Suspeito de maus-tratos a idosa se apresenta à polícia

Um dos suspeitos de manter uma idosa de 72 anos em situação de maus-tratos, em um distrito de Ilhéus, sul da Bahia, prestou depoimento nesta sexta-feira (26), na delegacia do município. Segundo as informações da delegada Andrea Oliveira, que investiga o caso, apesar de ter se apresentado à unidade policial, o suspeito não deu declarações “substanciais” sobre o caso.

“Ele não falou nada que vinhesse a acrescentar, de fato, às investigações. Nos foi indicado um médico que, segundo ele, prestava o auxílio clínico à vítima, e agora tentaremos contactar o profisisonal para confirmar as informações. “Eles são suspeitos, mesmo que somente um deles tenha cometido o crime, o outro poderá ser indiciado por omissão, já que os dois viviam na mesma casa da vítima. Como o crime, que consta no artigo 99 do estatuto do idoso, não prevê o flagrante, eles apenas prestaram depoimento e foram liberados. No entanto, agora nós abrimos um inquérito policial para apurar não somente a denúncia de maus-tratos, que podem também ser psicológicos, como as lesões que a idosa apresentou”, informou a delegada. Ainda segundo Andrea Oliveira, tanto o homem ouvido nesta sexta, quanto a companheira, que já prestou depoimento, são suspeito dos maus-tratos.

Informações extraídas do G1.

Os comentários estão fechados.