Ministério público recomenda fechamento do comércio

Após o anúncio da prefeitura no Balanço Geral, Record com o apresentador Tom Ribeiro, que o comércio voltaria a funcionar nesta segunda-feira (8) de junho, o procurador do município, antes da publicação do Decreto Municipal que tem como objetivo, flexibilização, requereu uma reunião com o MP Estadual para tratar do assunto.

O Ministério Público havia requisitado o enviou do plano de reabertura da atividade comercial, para análise. Na reunião que ocorreu na tarde desta quinta-feira, (4) o MP entendeu que as ponderações da secretaria de saúde, da coordenação epidemiológica e da secretaria de Industria e comércio, considerou inexistência de análise técnica para reabertura do comércio.

O MP alegou também que o cenário epidemiológico, no município de Itabuna, não é favorável, não há disponibilidade regular de leitos de UTI , disse também que não há estabilidade do número de casos ativos, nem diminuição da taxa de letalidade , com a redução continuada da taxa de infecção diária. Depois de horas reunidos, o ministério público concluiu que ao que parece não existe em Itabuna, um índice de isolamento social local satisfatório. E se manifestou desfavorável a reabertura gradual do comércio.

Os comentários estão fechados.