FTC realiza obra irregular mesmo com prazo para desocupação

Obras na faculdade não tem autorização (Foto: Divulgação)
Obras na faculdade não tem autorização (Foto: Divulgação)

Em Itabuna a direção da FTC está demonstrando que não respeita a decisão da justiça. Em dezembro, a Prefeitura de Itabuna venceu o segundo “round” na disputa judicial contra a Faculdade. O Tribunal de Justiça da Bahia indeferiu um agravo de instrumento interposto pela a faculdade, na qual tentava reformar a sentença do juiz local , que em outubro deu o prazo de 90 dias para a faculdade desocupar o prédio da prefeitura

Mesmo a justiça determinando o prazo de 90 dias para deixar o prédio, a direção da FTC decidiu realizar uma obra no local. Na semana passada começou a construção no térreo, provando que a FTC não respeita a justiça.

Para completar, a obra não tem autorização do CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia), nem do CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo).

Não foi registrada planta da edificação e nem da ampliação da edificação, como deve ser feito na prefeitura pagando os impostos.

Segundo informações, o fiscal da prefeitura responsável por esse setor é benevolente com a FTC, já que a sua esposa é professora da Faculdade.

Informações do Políticos do Sul da Bahia

Os comentários estão fechados.