Prefeito Dernival de Itapitanga deixou carta de despedida

O prefeito de Itapitanga, Dernival Ferreira (PSB), estava passando por um momento bastante difícil na sua vida pessoal e política. Na pessoal estava com alguns problemas de parte financeira, que estava lhe causando grande pressão. Já na vida política ele estava enfrenando uma crise em seu governo e sua popularidade estava caindo muito.

Segundo informações, ele estava decidido a se licenciar do cargo ou até mesmo a renunciar. O prefeito já tinha comentado para alguns amigos dessa sua pretensão. Na noite da última quarta-feira ele se reuniu com o vice-prefeito Ro de Beto (PSB), e comentou que era para ele se preparar para assumir o cargo.

Segundo informações, ao lado do corpo de Dernival, estavam um revolver calibre 32 e uma carta, na qual ele desabafa sobre a sua insatisfação com a política, com a vida e informava sobre alguns assuntos de ordem familiar. A carta reforça possibilidade e a desconfiança, que o prefeito tenha mesmo cometido suicídio.

O corpo do prefeito, está sendo velado em Itapitanga onde foi prefeito por três mandatos e nesta sexta-feira (16), o corpo seguirá para Jucuruçu, terra natal, onde será sepultado.

Os comentários estão fechados.