Idoso morre dentro de casa, corpo não é recolhido e moradores fazem protesto

Casa onde Lourival morava. Fotos: Ednaldo Pinto.

Itabuna – Lourival Santos, de 64 anos, morreu dentro da sua própria residência na madrugada desta terça-feira (7), na rua londrina, bairro São Pedro. Segundo vizinhos, o idoso provavelmente sofreu um infarto, não resistiu e acabou falecendo.

De acordo com informações colhidas, certamente o idoso

faleceu por volta das 04h:00min da madrugada e até às 15:30h da tarde desta terça (7) nenhuma autoridade havia ido até o local para liberação do laudo médico para que o corpo pudesse ser recolhido por alguma funerária. O que acarretou em um início de mau cheiro do cadáver.

Indignados os moradores da localidade interditaram à avenida pedro jorge como forma de chamar atenção do poder público, devido a situação de descaso.

Atualizado 16h:00min

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), deslocou-se até o local juntamente com a Dr. Sônia, médica que poderá conceder o laudo médico para que o corpo possa ser recolhido. A nossa equipe está no local.

Atualizado 16h:27min

Uma mulher que tomava conta de Lourival informou que o encontrou sem vida no início da manhã, após perceber que ele não havia aberto a porta da sua casa, com isso, ela arrombou a janela e percebeu que o idoso estava caído no chão sem vida. Ela ainda afirmou que apesar da presença da Dr. Sônia ela já tinha ido no Posto Médico do bairro onde disseram que lá não resolveria o problema e somente indo em Ilhéus para conseguir o laudo (um absurdo!), todavia, mais uma tentativa foi feita com o Dr. Luís Duarte, e gentilmente o profissional assinou o laudo médico e uma unidade do SAF esteve na localidade para retirar o corpo.