Jequié: deficiente morre após ser golpeado na cabeça com botijão de gás

Um homem de 27 anos morreu após ter a cabeça atingida por um botijão de gás, durante uma tentativa de assalto dentro da própria casa, na tarde de quarta-feira (3). O crime ocorreu no município de Jequié, a cerca de 370 quilômetros de Salvador.

Segundo a polícia, Felipe Sena Santos estava em casa, na Rua Hildenfor dos Reis Rodrigues, no Loteamento Sol Nascente, bairro Joaquim Romão, quando Ivanildo Trindade da Silva, 27, invadiu o imóvel, por volta das 13h. O suspeito teria entrado na residência para roubar um aparelho celular.

Ao perceber a presença do suspeito dentro de casa, Felipe reagiu e foi golpeado na cabeça. A vítima era deficiente físico.

De acordo com o Blog Marcos Frahm, a mãe de Felipe, Marilene Sena, também foi agredida e socorrida para um hospital. O estado de saúde dela é desconhecido.

O suspeito foi capturado pela Polícia Militar nas imediações da rodoviária local. Populares tentaram linchar Ivanildo, que sofreu ferimentos, foi levado pela PM à Unidade de Pronto Atendimento e depois encaminhado à delegacia territorial. Objetos do acusado foram retirados de casa por populares e queimados em um terreno baldio.

Ivanildo já cumpriu pena por ter matado o próprio pai, um irmão e agredido a mãe.

Os comentários estão fechados.