Mulher de 22 anos é assassinada na própria casa

Segundo a polícia, a vítima foi surpreendida por um homem que invadiu sua casa, na Praça Itambé, e efetuou os disparos.

De acordo com testemunhas, Fabrícia ainda tentou escapar durante a invasão, mas logo foi atingida e morreu no quintal de sua residência. Após efetuar os disparos, o assassino fugiu em uma motocicleta. Ainda de acordo com a PM, um garoto de 8 anos também foi baleado. Ele foi atingido no punho e levado para o hospital geral de Ipiaú. Equipes da 55ª Cipm (Companhia Independente da Polícia Militar) e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram ao local. A Polícia Civil investiga a motivação e a autoria do crime.

Ipiaú: PM apreende pés de maconha em quintal de casa

A polícia militar da cidade de Ipiaú há 119 km de Itabuna apreendeu ontem(25) quatro pés de maconha que eram cultivados no quintal de uma residência onde mora um casal acusado de tráfico de drogas. Márcia Santos Braz, 21 anos, foi presa no imóvel. O companheiro dela, identificado como Rafick Barbosa, não foi encontrado no local. O casal já possui antecedentes criminais, a maioria deles por tráfico de entorpecentes.

maconha-ipiau

A mulher e os pés de maconha foram apresentados na delegacia de Ipiaú. A operação foi realizada pelas Guarnições do 1º Pelotão, do Grupom e policiais do SME da 55ª CIPM.

PM acaba festa de aniversário com drogas em Ipiaú

festa_po (1)

Na madrugada de domingo (21) a polícia militar terminou com uma festa de aniversário com drogas na Rua José Muniz Ferreira, mais conhecida como “Rua do Cacau”, centro de Ipiaú a 119 km de Itabuna. Segundo informações da PM, na residência foi encontrada petecas de cocaína e buchas de maconha, espalhadas em várias partes do imóvel.

A dona da casa, o filho dela, mais dois jovens e um menor de 16 anos foram conduzidos até a delegacia de Ipiaú. Eles comemoravam o aniversário de um amigo do menor.

Ainda de acordo com a polícia, a apreensão aconteceu depois de uma denúncia anônima motivada pelo som alto e desordem das pessoas que estavam na festa. Um dos envolvidos já tinha passagem pela polícia por roubo e tráfico de drogas. Todos foram ouvidos e liberados pela polícia.

Agência dos Correios é assaltada em Ipiaú

secao

A agência dos Correios da cidade de Ipiaú, localizada há 119 km de Itabuna, foi assaltada ontem (17). Segundo informações da Polícia Civil do município, dois homens participaram da ação, e um deles foi preso, identificado como Ítalo Batista, o “Secão” preso na Rua Itapajipe ao Honório. O acusado já foi preso várias vezes por tráfico, porte ilegal de armas e roubos.

20160217_130809_resized cópia

De acordo com informações policiais, no imóvel, onde Ítalo estava escondido foram encontrados um revólver calibre 38, dois capacetes (nas cores preta e vermelha), uma motocicleta roubada e mais de 270 reais, possivelmente subtraídos de um dos caixas da agência. O acusado confessou o assalto, mas disse que agiu sozinho, porém o circuito interno das câmeras e testemunhas afirmam que foram dois. O comparsa dele ainda não foi localizado.

Motorista bêbado chama médica de ‘preta’ e ‘feia’, quebra viatura e é preso

Um motorista embriagado foi preso e autuado por injúria racial após ofender uma médica, desacatar policiais militares e danificar uma viatura na cidade de Ipiaú, na região sul do estado. O caso ocorreu durante a madrugada deste domingo (6). A médica disse que foi chamada de “feia, preta, pobre e pequena” e fez um desabafo em um post em seu perfil no Facebook após as ofensas.

A confusão teve início após o condutor, que é filho de um fiscal da receita federal da cidade, colidir com o carro da médica Iara Brandão, que estava no estacionamento de um hospital particular, no centro da cidade, onde ela dava plantão. A batida foi por volta das 4h.

O recepcionista me ligou dizendo que o alarme do meu carro tinha disparado. Quando eu fui verificar, percebi que o carro estava todo amassado na lateral. Aí, algumas pessoas indicaram que foi esse motorista. Perguntei a ele e ele admitiu. Disse que ia pagar pelo dano, mas se negou a dizer o nome. Então, eu disse que ia chamar a polícia e ele ficou irritado e agressivo“, contou a médica.

Leia mais…