Filho de prefeito que espancou ex tem prisão preventiva decretada e é considerado foragido

Clara foi espencada, torturada e teve os cabelos cortados pelo ex-marido.

O jovem Filipe Pedreira, de 19 anos, filho do prefeito da cidade baiana de Salinas da Margarida e suspeito de torturar, espancar e cortar os cabelos da ex-mulher Clara Emanuele Santos Vieira, de 20 anos, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça e é considerado foragido. O jovem é procurado desde sexta-feira (18), quando foi acatado o pedido de prisão, solicitado pelo Núcleo de Proteção à Mulher (NPM) da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), com sede em Santo Antonio de Jesus, onde o crime ocorreu. A Polícia Civil informou, nesta quinta-feira (24), que policiaiss cumpriram mandado de busca e apreensão em imóveis da família de Felipe e em lugares indicados por denúncias anônimas. “Estivemos nas cidades de Salinas da Margarida, Arauá, Jaguaripe e em lugares indicados por denúncias anônimas, mas ele não foi localizado”, explicou a delegada Patrícia Jackes, que investiga o caso.

Jovem de 20 anos fez denúncia contra ex-marido na Bahia.
Os comentários estão fechados.