Empresário é condenado por xingar ex-governador Paulo Souto

O juiz Paulo Albiani, da 10ª Vara cível e Comercial de Salvador, condenou o empresário Paulo Albiani a pagar uma indenização de R$295 mil para o ex-governador Paulo Souto (DEM).

Souto acionou a justiça depois que o empresário o chamou de “bom filho da p…” enquanto era entrevistado na rádio Tudo Fm em outubro de 2011. Segundo informações da coluna Satélite, do jornal Correio, para o magistrado Cavalcanti referiu-se a mãe do político como uma “mulher desqualificada, profissional do sexo, que obtém lucros através de serviços sexuais”.

Geólogo de formação, o empresário João Carlos Cavalcanti ficou bilionário ao encontrar grandes jazidas de minério de ferro no interior da Bahia. Em 2016, o João cogitou se candidatar a vice-governador do estado com o slogan ““Não vou roubar, eu não preciso roubar, ganhei meu primeiro milhão aos 26 anos de idade.”, na chapa do ex-ministro Geddel Vieira Lima.

Deixar uma Resposta