Dois homens se recusam a fazer teste do bafômetro e são presos

Teste de bafômetro, imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação)
Teste de bafômetro, imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação)

Na noite de domingo (24) duas pessoas foram presas em Eunápolis por conduzirem veículos alcoolizados. Um deles foi o soldador Péricles Lima dos Santos, 34 anos, foi detido em Colônia, zona rural, após causa um acidente. Segundo a Polícia Militar ele estava em um Gol e atingiu quatro motocicletas próximo a um bar.

Péricles não possuía carteira de habilitação e se recusou a fazer o teste de bafômetro. O carro precisou ser rebocado por um guincho, pois chave não foi encontrada. Ninguém ficou ferido.

Já na BR-101, no bairro Juca Rosa, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu o motoboy Osvaldo dos Santos Silva Filho, 38 anos. A PRF se deslocou ao local após denúncia de que Osvaldo estaria com um automóvel modelo Uno fazendo ‘arruaças’ no pátio de um posto de combustível. Em visível estado de embriaguez, Osvaldo foi convidado a fazer o teste de bafômetro, mas também se recusou.

Nos dois casos, segundo a delegada plantonista Elizabeth Salvadeu, mesmo se recusando ao realizar o teste, os acusados foram autuados em flagrante. A delegada lembra que o Código Brasileiro de Trânsito já admite outros meios de prova, como vídeo, testemunhos ou termo de constatação do policial.

Os dois homens pagaram fiança e foram liberados para responder ao crime em liberdade.

Informações: Radar64