Mulher confessa assassinato de marido; traição teria motivado crime, diz polícia

Foto: Aldo Matos / Acorda Cidade.
Foto: Aldo Matos / Acorda Cidade.

A Polícia Civil de Feira de Santana disse que a mulher de Walter Wendson Melo Mota, encontrado morto dentro de casa neste domingo (28) (ver aqui), foi a responsável pela morte do marido. Walter Mota, conhecido como Mulato, foi achado com três tiros, na casa onde morava no bairro Jomafa.

Conforme a Polícia, Silvana Aparecida Miranda Andrade confessou o crime. A acusada está internada no Hospital Emec, após ter tentado o suicídio. A suspeita é que a mulher teria brigado com o marido por conta de ter descoberto nova traição dele, com uma terceira mulher. Silvana Aparecida Miranda Andrade foi autuada em flagrante e está custodiada no Emec.

Ao Acorda Cidade, o delegado Gustavo Coutinho disse que depois do crime Silvana tentou socorrer o marido, mas não sabia o que fazer. Depois, ela foi até a casa de uma amiga onde tentou se matar com o golpe de facão no pescoço. A acusada enviou mensagem para familiares, demonstrando arrependimento.

Os comentários estão fechados.