SEBRAE e prefeitura firmam parceria

O consultor André Portela palestrou à representantes das Secretarias Municipais.
O consultor André Portela palestrou à representantes das Secretarias Municipais.

Servidores e dirigentes de diversas secretarias participaram de uma palestra sobre “Estratégias de Implementação da Lei Complementar 123/2006” e acesso às compras governamentais nesta terça-feira (20) em Itabuna. Com o objetivo de dar conhecimento e ao mesmo tempo alinhar todas as secretarias quanto à implementação e funcionamento da política municipal de apoio às micro e pequenas empresas e ao empreendedor individual, a palestra foi feita pelo consultor André Portela e promovida pela Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo em parceria com o SEBRAE.

O consultor destacou a importância do estímulo para que empreendimentos de pequeno porte que já funcionam sem a devida regularização possam se formalizar e aumentar sua capacidade de geração de emprego e renda. André Portela elogiou a iniciativa da Prefeitura, que busca capacitar os servidores em relação à legislação, ao tempo em que oferece aos empreendedores a oportunidade de se adequarem à lei.

O secretário da Indústria, Comércio e Turismo, José Humberto Martins, enfatizou o esforço do governo municipal no sentido de gerar empregos na cidade, com um programa de atração de empresas e a adoção de políticas que incentivem os micro e pequenos empresários, lembrando que mais da metade dos empregos no Brasil são gerados pelo setor, que “só precisa de um olhar diferenciado, o que é uma diretriz do prefeito Claudevane Leite”. Como exemplo, o secretário menciona a Sala do Empreendedor, que funciona na prefeitura e presta esclarecimentos, apoio e encaminha documentação para os empreendedores interessados em sair da informalidade e desfrutar dos benefícios da legalidade.

Gratuidade do transporte público é discutido em Itabuna

Na próxima quinta-feira (22) o Conselho Municipal de Transporte se reunirá na Câmara de Vereadores de Itabuna para discutir a gratuidade do serviço na cidade. Representantes do Fiscal Grapiúna e do Comando Popular participarão do encontro.

Atualmente, a Itabuna tem quase 10.000 cartões de gratuidade, dos quais mais da metade pertence a portadores de deficiências físicas. Para os empresários do setor, o direito à gratuidade do transporte público é visto como ameaça aos lucros. Em contrapartida, os movimentos sociais reconhecem o acesso ao transporte coletivo como fundamental no cotidiano de trabalhadores e alunos. Por isso, defendem o passe livre para desempregados e estudantes que comprovem baixo rendimento econômico.

Informações: Blog do Gusmão

AMURC: Nota de repúdio

A Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano (Amurc) em solidariedade aos Prefeitos de Buerarema e Pau Brasil e ao Governo do Estado da Bahia, vem à público manifestar-se contra as ações de destruição do patrimônio público ocorridas nesta sexta-feira (16) em Buerarema durante uma manifestação realizada na BR – 101 com o objetivo de pressionar o Supremo Tribunal Federal (STF) para a demarcação da área em litígio (47 mil hectares entre os municípios de Buerarema, Ilhéus, Una e São José da Vitória).

O presidente e prefeito de Ibicaraí, Lenildo Santana, ressalta que a manifestação popular é direito justo e legítimo dos cidadãos, mas a sua prática não se coaduna com o exercício de atitudes que colocam em risco a vida e se assemelhem aos atos praticados por aqueles que, sob pseudo direito de propriedade pratiquem a expropriação e a violência no campo.

Centro Pop cadastra moradores de rua no São Caetano

Técnicos da Assistência Social iniciam cadastramento dos moradores de rua.
Técnicos da Assistência Social iniciam cadastramento dos moradores de rua.

A equipe multidisciplinar do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP), da Secretaria da Assistência Social, chegou nesta-quinta-feira (15) à praça Simão Fitterman e áreas vizinhas no bairro São Caetano. A pesquisa quer saber nome e a idade das pessoas em vulnerabilidade social, se possuem documentos, familiares ou parentes na cidade ou em outros municípios, e se são portadoras de alguma doença ou usuário de bebidas alcoólicas ou drogas.

A coordenadora do Centro POP, Sibele Gava, disse que o diagnóstico sócio-territorial vai permitir a Secretaria da Assistência Social definir as ações sociais e a inclusão dessas pessoas nas políticas públicas da assistência social do município. No caso de o morador de rua ser de outra cidade, receberá o suporte necessário para voltar para o convívio familiar se desejar.

A pesquisa nas ruas de Itabuna foi iniciada em maio. Até agora já foram mapeadas as áreas do Centro Comercial e Estação Rodoviária Francisco Ferreira da Silva e as principais avenidas, ruas e praças do centro da cidade. Segundo a coordenadora, o trabalho é lento e gradual, porque como parte desse público é flutuante ou andarilho, escolhe diferentes locais para se abrigar.

“Nem sempre o morador de rua encontrado na manhã em determinado local da cidade para lá volta à tarde ou à noite, daí o cuidado de as equipes voltarem mais de uma vez na tentativa de identificá-lo”. Sibele explicou ainda que o cadastro é coordenado pelo Comitê Gestor do “Programa Crack é Possível Vencer”, do governo federal e será executado pela Secretaria da Assistência Social, que já criou comitê específico para essa finalidade.

O Centro Pop será instalado na Praça Santo Antônio, 67, centro, já que o prédio passará por obras. Mas a equipe multidisciplinar, com 15 profissionais, já atua nas ruas da cidade, mapeamento as pessoas em vulnerabilidade social e vivendo sob marquises e outros locais. Quando entrar em operação, até o final do ano, o Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua vai prestar serviços que incluem desde a emissão de documentos a assistência médica e terapêutica com oficinas profissionalizantes, além de atividades sociais, recreativas e educativas.

“A proposta do prefeito Claudevane Leite e do secretário da Assistência Social, José Carlos Trindade, é prestar ampla assistência aos moradores de rua, incluindo-os em programas sociais executados em parceria com o governo federal. A meta é também trabalhar para devolver a essas pessoas a auto-estima, o acesso à cidadania e a promoção à vida, com dignidade e direitos e também com deveres. É o que estamos buscando”, reforçou Sibele Gava.

Novos professores já vão atuar nas escolas do município

58 novos profissionais da Educação já começam a atuar nas escolas da Rede Pública Municipal de Ensino.
58 novos profissionais da Educação já começam a atuar nas escolas da Rede Pública Municipal de Ensino.

Com a contratação nesta quinta e sexta-feira (16) dos professores aprovados em processo seletivo para contratação temporária em regime de 20 e 40 horas, 58 novos profissionais da Educação já começam a atuar nas escolas da Rede Pública Municipal de Ensino da Prefeitura de Itabuna. Com isto, o governo está buscando por fim a uma das demandas que vinha ameaçando comprometer o cumprimento integral da carga horária letiva em algumas unidades de ensino.

Os contratados atuaram nas áreas de ensino de Creche, Educação Infantil, Ciclos de Formação Humana da Infância (CIN), da Pré-Adolescência (CPA) e da Adolescência (CAD), além do Programa de Educação de Jovens e Adultos (PROEJA). Nesta etapa, estão sendo enviados a 36 escolas da Rede Municipal: 46 professores licenciados em Pedagogia, três em Geografia, um em História, quatro em Matemática, três em Letras, além de um intérprete e tradutor de Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Acompanhado pelo Ministério Público do Trabalho, os processos seletivos promovidos pela Prefeitura de Itabuna para preenchimento de vagas na Educação, além da área de ensino, já contemplou também 92 novos servidores, entre porteiros, auxiliares de serviços gerais, merendeiras e auxiliares de merendeiras.

Segundo a secretária da Educação, Dinalva Melo do Nascimento, a carência por estes profissionais foi identificada antes mesmo do início do ano letivo, a partir do diagnóstico situacional da Rede Municipal de Ensino. Anteriormente e de forma irregular, muitas das vagas de professores eram preenchidas por estagiários e os funcionários que atuavam como apoio nas escolas tinham contratos temporários, que foram encerrados no final da gestão passada, em dezembro.

De acordo com o diretor do Departamento de Acompanhamento de Gestão da Secretaria da Educação, Fábio Peixoto de Melo, um dos fatores que justifica a contratação dos novos professores diz respeito à própria dinâmica da Rede Municipal de Ensino, que registra constantemente pedidos de aposentadoria por tempo de serviço, afastamento por laudos médicos, pedidos de licenças sem vencimentos, licenças com vencimentos para cursos de mestrado e doutorado, além de óbitos.

Você viu? Cadelinha está desaparecida

SissiA cadelinha Poodle de nome Sissi está desaparecida. A cachorrinha já está com uma idade avançada, 13 anos, e está quase cega, precisando de cuidados especiais. A dona Milena pelo é moradora do centro de Itabuna, próximo ao supermercado Meira. Quem encontrar Sissi pode ligar para Milena nos números (73) 8834-8462 / (73) 9155-7710, ou para o Blog do Tom: (73) 3215-3324.

Sinho Ferrari visita alunos da Fundação Marimbeta

Alunos abraçam o cantor em sua chegada.
Alunos abraçam o cantor em sua chegada.

Os alunos do Sítio II da Fundação Marimbeta no bairro Fonseca, em Itabuna, receberam na manhã desta quarta-feira (14) o cantor de arrocha Sinho Ferrari. A visita é uma tentativa de mostrar através do exemplo de vida do cantor e músico grapiúna, que é possível vencer na vida por meio da arte e da música.

O diretor-secretário da Fundação Marimbeta, Wadson Santos, explica: “Trabalhamos com crianças em área de vulnerabilidade social. Nosso objetivo maior é mostrar que elas podem crescer na vida. Sinho Ferrari saiu de uma família humilde, de uma cidade pequena do Sul da Bahia, como Ibicaraí, e hoje leva sua música para todo o Brasil”. Para Wadson, as crianças que fazem cursos de balé, jazz, música, teatro e artesanato na Fundação precisam ver no exemplo do artista que também podem chegar lá. “Queremos que elas saiam do contexto onde estão inseridas, olhem para fora, para o futuro”.

O gestor do Sítio II, Cironilton Gonçalves, lembrou que esse é um bom estímulo para os alunos da unidade. “Quando vêem um ídolo, a gente mostra para eles valorização do que fazem nas oficinas, onde cada dia a procura tem sido maior”.

O cantor Sinho Ferrari declarou o prazer de estar com as crianças do Sítio, já que acompanha os projetos sociais da Prefeitura de Itabuna desde a época em que cantava na banda Top Love. “Visitar hoje, fazendo uma carreira solo e receber o mesmo carinho é muito bom. Sou grato pelo convite.Tudo o que eu puder fazer para ver o sorriso no rosto dessas crianças farei”. O artista disse que o sonho faz parte da vida, mas correr atrás é o segundo passo. “Sempre corri atrás das oportunidades na minha vida toda. Desde os sete anos de idade que canto. Depois de um bom tempo é que estou conseguindo realizar alguns sonhos”, afirmou.

Sinho Ferrari lembrou às crianças que o importante é seguir sempre em frente, não desistir nunca e nem passar por cima de ninguém.

Contas de 2012 do Hospital de Base são rejeitadas pelo TCM

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) rejeitou em sessão realizada na terça-feira (13), as contas de 2012 da Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna (FASI), que administra o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (HBLEM).

Durante o período, os responsáveis pelo Hospital eram; Gilnay Cunha Santana, irmã do deputado estadual Gilberto Santana e atual prefeita da cidade de Ibicuí, de 01/01 a 06/06, Ana Maria da Silva Brito de 11/06 a 30/11 e Eduardo José Soares Brandão, de 01/12 a 31/12.

De acordo com o parecer houve ausência de licitações, licitações em modalidades inadequadas, despesas com prazo contratual expirado, ausência de documentos, licitações não encaminhadas ao TCM e expressivo déficit orçamentário.

O relator Raimundo Moreira solicitou representação ao Ministério Público, além de imputar multas e ressarcimentos aos três gestores. Gilnay, foi multada em R$15 mil, além de ter que devolver R$ 18.995,48, Ana Maria da Silva Brito pagará multa de R$ 12.500 e terá que devolver aos cofres públicos R$ 12.340,96 e José Soares Brandão multa de R$ 2.500, todos por irregularidades cometidas durante a gestão.

Atividades do ProJovem Adolescente são iniciadas

A Secretaria da Assistência Social (SAS) de Itabuna iniciou na segunda-feira (12) as atividades do ProJovem Adolescente com a mobilização de jovens na faixa etária de 15 a 17 anos que residem nas áreas de abrangência dos núcleos coletivos dos bairros Novo Horizonte, Monte Cristo, Nova Itabuna, Nova Ferradas e Jorge Amado.

Nesta semana, o trabalho dos técnicos que atuam no programa está centrado na triagem e efetivação da matrícula dos jovens beneficiários do Bolsa Família, um dos públicos alvo do ProJovem Adolescente. Desenvolvido pelo governo federal em parceria com a Prefeitura de Itabuna, o programa caracteriza-se como um serviço de convivência e fortalecimento de vínculos dos adolescentes com a família e a comunidade.

De acordo com a diretora do Departamento de Proteção Básica II da SAS, Luciana Seara Sousa Lima, os adolescentes assistidos pelo ProJovem também são incentivados ao retorno à escola e a permanência com sucesso no sistema de ensino com a formação cidadã e a sua transformação como agente ativo de mudança em seu meio.

Os núcleos, denominados de coletivos, funcionam como centros onde são ministradas oficinas e palestras, de segunda a quinta-feira, com ênfase em temáticas de convivência social, participação cidadã, formação de caráter e opiniões.

A diretora Luciana Seara ressalta ainda que os participantes do ProJovem Adolescente recebem capacitação para sua inserção no mercado de trabalho e geração de renda, por meio do desenvolvimento de habilidades e trabalhos artísticos, lazer e música. O programa também atende adolescentes encaminhados pelo Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) que estejam cumprindo medidas socioeducativas.

Para a efetivação da matrícula os jovens devem buscar atendimento nos seguintes endereços:

Escolas municipais ajudam no combate à dengue

Propondo ações que busquem a conscientização da comunidade quanto à importância do combate à dengue, parceria entre as secretarias da Educação e da Saúde de Itabuna está desenvolvendo nas escolas da Rede Pública Municipal de Ensino o projeto “De Olho Vivo no Mosquito da Dengue”.

Segundo a secretária da Educação, Dinalva Melo do Nascimento, a metodologia empregada na execução do projeto inclui a realização de reunião de sensibilização com a participação de representantes da Secretaria da Saúde e entrega de carta à comunidade, além da divisão de grupos de pesquisa entre os alunos. As ações estão divididas de acordo com cada segmento educacional.

O trabalho conta com a participação direta do professor que em sala de aula promove a exibição de vídeo sobre o ciclo de vida do mosquito transmissor da dengue, estimula o debate sobre o tema e coordena a pesquisa de campo realizada pelos alunos. Nesta investigação, o aluno leva para casa uma ficha de acompanhamento na qual registra as ocorrências de possíveis criadouros, a exemplo de tanques e reservatórios de água descobertos, garrafas destampadas ou vasos de planta com água.

No último sábado (10) o dia letivo da rede foi marcado pela realização de ações que culminaram na execução do projeto “De Olho Vivo no Mosquito da Dengue” em diversas unidades escolares. Na Escola Jorge Carrilho, no bairro Santo Antonio, por exemplo, focados na temática proposta, os alunos mostraram os trabalhos desenvolvidos em sala de aula utilizando recursos como paródias, soletrando e peças teatrais.

A idéia da escola foi envolver as famílias e a comunidade visando promover a melhoria do bem-estar comunitário, motivando o espírito investigativo do aluno e estimulando a constante prevenção do combate ao mosquito Aedes aegypti, com a eliminação dos possíveis criadouros.

Hospital de Base recebe doações de empresas

Cadeiras para hidratação de pacientes reformadas pela Casa Padim.
Cadeiras para hidratação de pacientes reformadas pela Casa Padim.

A diretoria do Hospital de Base recebeu ajuda de empresas de Itabuna que colaboraram com a reforma da emergência e garantiram melhorias nos serviços prestados à comunidade. A Coelba foi uma das constribuintes, que doou 20 cadeiras para escritório e sala de espera e a Móveis Kiko, que as reformou gratuitamente. A Associação Batista Grapiunense doou 120 lençóis e o escritório de arquitetura Complemento ofereceu o projeto para um abrigo de resíduos sólidos, o qual será construído em breve.

O Hospital de Base recebeu ainda da Casa Padim a doação de cinco cadeiras reformadas para hidratação de pacientes. O investimento médio foi de R$ 600,00 por cadeira, o que gerou uma economia de R$ 3 mil para o hospital. A diretora Administrativa e Financeira do Hospital de Base, Mirian Paranhos, disse que com a reforma das cadeiras, os pacientes terão mais conforto, segurança, higiene e haverá maior controle da infecção hospitalar devido à facilidade de limpeza.

O gerente da Padim, Wallace Spínola, disse que a empresa procura participar dos eventos na cidade e sempre contribuir com a comunidade de Itabuna. “Uma preocupação da empresa é ajudar na parte social da nossa cidade. Em tudo que a Padim pode contribuir, para Itabuna melhorar, estamos fazendo”, afirmou. Wallace explicou que o mesmo processo de reestruturação feito nos móveis da Padim foi utilizado nas cadeiras do hospital.

Já o presidente da Associação Batista Grapiunense, Jesimiel Palmeira, lembrou que “quando estamos fora do Hospital não temos conhecimento das diversas necessidades enfrentadas, mas conversando a gente percebe que pode ajudar”. Jesimiel fez campanha entre as igrejas e conseguiu o dinheiro para comprar o tecido dos lençóis direto da fábrica.

As parcerias com a Padim, a Coelba e a Móveis Kiko foram solicitadas pela diretoria do Hospital de Base, já a Associação Batista Grapiunense se propôs a ajudar a instituição após o internamento de uma associada. Miriam Paranhos destacou que qualquer empresa que possa ajudar o Hospital de Base deve procurar a direção administrativa. “As ajudas são sempre bem vindas”, finalizou.

Coelba e Emasa firmam convênio

Ricardo Campos busca eficiência no uso de energia elétrica pela Emasa.

A Empresa Municipal de Águas e Saneamento de Itabuna (EMASA) firmou um convênio com a Coelba que vai possibilitar uma economia nas contas da energia da empresa. O convênio, assinado pelo presidente da EMASA, Ricardo Campos, tem o valor de R$ 980 mil, que serão investidos em novos motores, cabos de comando, tubulações, fiações, além de melhorias nas instalações. O trabalho foi iniciado no mês de julho e deve terminar em outubro, quando o uso eficiente da energia elétrica estará garantido.

“A eficiência ajuda na economia e no pagamento em dia. Somente com equipamentos de qualidade conseguiremos utilizar a energia de maneira eficiente”, explicou Ricardo Campos. Desde o mês de janeiro a Emasa busca constantemente a eficiência nos serviços e conseguiu reduzir em mais de 50% os pedidos e reclamações de reparo para saneamento e esgoto, intervenções e novas ligações. Em janeiro de 2013 foram catalogados mais de 500 pedidos, muitos acumulados de 2010 a 2012. Atualmente, mais da metade já foi resolvida.

“O importante é que a gente responda o mais rápido possível as demandas dos usuários. Muitos pedidos ainda acontecem, mas o número diminuiu. Temos uma rede de esgotamento inadequada e sucateada em Itabuna, que por isso entope facilmente”, esclareceu Ricardo. Para atender as diversas demandas, um engenheiro foi designado e faz o gerenciamento das equipes de reparos. Com isso o serviço é dividido de forma adequada e há uma organização que antes não existia.

Acordo com o Sindae

Outra conquista da Emasa foi o acordo coletivo de trabalho com os servidores. Foram assegurados 61 pontos de reivindicações do Sindicato dos Trabalhadores de Água, Esgoto e Meio Ambiente (Sindae), que contemplam desde reajuste salarial, ticket alimentação e benefícios diversos. “O trabalhador precisa de benefícios e o acordo está homologado no Ministério do Trabalho. Agora é Lei”, disse Ricardo Campos.

Para ele, o acordo é um marco, um ponto de ruptura com a relação antiquada que havia entre a Emasa e os funcionários. “Em 24 anos de empresa um acordo assim nunca tinha sido firmado. Isso reflete a valorização do servidor e o respeito que recebe da empresa” afirmou.

A Emasa também colocou em dia muitos tributos e encargos que não eram pagos, como INSS e FGTS. “Nosso objetivo é crescer de acordo com as orientações do prefeito Claudevane Leite quanto à responsabilidade, transparência e respeito com o erário.

Atualmente, a qualidade da água fornecida à população é uma das melhores, senão a melhor da Bahia. Depois de várias medições, isso será apresentado no Congresso da Associação Baiana de Engenharia Sanitária, no mês de setembro.

Zoonoses comemora bons resultados no primeiro semestre

A equipe de profissionais do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) da Secretaria de Saúde de Itabuna comemora o bom resultado das ações realizadas no primeiro semestre deste ano. De acordo com balanço divulgado esta semana, foram realizadas 365 castrações em cães e gatos e imunizados 590 animais contra a raiva canina. No mesmo período, houveram 59 exames de leishmaniose em cães e cerca de 238 animais entre cães e gatos foram adotados.

O atendimento e serviços veterinários direcionados aos animais domésticos pelo CCZ junto à comunidade são gratuitos, inclusive as vacinas de rotina. A imunização pode ser feita na sede da unidade no bairro Antique toda quinta-feira pela manhã e à tarde ou diariamente numa sala especial na Fundação Nacional de Saúde, na praça João Pessoa, no centro da cidade (próximo a FTC).

O diretor do CCZ, Waldemar Oliveira D’Afonseca, diz que os números das ações apresentados até agora mostram o empenho e o comprometimento da equipe de profissionais em realizar um trabalho importante, tanto para o controle de animais soltos nas ruas de Itabuna quanto para a promoção à saúde humana e animal.

Em relação à castração, Waldemar explica que o procedimento cirúrgico é simples, embora deva ser executado apenas por profissionais habilitados e com agendamento. Os benefícios de um animal castrado, segundo ele, são inúmeros a começar pela diminuição de riscos de contrair doenças nas vias uterinas, a exemplo do câncer de órgãos genitais masculino e feminino.

“Além disso, a castração serve também para evitar a super população de animais soltos nas ruas, a maioria abandonada ou maltratada”, diz o coordenador, destacando ainda que muitos dos animais que vivem nas ruas passam fome, adoecem mais frequentemente e são as maiores vitimas de maus tratos. “Isso é lamentável porque esses bichos, em sua maioria, são indefesos e tem sentimento”, diz Waldemar.

Já o médico veterinário que atua no CCZ, Samir Batista Hage, ressalta a importância da vacinação como única forma de proteção contra vários tipos de doenças. A raiva e a leptospirose estão entre as mais perigosas, segundo ele. “A raiva, por exemplo, não tem cura, pode matar o animal em até 10 dias e o que é pior, atinge tanto o animal quanto o homem, daí a importância da imunização que deve ser feita anualmente”, finaliza.

Novo Shopping em Itabuna, será?

Itabuna poderá ganhar novo shopping em breve. Grupo de investidores trabalha na prospecção de empresas-âncora para o empreendimento que deverá ser construído nas proximidades do entroncamento das BRs 415 e 101.

Os investidores apostam no impacto positivo na economia local com a construção do Porto Sul e da Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba). Empresa de Salvador presta consultoria aos investidores. Por enquanto, os personagens envolvidos no negócio são mantidos em sigilo. “Estamos na fase inicial do negócio”, explica consultor. A área para o negócio já está definida.

O negócio envolve investimentos de R$ 50 milhões. Consultores do empreendimento devem ter audiência com o prefeito Claudevane Leite nas próximas semanas. Antes, fecham captação de lojas-âncora para o empreendimento.

Jornalista Davdson Samuel

Prefeitura abre concorrência para “zona azul”

A Prefeitura de Itabuna publicou aviso de abertura de concorrência pública do tipo maior valor de repasse, às 9 horas do próximo dia 6 de setembro, no Centro Administrativo Firmino Alves, objetivando a concessão na zona central da cidade de serviço de implantação e operacionalização de sistema de estacionamento rotativo pago, controlado através de aplicativos móveis e sistema de coleta e consulta de dados integrados via internet para usuários e parceiros credenciados. O sistema de estacionamento “zona azul” volta depois de ter sido abandonado pela administração, passada em junho de 2012.

O secretário de Transportes e Trânsito, Clodovil Soares, informa que a partir de novembro serão criadas 800 vagas de estacionamento rotativo abrangendo as principais avenidas, ruas e transversais na área central da cidade. Pelo projeto, os horários de funcionamento do estacionamento Rotativo serão de 2ª à 6ª feira, das 8 às 18 horas, e sábados, normais, das 8 às 13:00 horas, quando serão cobradas dos usuários tarifas de R$ 1,50 por uma hora (alta rotatividade) e o mesmo valor para duas horas (baixa rotatividade) e R$ 14 para caçambas para coleta de entulho.

Em horários especiais de funcionamento do comércio, em razão de datas comemorativas ou aberturas especiais (Sábado Mais e horários especiais do comércio) de funcionamento, o estacionamento rotativo estenderá suas atividades até o horário que for necessário. Os usuários serão informados com antecedência pela imprensa (rádio, televisão e jornais), bem como pelo Diário Oficial do Município e site da Prefeitura. Serão abrangidas pelo sistema “zona azul” as avenidas do Cinqüentenário e transversais; Firmino Alves, Amélia Amado, Ignácio Tosta Filho e um trecho da Juracy Magalhães; e as ruas Ruffo Galvão e Nações Unidas.

Clodovil Soares disse ainda que o contrato de concessão de operação do sistema de estacionamento será por 10 anos renováveis por igual período. A empresa vencedora vai assumir os custos de sinalização das vagas, estrutura de cobrança, tarifação, implantação de aplicativos e gestão via internet, contratação de pessoal, com pelo menos 20 vagas iniciais. Além disso, terá que repassar um porcentual da receita ao Município, que a destinará ao financiamento de instituições assistenciais e filantrópicas como reconhecimento à ação de acolhimento e inclusão de pessoas carentes de acordo com compromisso do pelo prefeito Claudevane Leite.

Fonte: Assessoria da Prefeitura