Porto Seguro: Caseiro mata esposa a facadas e comete suicídio

O caseiro João Ludovico dos Santos, 59 anos, foi encontrado morto em uma casa no município de Porto Seguro, por volta das 6h30 da manhã da última quarta-feira (30). Segundo informações dadas pela polícia, ele teria se enforcado com uma corda em seu local de trabalho logo depois de ter assassinado a mulher, Simone Cerqueira, de 47 anos, com golpes de facão.

O corpo de Simone foi localizado uma hora depois, dentro da casa onde o casal morava. De acordo com o site Radar 64, a polícia acredita que o crime foi premeditado. “Após matar a mulher, ele foi ao trabalho, onde cometeu suicídio”, alegou um policial. Os dois corpos irão passar pelo Instituto Médico Legal. Um inquérito vai ser aberto a fim de apurar o caso.

Juiz Antônio Henrique é homenageado em despedida da Comarca de Itabuna

Do Pimenta.

O juiz Antônio Henrique da Silva foi homenageado por servidores, estagiários e colaboradores da Comarca de Itabuna, ontem (30). O magistrado recebeu a Certidão de que vai fazer falta, um reconhecimento e elogio, segundo os servidores, à “forma humana e efetiva como ele exerceu suas funções como titular da 3ª Vara dos Juizados Especiais de Itabuna.

Servidores e o juiz Antônio Henrique (centro) com a homenagem.

Durante a homenagem, servidores, estagiários e colaboradores observaram que as ações do juiz Antônio Henrique Silva mostram “que competência é diferente de arrogância e prepotência”. Bruno Calheira, servidor do Judiciário em Itabuna, pontuou que “tão importante quanto denunciar e combater práticas nocivas, como abuso de autoridade e assédio moral, é a valorização das boas práticas”. O juiz Antônio Henrique agora atuará na Comarca de Feira de Santana.

Paciente de 75 anos morre vítima de meningite no Hospital de Base

Um idoso de 75 anos, morador do distrito de Areia Branca, no município de Jussari, morreu na manhã desta quinta-feira (31), no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna, vítima de meningite bacteriana. O paciente, Manoel Ferreira de Oliveira, deu entrada no Base na última terça-feira (29). Apresentava um quadro grave de otite (infecção no ouvido) e estava desorientado.

Foto: Redação.

A suspeita de meningite foi logo acatada pela equipe médica, responsável pelo atendimento do paciente. Logo, a suspeita era confirmada, através de exames. Manoel recebeu tratamento à base de antibióticos, mas foi vencido pela doença.

Segundo a Secretaria de Saúde de Jussari, o último caso de meningite registrado naquela cidade ocorreu há dois anos, também na zona rural. A secretaria informou, ainda, que todas as pessoas que tiveram contato com o idoso já foram medicadas e estão sob monitoramento.

Investigação da PC já prendeu seis membros de facção, diz delegado

Uma operação que foi iniciada em 2017, pela Polícia Civil de Itabuna, sob a coordenação do delegado regional André Aragão, resultou na prisão de seis acusados de envolvimento com o tráfico drogas e a facção Raio A. Todos foram detidos por Mandados de Prisão Preventiva expedido pela Vara dos Feitos Relativos a Delitos praticados por Organização Criminosa, da Comarca de Salvador.

De acordo com o delegado regional, a investigação apontou que em Itabuna, indivíduos de forma permanente e estável se associaram com a finalidade de cometer crimes diversos.

Já foram presos em decorrência da presente investigação os indivíduos:Diego Silva Souza, “Diego Cabeludo”, Railton do Nascimento Santos, “Rai”, Auana Ramos Pereira, Fhylipe Gomes dos Santos, “Felipe”, Jefferson Cruz de Araújo, “Jesus” e Anderson Laerte Chagas da Silva, o “Laerte”, este que já se encontrava preso no Conjunto Penal de Itabuna.

A Polícia Civil ainda continua em diligência com a finalidade de cumprir oito Mandados de Prisão Preventiva de integrantes da referida facção criminosa.

Conforme o policial, os principais suspeitos de liderarem a facção são: “Cabeludo” e “Rai” com atuação nos bairros Califórnia e Bairro de Fátima.

Falta de combustível em Itabuna é eminente e lota postos da cidade

A fila que era comum somente em meio a bancos e lotéricas passou a ser uma constante em postos de combustível em Itabuna. A paralisação dos caminhoneiros e transportadoras chega ao seu nono dia. A gasolina e o etanol não tem sido suficientes para atender a demanda grapiunense. Grandes filas tem sido formadas diariamente. Nesta quarta-feira (30), foi a vez do posto localizado ao lado do Jequitibá Plaza Shopping, lotar.

Motoristas e motoqueiros permaneceram por mais de uma hora aguardando a sua vez de atendimento. A enorme fila chegou a invadir transversais do bairro Jardim Vitória e chegou atingir a rotatória do São Caetano. Houve até a presença de flanelinhas que pleiteavam uma moeda. O combustível não durou o necessário e no fim da tarde já havia acabado.

PF realiza busca apreensão em toda a Bahia

A Polícia Federal efetuou, nesta quarta (30), uma operação de combate a fraudes em licitações no sul e sudoeste do Estado da Bahia. conforme a corporação, ao todo ,estão sendo cumpridos 21 mandados de busca e apreensão em Floresta Azul, Itapebi, Ilhéus, Itabuna, Uruçuca, Itororó e Teixeira de Freitas além de Vitória da Conquista e Senhor do Bonfim. Empresários, médicos, políticos e advogados são os investigados por fraude à licitação e organização criminosa.

De acordo com a Polícia Federal, um médico chefiava todo o esquema de fraudes em licitações que chegou a desviar cerca de R$ 17,2 milhões. Por conta do envolvimento do profissional de saúde, “Hipócrates” foi o nome ao qual a operação fora batizada.

O esquema fraudava compra de remédios, material hospitalar, lanche escolar e livros didáticos e resultava em desvios de recursos do SUS e do Fundo de Manutenção e má desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Segundo a PF, somente na pequena Itapebi, epicentro da “roubalheira”, o rombo atingiria R$ 3,2 milhões, E R$ 14 milhões nas demais cidades. foram mobilizados 60 policiais para cumprir os 21 mandados de busca e apreensão.

21 anos depois, STF julga mandado de segurança impetrado por Jaques Wagner

 O Supremo Tribunal Federal (STF) analisará, no dia 20 de junho, um mandado de segurança impetrado pelo ex-governador da Bahia Jaques Wagner (PT) em 1997 contra uma PEC de um deputado federal para mudar o sistema de governo brasileiro. A informação foi postada pelo próprio petista em sua conta no Twitter. O relator da matéria será o ministro Alexandre de Moraes.

“Meu mandado de segurança era, e ainda é, para garantir que apenas um plebiscito pode alterar o presidencialismo, aprovado pelo povo em 1993. Continuo presidencialista convicto! Comemorei muito em 1993”, escreveu Wagner. “Precisamos estar atentos para que o voto do povo não seja jogado no lixo, como ocorreu com o golpe do impeachment em 2016. Presidencialismo e Diretas Sempre!”, acrescentou.

Bancos fecham no feriado e funcionam normalmente na sexta-feira

As agências bancárias funcionam normalmente na próxima sexta-feira (1º), após o feriado nacional de Corpus Christi nesta quinta (31). No dia do feriado, a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) lembra que não haverá atendimento nas agências bancárias. A população poderá utilizar os canais alternativos de atendimento, como mobile (celular) e internet banking, caixas eletrônicos, banco por telefone e correspondentes.

Segundo a Febraban, os carnês e as contas de consumo (como água, energia, telefone) vencidos no feriado poderão ser pagos sem acréscimo no dia seguinte. Normalmente, os tributos já estão com as datas ajustadas ao calendário de feriados, sejam federais, estaduais ou municipais.

Os clientes também podem agendar os pagamentos das contas de consumo ou pagá-las (as que têm código de barras) nos caixas automáticos. Já os boletos bancários de clientes cadastrados como sacados eletrônicos poderão ser agendados ou pagos por meio do DDA (Débito Direto Autorizado).

Laudo confirma vandalismo na Usina asfáltica de Ilhéus

Laudo pericial emitido pelo Departamento de Polícia Técnica da Polícia Civil de Ilhéus confirma denúncia feita pelo secretário municipal de Infraestrutura, Transportes e Trânsito, Átila Dócio, sobre danificações causadas nas instalações elétricas e outros equipamentos da Usina Asfáltica de Ilhéus, no Iguape.

O secretário disse que foi comunicado pelo senhor de prenome Reginaldo, morador de um casebre no local, que desconhecidos “adentraram a área onde está instalada a Usina Asfáltica e danificaram as instalações elétricas das máquinas e vários equipamentos, comprometendo o funcionamento dos mesmos.”

A queixa foi prestada na Polícia no último dia 15 de maio, a partir de quando foi instaurado o inquérito policial. O laudo pericial constata “corte nos Cabos de Alimentação e Controle dos Módulos aqui referenciados incluindo os eletrodutos onde os segmentos dos cabos e condutores de controle foram furtados pelo (s) autor(es). O aparelho de ar-condicionado foi puxado de sua posição original com o objetivo de facilitar a retirada dos cabos, mas deixados no local tanto o compressor como o difusor do aparelho”.

O titular da Seintra explica que houve processo licitatório para nova contratação de empresa para operacionalizar a Usina, vencido pela empresa CTA. “Enquanto o município formalizava o contrato com a empresa e adotava outras providências para a volta às operações de pavimentação asfáltica das vias da cidade, fomos notificados sobre o ocorrido na Usina, que naquele momento ainda não tinha sido devolvida formalmente à Prefeitura, pela empresa que a operava e cujo contrato se encerrou”.

O secretário Átila Dócio afirma que o prefeito Mário Alexandre lamentou o ocorrido, “justamente num momento em que as nossas vias estão bastante danificadas devido às chuvas, com o número crescente de buracos, e determinou uma perícia técnica especializada no equipamento, para levantamento do valor dos danos causados e em que prazo o conjunto de equipamentos danificados poderão ser consertados, para que o retorno ao pleno funcionamento da Usina Asfáltica de Ilhéus”. Dócio acrescentou que alguns equipamentos da Usina se encontravam no município de Itacaré.

Grevistas liberam caminhões com água, gás e produtos alimentícios para Itabuna

Em mais um giro pela greve dos caminhoneiros no sul da Bahia, o Verdinho conversou, na tarde desta terça-feira (29), com os organizadores do movimento em Itabuna. Segundo eles, para apaziguar o sofrimento da população, os manifestantes estão liberando, desde ontem (28), caminhões com água, gasolina, produtos alimentícios e botijões de gás.

Eles, inclusive, fizeram um alerta sobre abusos que vêm sendo cometidos na venda de água mineral e gás. Em alguns lugares, o botijão já está sendo vendido a preços bastante salgados, entre R$ 80,00 e até R$ 100,00. “Não é justo revenderem esses produtos a preços exorbitantes. Caso a população percebe esse tipo de prática, denunciem”, afirmou um dos líderes.

Caminhoneiros recebem até WiFi na rodovia

E o número de pessoas apoiando o movimento dos caminhoneiros só cresce. Além de receber alimentos, água e outros mantimentos, os grevistas tiveram, na tarde de hoje, a visita de técnicos de uma empresa de internet, que forneceram sinal WiFi de graça para os manifestantes.

Postos começam a receber combustível

Depois de dias de “seca” nas bombas, alguns postos começam a receber combustível. No Jaçanã, por exemplo, dois postos estão abastecendo – o Sol e o Nossa Senhora. As filas são quilométricas e não se sabe quanto tempo o produto vai durar. No Posto Sol, a fila se estendia até o colégio Estadual.

Itabuna tem terceiro maior número de casos de violência doméstica e sexual

Com pouco mais de 221 mil habitantes, Itabuna possui neste ano o terceiro maior número de notificações de casos de violência doméstica e sexual na Bahia, com 350 ocorrências. O município fica atrás apenas de Salvador (2.234 casos) e Feira de Santana (638).Os dados, os quais o PIMENTA teve acesso, são da Superintendência de Vigilância e Proteção da Saúde da Secretaria Estadual de Saúde.A maioria das agressões e abusos é contra crianças, idosos e mulheres.

Outros municípios baianos com números altos de casos de violência doméstica e sexual são Camaçari (116), Cruz das Almas (122), Dias d’Ávila (164), Eunápolis (120), Guanmbi (130), Ipiaú (164), Itamaraju (114) e Jequié (96). A lista inclui ainda Luís Eduardo Magalhães (98), Santo Sé (206), Vera Cruz (108) e Vitória da Conquista (130).

No sul da Bahia, além de Itabuna, os municípios com notificações de violência doméstica e/ou sexual neste ano são Coaraci, Itajuípe,Itagibá,Pau Brasil e Una. Os dados sobre Ilhéus, Camacan, Canavieiras e Ibicaraí estão desatualizados. Em todo o estado, foram registrados 7.543 casos de violência doméstica e abuso sexual neste ano.

Juiz aceita pedido da AETU e circulação de ônibus aumenta em Itabuna

Quem viu coletivos circulando pelas ruas de Itabuna, pode até pensar que a greve dos rodoviários terminou, mas está enganado. É que a AETU (Associação das Empresas de Transportes Urbanos) de Itabuna conseguiu, por meio de uma liminar, fazer com que fosse liberada parte da frota de ônibus. A liminar determinou que metade dos ônibus circule das 5 às 8 horas e das 17 às 20 horas. Já nos demais horários, a circulação deve envolver 30% da frota. Segundo nota emitida à imprensa, a AETU considerou abusiva a greve dos rodoviários, alegando o atual momento crítico enfrentado pelo país, com a paralisação dos caminhoneiros e a crise de abastecimento. “A população é diretamente atingida com a supressão do transporte coletivo urbano”, diz a associação.

Confira na íntegra a NOTA DE ESCLARECIMENTO DA AETU:

 

Leia mais…

Carga com produtos químicos chega a Itabuna; Emasa informa que abastecimento está mantido

A Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa) informou que o abastecimento em Itabuna deverá ser regularizado em 48 horas. Há pouco, a empresa confirmou ter recebido produtos químicos utilizados no tratamento da água. Havia risco de colapso (“torneira seca”, disse o prefeito Fernando Gomes), caso as carretas não chegassem ainda hoje. O atraso no envio do produto ocorreu devido à greve dos caminhoneiros.

Duas carretas foram escoltadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Simões Filho a Itabuna. “A aquisição desses produtos envolveu um grande esforço da direção da Emasa, inclusive deslocando diretores para acompanhar o carregamento em Simões Filho e o transporte do material até Itabuna, para que chegasse em tempo hábil, evitando-se o colapso no abastecimento”.