 anos, foi conduzido até a 6ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Delegacia), após envolve-se em uma briga familiar no bairro Manoel Leão.

Segundo informações, Clodoaldo estava na casa do seu irmão situada no bairro supracitado, quando iniciou uma intensa discussão com sua filha. Sentimentos de ciúmes, ódio e uma possível lascívia para com ela, levaram tiraram Clodoaldo do sério. Logo, a PM foi solicitada e esteve no local para conter os ânimos. Porém, o suspeito tentou fugir entrando em um matagal e misturando ao lamaçal, todavia, foi surpreendido pelos militares e algemado.

Ao chegar no Complexo Policial foi descoberto que Clodoaldo havia sido preso e condenado a prisão em Suzano-SP, por ter roubado um carro, porém conseguiu fugir. A todo tempo ele xingava os policiais com palavras pejorativas como: “seus merdinhas, bostinhas, porquê não me solta e vamos resolver mano a mano“, exclamava. Devido a ficha criminal de Clodoaldo, sua agressividade, e frases de facções criminosas, certamente ele fazia ou faz parte do PCC (Primeiro Comando da Capital), do Estado de São Paulo.

Agora ele encontra-se detido a disposição da Justiça Criminal.

Entre tapas e beijos: Homem agride esposa, caso vai parar na Delegacia e ambos fazem as pazes

Itabuna – Na noite deste domingo (9), um homem identificado pelo prenome de, Murilo, foi preso pela Polícia Militar acusado de ter agredido fisicamente a sua companheira, Erivalda. O caso aconteceu no bairro Nova Califórnia.

Segundo informações policiais, durante uma briga entre o casal, Murilo enfureceu-se e atacou a sua esposa. Ferida, ela pediu ajuda aos vizinhos que acionaram a polícia. Uma viatura da PM foi até o endereço onde deteve o valentão.

Na Delegacia, Murilo estava sendo enquadrado na Lei Maria da Penha, quando, ambos acabaram fazendo as pazes.

Agressão entre irmãos termina no Hospital de Base

Nesta manhã de sexta-feira (10) dois irmãos e uma mulher se envolveram em uma briga na Travessa da Liberdade, no bairro Santo Antonio em Itabuna. Segundo a Polícia Militar, um dos envolvidos é usuário de drogas, e por isso as agressões se formaram.

William Santos teria envolvimento com drogas (Foto: Ednaldo Pinto)
William Santos teria envolvimento com drogas (Foto: Ednaldo Pinto)

De acordo com a PM, o envolvido se chama William Santos de Oliveira. Ele se armou com ferro e pau para agredir o irmão, mas durante a briga fraturou o braço. A cunhada de William e o irmão tiveram ferimentos leves. Os três foram encaminhados ao Hospital de Base de Itabuna.

 

Polícia informa que pouso forçado em Salvador não foi por uma briga de casal

Passageiros do voo 5135 aguardam embarque no Aeroporto de Salvador (Foto: Divulgação)
Passageiros do voo 5135 aguardam embarque no Aeroporto de Salvador (Foto: Divulgação)

A Polícia Federal informou na tarde desta quinta-feira (9) que a confusão ocorrida no voo da Azul que pousou em Salvador não foi uma briga de casal [relembre aqui]. De acordo com a polícia, um homem teria surtado dentro do avião e chegou a agredir verbalmente passageiros e aeromoças, além de ter tirado a camisa.

O homem foi ouvido pela Polícia Federal e encaminhado para o Presídio Salvador no bairro da Mata Escura. Ele foi enquadrado nos artigos 147, por ameaça a passageiros, e no 261, por atentado a embarcações ou aeronaves.

Todos os passageiros que estavam dentro do voo, que saiu de Natal (RN) com destino a Guarulhos (SP), já foram encaminhados para São Paulo. De acordo com informações da assessoria de imprensa da companhia aérea Azul, eles foram realocados em um outro voo, que chegou em São Paulo no final da tarde desta quinta.

A Polícia ainda informou que o homem estava acompanhado de uma adolescente, que foi encaminhada de volta para o Rio Grande do Norte por ser menor de idade. Uma irmã mais velha da jovem foi contatada para esperar a garota no aeroporto de Natal. A Azul foi responsável pelo embarque de volta da jovem, segundo informações da assessoria. A polícia informou ainda que não há grau de parentesco entre o homem e a jovem que estava com ele.

Avião pousa em Salvador após casal brigar em aeronave

Um voo da empresa Azul que saiu de Natal (RN) com destino a Guarulhos (SP) realizou um pouso não programado na manhã desta quinta-feira (9) em Salvador. De acordo com informações do Posto da Polícia Federal do Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães, o motivo do pouso foi a briga de um casal, que está sendo ouvido por agentes da Polícia Federal.

Passageiros do voo 5135 aguardam embarque no Aeroporto de Salvador (Foto: Divulgação)
Passageiros do voo 5135 aguardam embarque no Aeroporto de Salvador (Foto: Divulgação)

A empresa Azul se manifestou através de nota oficial:

“Azul Linhas Aéreas Brasileiras informa que o voo 5135, que faria a rota entre Natal e Guarulhos, realizou um pouso não programado em Salvador por conta do comportamento inconveniente de dois passageiros que estavam a bordo da aeronave. O caso está sendo tratado pela Polícia Federal do aeroporto de Salvador. Os Clientes estão recebendo toda a assistência necessária de acordo com a resolução 141 da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e sendo reacomodados em outros voos. A Azul lamenta eventuais transtornos ocorridos aos seus Clientes.”

Mulher briga com marido e se joga de prédio em Itabuna

Na manhã desta terça-feira (7) uma mulher se jogou de um prédio em Itabuna. O incidente aconteceu na rua Saturnino José Soares, no bairro de Fátima, quando Raquel da Paixão Sousa, de 40 anos, se jogou após discutir com o marido.

De acordo com a Rádio Difusora, Raquel já deu entrada outras vezes no hospital por tentativas de suicídio. Ela foi socorrida e levada para o Hospital de Base Luis Eduardo Magalhães.

Motoqueiros Selvagens: Briga de trânsito quase termina mal

Itabuna – No início da tarde desta segunda-feira (16), o nosso repórter fotográfico, Ednaldo Pinto, registrou o momento em que dois homens desentenderam-se devido um mal comportamento no trânsito da movimentada Av. Roberto Santos, na altura do bairro Pedro Jerônimo.

De acordo com informações colhidas, um deles não sinalizou que faria uma manobra e acabou fechando o outro, fato que deixou o motoqueiro de camiseta preta bastante irritado. Apesar de uma troca de ameaças, uma terceira pessoa surgiu e evitou uma luta corporal.

Confira na íntegra o que aconteceu.

Partidas com apenas mulheres e crianças pode ser punição à clubes

O procurador-geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) Paulo Schmitt defendeu nesta segunda-feira (9) que o Brasil adote como medida punitiva aos clubes que tiverem briga de torcida nos estádios a proibição da presença de homens adultos nas arquibancadas.

Briga de torcedores terminou com 3 em coma na final do Brasileirão
Briga de torcedores terminou com 3 em coma na final do Brasileirão

“Mulheres e crianças nos estádios é uma ideia interessante, que já foi testada com sucesso na Turquia”, comentou Schmitt, em entrevista ao SporTV. No país europeu, chamou atenção especialmente um jogo do Fenerbahce, em 2011, em que a equipe, na época com Alex no time, atraiu mais de 40 mil mulheres e crianças a um único jogo.

Schmitt também defendeu a realização de jogos sem torcida, possibilidade que não existe no Regulamento Geral de Competições de 2013 da CBF, mas que foi incluída na legislação válida para os campeonatos nacionais do ano que vem, divulgada na última sexta-feira. Para o procurador geral do STJD, seria uma forma de punir clubes e organizadas no bolso.

“Insisto na possibilidade de ausência de público porque incentiva atacar o lado financeiro. Isso é importante para lidar com a bandidagem, que vem usando o futebol ilicitamente no aspecto econômico. Quando você fecha o estádio, não há transação de souvenir, brindes e ingressos, que é o que sustenta a organizada”, lembrou Schmitt.

O procurador geral ainda cobrou que outras esferas façam sua parte para tentar acabar com a violência nos estádio. “Tem que cobrar do governo federal, prisão, controle de acesso. CBF, governo federal, todos têm que fazer alguma coisa. Está faltando esse componente que é auxiliar. Temos muito o que fazer ainda. A punição no STJD, pelo estatuto do torcedor, está restrita ao clube”.

Informações: Estadão

Brasileirão termina com briga entre torcedores

A briga generalizada deste domingo (8) na Arena Joinville, em Santa Catarina, terminou com três detidos para averiguação e quatro torcedores foram encaminhados para o Hospital Municipal São José – um deles já recebeu alta enquanto outros três seguem internados com traumatismo craniano. Entre os presos está o vascaíno que aparece nas imagens de TV portando uma barra de ferro com prego na ponta, identificado como Leone Mendes da Silva, 23 anos. A pancadaria interrompeu a partida entre Atlético-PR e Vasco.

Torcedor Leoni é flagrado com uma barra de ferro com um prego na ponta (Foto: Giuliano Gomes/Estadão)

Além de Silva, os outros vascaínos detidos foram Jonathan Santos, 29 anos, e Arthur Barcelos de Lima Ferreira, 26. Eles estavam escondidos dentro de um dos ônibus oriundos do Rio de Janeiro e foram detidos pela Polícia Militar. A barra de ferro com prego também foi apreendida. Os três vascaínos foram transferidos para o Presídio Regional de Joinville e responderão por tentativa de homicídio, crime contra o patrimônio público e por ferir o artigo 41B do Estatuto do Torcedor (incitar violência no estádio).

Torcedor do Vasco parte para o ataque (Foto: Heuler Andrey/AGIF)

A pancadaria nas arquibancadas interrompeu a partida entre Atlético-PR e Vasco aos 16min do primeiro tempo. Após mais de uma hora de paralisação, o jogo foi retomado e os paranaenses venceram por 5 a 1, confirmaram a vaga na Copa Libertadores e decretaram o rebaixamento vascaíno.

Polícia tenta deter torcedores (Foto: Joka Madruga/Futura Press)
Polícia tenta deter torcedores (Foto: Joka Madruga/Futura Press)

Antes da partida, três atleticanos foram presos em uma confusão nas imediações do estádio. São eles Tiago Luiz Meira e Cláudio Barbosa da Silva Júnior, ambos de 23 anos, e um garoto de 16 anos. Todos passarão pela triagem na Central de Polícia.

Estudante tenta agredir professor na saída do Colégio

O Colégio Estadual de Itabuna foi palco de uma confusão que terminou na Delegacia da cidade na manhã desta terça-feira (26). De acordo com informações colhidas, um estudante (menor de idade) ficou irritado após o professor adverti-lo em sala de aula e aguardou o docente na saída para assim poder agredi-lo, no entanto, não conseguiu.

Foto: Ednaldo Pinto.
Foto: Ednaldo Pinto.

O fato foi levado até a 6ª Coorpin [Coordenadoria de Polícia do Interior], onde ambos acabaram fazendo as pazes. Segundo o professor, provavelmente outros alunos influenciaram o estudante a tomar tal atitude, pois, normalmente apresenta um bom comportamento e tem boas notas.

Menor de idade é agredida a facadas e agressora afirma legítima defesa

Foi conduzida à delegacia na madrugada desta quinta-feira (21) a jovem Mariela Araujo dos Santos, de 26 anos, após esfaquear uma adolescente de 16 anos. O crime aconteceu na Rua das Flores, bairro Novo Horizonte, na quarta-feira (20) à noite. Segundo Mariela, ela havia sido agredida pela menor antes de a esfaquear e tentava se defender.

Menor foi esfaqueada na perna e no pescoço (Foto: Ednaldo Pinto)
Menor foi esfaqueada na perna e no pescoço (Foto: Ednaldo Pinto)

A adolescente teria ido até a casa de Mariela para discutir sobre uma pensão, pois a agressora é casada com o ex-marido da adolescente. Mariela relata que a menor e uma amiga chegaram na casa dela a agredindo e, para se defender, usou uma faca como arma.

Uma unidade do SAMU socorreu a menor e a encaminhou para o Hospital de Base de Itabuna. A amiga dela, que fez companhia na ambulância, teria desmaiado ao chegar no Hospital. As duas passam bem.

Confronto entre torcedores deixa duas pessoas feridas e uma morta em Salvador

Feridos foram levados ao Hospital Geral do Estado (Foto: Divulgação)
Feridos foram levados ao Hospital Geral do Estado (Foto: Divulgação)

No início da tarde deste domingo (17) uma briga entre torcidas rivais teria causado a morte de uma pessoa e deixado outras duas feridas no Largo do Tanque, em Salvador. De acordo com testemunhas, um grupo de torcedores do Vitória estava no ponto de ônibus quando integrantes da torcida do Bahia chegaram. A partir daí teria começado o confronto entre os torcedores.

Uma das pessoas estava armada e efetuou vários disparos. Um adolescente morreu no local e outras duas pessoas ficaram feridas, uma de 16 anos e outra de 25. Elas foram baleadas na coxa e no pé e foram levadas para o Hospital Geral do Estado (HGE). Segundo o posto policial da unidade hospitalar, os baleados não correm risco de morte.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado pelas duas pessoas que ficaram feridas, os torcedores do Bahia chegaram no local atirando. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Briga em escola resulta com um estudante morto e outro ferido

Na noite de terça-feira (12) um adolescente morreu e um jovem ficou ferido dentro de uma escola estadual em Macarani, a 620 quilômetros de Salvador. De acordo com a polícia, o suspeito Wallas Silva Fernandes Lima, 20 anos, é aluno da Escola Normal São Pedro.

Colégio onde aconteceu o crime (Foto: Divulgação)
Colégio onde aconteceu o crime (Foto: Divulgação)

Há cerca de dez dias, Wallas teria brigado com um adolescente de 15 anos, amigo das vítimas. Na noite desta terça, o garoto agredido foi à escola junto com outros dois amigos – Honorio Sá Ribeiro, 15, e Max Willian Alves Batista Santos, 19 – e um homem ainda não identificado para tirar satisfações com Wallas.

O grupo aproveitou-se de uma feira cultural aberta ao público, para entrar na escola. Quando percebeu a movimentação, Wallas pegou uma faca e, em seguida, golpeou os dois amigos, matando Honório e deixando Max Willian ferido na perna. O suspeito fugiu logo depois.

Segundo a Polícia Civil, Wallas apresentou-se, espontaneamente, nesta quarta-feira (13) na delegacia territorial da cidade, acompanhado de familiares.

Professores, alunos e familiares dos envolvidos no episódio já foram ouvidos pelo delegado Irineu Andrade, titular da DT/Macarani e coordenador em exercício na 21ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Itaptinga), que conduz às investigações.

Sem passagens pela polícia, Wallas foi ouvido e, antes de ser liberado, indiciado por homicídio e tentativa de homicídio. A polícia apura se a faca utilizada nos crimes foi levada para o colégio por um dos agressores ou por ele.

Se ficar provado que o grupo portava a arma, Max e o outro adolescente podem responder por ameaça e tentativa de homicídio.

Fonte: Correio

Vereadores de Buerarema brigam após sessão

Após sessão na Câmara de Vereadores de Buerarema na noite desta terça-feira (12) os vereadores Luciano (PR) e Dodó (PPS) acabaram discutindo feio. Ainda não se sabe qual será a postura do presidente da câmara, Geraldão (PSD), já que os dois agiram indevidamente de acordo com o regimento interno parlamentar.

Em março deste ano o vereador Wagner (PDT) foi ameaçado pelo filho de um vereador com um facão e teve que correr para não ser agredido.

Canavieiras: Mulher morde e arranca pedaço da orelha de outra

O clima ficou tenso na noite de sexta-feira (1), em um bar localizado no município de Canavieiras, há cerca de 145 km de Itabuna. Segundo informações colhidas no Isto é Notícias, duas mulheres iniciaram uma discussão dentro do estabelecimento e resultou que uma delas mordeu a orelha da outra arrancando um pedaço.

Pessoas que estavam em volta não interviram na situação e assistiram de camarote uma simulação de canibalismo estimulada por álcool e ódio. A confusão acabou após vizinhos apartarem as duas.

A PM foi informada e esteve no local para tomar as devidas providências. A mulher lesionada foi hospitalizada e passa bem.

Os vizinhos afirmaram que brigas no bar são constantes.