Prefeito é denunciado á Justiça por empregar filhos de vereadores

Ministério Público da Bahia ingressou com ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o prefeito de Teixeira de Freitas, Temóteo de Brito, que é acusado de nepotismo. O promotor de Justiça George Elias Pereira, pede que a Justiça suspenda, por meio de liminar, as nomeações de nove servidores que possuem parentesco com agentes públicos no município.

O promotor de Justiça pede que sejam suspensas as nomeações de Luciana Strauch Fonseca, esposa do procurador-geral do Município; o secretário municipal de Finanças Paulo Sérgio Brito Saliba, sobrinho do prefeito, e sua esposa Simone Wildemberg, além de Elina Grasielle Souza, esposa do vereador Arnaldo Ribeiro Júnior.

Deixar uma Resposta