Trio suspeito de ataque a caixa eletrônico é preso após depositar dinheiro em Buerarema

Três homens foram presos pela Polícia Militar, após serem denunciados por funcionários de uma casa lotérica de Buerarema. O fato aconteceu na tarde desta sexta-feira (15), após o trio depositar uma quantia em dinheiro. As notas, segundo os funcionários, apresentavam marcas escuras, típicas de explosivos. Desconfiados, uma das funcionárias resolveu acionar a PM, que conseguiu prender os homens, que podem ser suspeitos de envolvimento em algum ataque a caixa eletrônica. Os acusados são do Espírito Santo e estavam em um veículo Fiat Uno. Os nomes não foram divulgados.

Mulher presa com 14 quilos de maconha em Itabuna

A Polícia Militar apreendeu na tarde desta sexta-feira (15) aproximadamente 14 quilos de maconha. O flagrante aconteceu no bairro São Lourenço, em Itabuna. A droga estava com uma mulher, que foi detida e encaminhada para o Complexo Policial, onde está sendo ouvida nesse momento. haAlém do entorpecente, os policiais apreenderam, ainda, um notebook e uma balança de precisão. A suspeita foi identificada como Ingrid Scarlet Leal de Castro Nascimento.

Vereador tem casa assaltada por grupo travestido de policiais federais

Foto: Reprodução / Candeias Mix
Foto: Reprodução / Candeias Mix

Um vereador de Candeias, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), teve a casa assaltada por homens travestidos de policiais federais. O caso ocorreu nesta quarta-feira (13), na localidade de Posto Sanca. Segundo relato do edil Ivan do Prateado (PP), cinco homens entraram na residência deles com uniformes da polícia, afirmando que o vereador teria de ser preso por corrupção pelo desvio de R$ 1,5 milhão da prefeitura local. Os acusados ainda ameaçaram cortar o dedo do vereador e ferir o filho dele. Segundo o Correio, Prateado estava acompanhado da esposa, de filhos, do assessor e da esposa do funcionário, além de dois vizinhos. Ainda conforme relato, o legislador percebeu algo suspeito quando pediu para ligar para a Polícia Federal e os criminosos negaram o favor. Depois de levar pertences do político, como TV, aparelhos de videogame e roupas, o grupo fugiu. Ninguém ficou ferido na ação.

Criminosos queimam ônibus da Rota que fazia a linha Palmira/Itabuna

Um ônibus da empresa Rota foi incendiado na madrugada desta segunda-feira (11). O ataque ocorreu por volta das 4 horas, na pequena comunidade de Palmira, distrito de Itajú do Colônia. O veículo, que fazia a linha Palmira/Itabuna, estava vazio, felizmente.

A população de Palmira acordou assustada com o episódio. O ônibus já estava completamente em chamas e nada mais podia ser feito. Algumas pessoas, inclusive, no momento, se desesperaram, pensando haver alguma vítima dentro do carro. O crime deixou os moradores apavorados, já que, segundo eles, a localidade é bastante tranquila. O ataque está sendo investigado. Até o fechamento dessa matéria, nenhum suspeito havia sido identificado.

Empresária morre em acidente na Ilhéus-Itacaré

Foto/Reprodução: Facebook.

O casal Gabriel e Iolanda sofreu um acidente de carro nessa sexta-feira (8), quando voltava de Ilhéus para Barra Grande. Ela morreu. Com ferimentos graves, ele foi socorrido pelo SAMU e levado para o Hospital Geral Luiz Viana Filho. As informações são do site Maraú Notícias. Gabriel dirigia um Fiat Uno e teria perdido o controle do carro numa curva perto de Serra Grande, na rodovia Ilhéus-Itacaré (BA-001). O veículo saiu da pista e se chocou contra uma árvore. Em Barra Grande, Vila turística do município de Maraú, Iolanda era proprietária da lanhouse Floresta Digital.

Secretaria de Justiça acompanha prisão de líder indígena ‘Babau’

As prisões do líder indígena Rosilvaldo Ferreira da Silva, o Cacique Babau, e do irmão dele, José Aelson Jesus da Silva, o Teity Tupinambá, são acompanhadas pela Secretaria Estadual de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS). De acordo com o órgão, Babau integra o Programa de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República, coordenado no estado pela pasta.

,

O titular da secretaria, Geraldo Reis, está em Ilhéus para acompanhar a situação. Ele foi ao presídio no sábado (9), em visita aos indígenas, presos desde a quinta-feira (7). Os dois são suspeitos de reagir a uma reintegração de posse na cidade de Olivença. Babau e o irmão estão no Presídio Advogado Ariston Cardoso, em Ilhéus. Uma audiência de custódia, que deve decidir sobre a liberação dos dois, será realizada nesta segunda-feira (11), às 14h, na Vara Federal de Ilhéus.

“É notória e de longa data a atuação do cacique Babau na defesa dos direitos humanos, bem como a situação de vulnerabilidade e risco que o envolve decorrente desta atividade, de cunho eminentemente social e solidário. Portanto, estamos atuando para garantir a integridade física das lideranças indígenas”, afirmou o secretário Geraldo Reis por meio de nota.

De acordo com a Polícia Federal, a ação a favor de um produtor rural começou na quarta-feira (6), em uma fazenda ocupada por índios da tribo tupinambá e não houve resistência. No dia seguinte, quando o produtor rural foi até o local com o maquinário para trabalhar, houve confusão. Segundo a PF, quando a Polícia Militar chegou, foi recebida a tiros e pedradas. O cacique Babau tentou fugir em um carro, de acordo com a polícia, jogando o veículo contra uma barreira montada com as viaturas.

Ainda conforme a PF, houve perseguição, até que Babau e o irmão fossem presos em flagrante por porte ilegal de arma. Os suspeitos ainda podem responder por resistência a ordem judicial e dano ao patrimônio privado e às viaturas da polícia. As armas apreendidas foram um revólver calibre 38, uma pistola e munições.

O advogado da comunidade indígena, Valdir Mesquita, diz que o cacique nega envolvimento na confusão. “O Babau informa que estava fazendo um ritual, um trabalho em uma aldeia vizinha de Olivença. Depois disso, resolveu ir para a casa dele em um carro com o irmão. Quando a polícia atravessou as viaturas na estrada, o carro bateu porque não tinha alternativa. Pegaram Babau, colocaram dentro de um carro. Botaram o irmão no outro. E na frente, juntaram os dois, trouxeram para a delegacia, apresentando existência de armas que nunca existiram naquele carro”, afirma.

Outro caso

Em 2014, Babau teve um mandado de prisão expedido por se negar a depor em um inquérito policial que apurava o assassinato de um produtor rural. Na época, o cacique era suspeito de ser o mandante do crime. Ele chegou a ser preso, mas foi solto por meio de uma liminar concedida pelo Superior Tribunal de Justiça.

Professora é assassinada após terminar relacionamento no Sul da Bahia

Uma professora, identificada como Marilene Silva, de 37 anos, foi morta pelo ex-namorado, no município de Maiquinique, localizado no sul da Bahia, neste último domingo (3). Segundo informações da delegacia da cidade, a mulher havia terminado o relacionamento com Adenildo Ferreira de Aragão, 27 anos, no dia anterior ao crime.

De acordo com a polícia, os dois já haviam morado juntos, porém há quatro meses viviam em casas diferentes. No sábado (2), Marilene optou por terminar o relacionamento definitivamente, mas, no dia seguinte, a mulher foi surpreendida por visita do ex-namorado.

Depois de uma breve discussão pela janela da casa onde ela morava com o filho caçula de 17 anos, Adenildo invadiu a residência e esfaqueou a professora em diversas partes do corpo. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Já o adolescente de 17 anos, que presenciou o momento do assassinato, não foi ferido. De acordo com a polícia, o criminoso não tentou atacar o jovem.

Após golpear a professora, o homem tentou se matar usando a mesma faca. Vizinhos chamaram a polícia e o homem foi socorrido e levado para o Hospital Base de Vitória da Conquista. Ele recebeu alta na segunda-feira (4), e foi encaminhado até a delegacia de Maiquinique, onde segue preso nesta terça (5). Adenildo, prestará depoimento à polícia e está à disposição da Justiça. Depois do assassinato, o corpo da professora foi removido por uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT), que fará a necropsia.

Tentativa de homicídio na Kennedy e invasão a fazenda de ex-vereador

Violência na noite desta quarta-feira (6), em Itabuna. Na primeira ocorrência policial da noite, o estudante Péricles Jesus Souza Neto, de 17 anos, foi baleado quando saía da escola na Avenida Manoel Chaves, bairro São Caetano. Os autores dos disparos teriam sido elementos que estavam em um veículo Gol, de cor preta e placa de Ilhéus.

Segundo informações do Verdinho, a polícia militar localizou o veículo suspeito pouco depois, em uma ronda no Centro Comercial. Após tentar fugir, os supostos autores da tentativa de homicídio foram cercados e detidos nas imediações de um posto de combustíveis.

Dentro do carro, havia quatro homens e três pistolas. Um dos suspeitos apresentava ferimento com muito sangue na região do abdome e foi levado para o Hospital de Base de Itabuna. Os demais foram para o Complexo Policial.

AGRESSÃO – O ex-vereador Carlos Jerônimo foi agredido também na noite de ontem por cinco assaltantes que invadiram sua casa, na Fazenda Progresso. Segundo a vítima, a intenção dos bandidos era roubar objetos da propriedade, porém eles acabaram surpreendidos com sua presença no local. Carlos Jerônimo levou chutes e socos, mas passa bem. Há informações de que os autores do crime já foram presos.

Ex-vereador levou chutes e socos ao sofrer tentativa de roubo.

Os homens que balearam “Netinho” foram presos logo em seguida após uma perseguição rápida. São eles: Kalisson da Sena Santos e Valdir Francisco Santos Junior, além de um menor de 17 anos. Todos estavam portando pistolas, calibre 380, .45 (restrita) e uma .40 (também restrita.

Atualizada às 10h07min

Morreu na manhã de hoje (7) a vítima de tiros Péricles Jesus Souza Neto, o “Netinho”, no Hospital de Base. Ele foi baleado na noite de ontem na Avenida Manoel Chaves (Antiga Kennedy), bairro São Caetano. Segundo o repórter Fábio Sousa, da Difusora, a morte do rapaz ocorreu por volta das 06:30.

Quadrilha ataca três agências bancárias e atira contra CIA da PM

A cidade de Irará, no Portal do Sertão, região de Feira de Santana, acordou assustada na madrugada desta quarta-feira (6). Uma quadrilha com pelo menos 15 homens atacou três agências bancárias da cidade por volta das 4h da manhã. Segundo informações da Delegacia Territorial, o grupo ainda disparou contra a sede da 97ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), atingindo uma viatura e a parede do alojamento dos policiais.

Toda a ação durou em torno de meia hora, e moradores relataram terem ouvido vários tiros. Postes e casas também foram atingidos. Ninguém ficou ferido. Ainda segundo a delegacia, as explosões ocorreram quase ao mesmo tempo. A agência do Banco do Brasil, que fica em frente à do Bradesco, na rua Coronel Elpídio de Nogueira, foi a mais danificada. Os bandidos conseguiram levar malotes das agências do Banco do Brasil e da Caixa.

A quantia ainda não foi revelada. Já no Bradesco, a detonação foi parcial. Após os ataques, a quadrilha tomou diferentes rotas de fuga. Em uma delas, uma estrada vicinal que leva à Feira de Santana, eles abandonaram um carro Renault Sandero incendiado. Até o momento, nenhum dos suspeitos foi localizado.

PRF apreende combustível clandestino

Policiais rodoviários federais apreenderam, no fim da manhã de hoje (31), 280 litros de combustíveis em galões contendo gasolina, diesel e etanol. O flagrante ocorreu por volta das 10h20, no KM 537 da BR-242, trecho de Oliveira dos Brejinhos, município localizado na região oeste da Bahia.

Após denúncia de possível venda ilegal de combustíveis às margens da rodovia, a equipe foi até o local e encontrou galões com etanol, gasolina e diesel, totalizando aproximadamente 280 litros. As pessoas que estavam vendendo o produto não foram localizadas.

Todo o produto foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Oliveira de Brejinhos, que irá investigar para chegar aos responsáveis por este tipo de conduta na região. Comercializar combustível de forma clandestina é crime ambiental, com base no artigo 56 da Lei 9.605/98. Além disso, há a resolução nº 41, de 5 de novembro de 2013, da Agência Nacional de Petróleo (ANP) que reforça a proibição.

Delegado Evy Paternostro é transferido para Ilhéus

O delegado Evy Paternostro foi exonerado do cargo de coordenador da 6ª Coorpin, com sede em Itabuna, e nomeado o novo chefe da 7ª Coorpin, com sede em Ilhéus. O publicação saiu no Diário Oficial desta quarta-feira (30). Para o lugar dele, foi nomeado o então delegado de Ilhéus, André Aragão. Paternostro é natural de Itabuna e assumiu a 6ª Coorpin em fevereiro de 2013, quando o delegado Moisés Damasceno foi transferido para Salvador.

Polícia Civil prende Mário Satanás

Foto: Reprodução Polícia Civil/SSP-BA
Foto: Reprodução Polícia Civil/SSP-BA

Após informe do Delegado André Aragão, coordenador da 7a Coorpin/Ilhéus, a equipe do Draco, coordenada pelo Delegado Elvander Rodrigues, localizou e capturou em Poções, Helio Mário Nunes Bransford, vulgo Mário Satanás, perigoso homicida com mandado de prisão em aberto na Comarca de Buerarema. No dia 13 de dezembro de 2015, Satanás executou com um tiro a queima roupa no rosto, Alexandre Gonçalves Reis, vulgo Léo, que estaria envolvido com roubos de cargas de cacau na região sul. O assassinato gerou grande comoção na comunidade local, e no dia 14 de dezembro a população de Buerarema realizou um protesto, fechando a BR 101 por várias horas. A DT de Buerarema apurou o crime, e representou pela prisão do autor, decretada pela Justiça. Mário Satanás é temido na região sul e possui extensa ficha criminal, respondendo por tentativa de homicídio, ameaças, lesões corporais e porte ilegal de arma de fogo.

Policial Militar é baleado em tentativa de assalto em Itabuna

Na noite desta terça-feira (22), o PM Ruan Oliveira foi baleado após reagir a um assalto no bairro Pontalzinho. De acordo com informações, o policial foi abordado por dois indivíduos identificados como Rogério e Tavinho. Após reagir, o Sd foi atingido com um tiro no abdômen. O policial chegou a alvejar um dos assaltantes com um tiro de raspão.

Um dos envolvidos, Rogério Silva Santos, de 21 anos, foi preso em flagrante. O criminoso, morador da Roça do Povo, foi atingido de raspão na boca e encontra-se custodiado no Hospital de Base. Já Tavinho, morador do bairro Nova Ferradas encontra-se foragido. O policial, que tem dois anos de corporação, passou por cirurgia e está internado no Hospital de Base.