Novos médicos chegam à Ilhéus mas unidades de saúde estão em falta

A médica Aline atende em uma sala de aula (Foto: Divulgação)
A médica Aline atende em uma sala de aula (Foto: Divulgação)

Em Ilhéus dez novos médicos foram contratados para reforçar o atendimento à população na rede de saúde pública. Conforme José Antonio Ocké, secretário de saúde, a contratação foi autorizada pelo prefeito Jabes Ribeiro em caráter emergencial para suprir a demanda reprimida do setor.

Dentre os médicos contratados, há especialistas em pediatria, clínica geral, psicologia, nutrição, geriatria, entre outros. Os profissionais começam a atuar na próxima semana.

Mais Médicos

Na semana passada, a primeira médica do programa federal Mais Médicos se apresentou em Ilhéus. Aline Souza Nunes, formada pela Unirio, já iniciou o trabalho na cidade. O município solicitou 60 médicos ao programa.

Nesse primeiro ciclo, o Ministério da Saúde designou três médicos para Ilhéus, sendo que dois desistiram. Segundo Bárbara Christian, após a validação do processo da doutora Aline Souza, a perspectiva é que a pediatra seja indicada para atuar no Programa de Saúde da Família (PSF IV) no bairro Teotônio Vilela.

Em contraponto à chegada de médicos, a rede básica de saúde de Ilhéus passa por outra dificuldade, o funcionamento dos postos.

Quase todas as unidades da zona sul de Ilhéus, por exemplo, estão fechadas. No bairro Nossa Senhora da Vitória, o posto não abre há um ano.

Informações: Ilhéus24h

Os comentários estão fechados.