Reúne Ilhéus faz indicação oficial para auditoria de coletivos

Documento carimbado pela Prefeitura
Documento carimbado pela Prefeitura

Na última terça-feira (3) o prefeito Jabes Ribeiro anunciou que a Fundação Instituto de Pesquisa Econômica (Fipe) foi contratada para realizar a auditoria do transporte coletivo ilheense. Mas nesta quinta-feira (5) o movimento Reúne Ilhéus enviou um documento oficial à Prefeitura informando sua própria indicação de auditor independente para compor os trabalhos de avaliação contábil. O movimento social será representado pelo Sindicato de Contabilistas de Ilhéus.

Segue abaixo a transcrição do documento emitido pelo Reúne Ilhéus.

“O movimento Reúne Ilhéus, seguindo o acordado entre a Prefeitura Municipal de Ilhéus e representações do grupo, realiza, por meio deste ofício, sua indicação de auditor independente, reconhecendo que essas indicações estão subordinadas à Lei de Regência da profissão contábil – Decreto Lei 9.295/46 e à regulamentação do exercício da atividade profissional emanada do Conselho Federal de Contabilidade e à orientação técnica emanada do Instituto Brasileiro de Contadores. É indicação do movimento o Sindicato de Contabilistas de Ilhéus, fundado em 27 de maio de 1994, CNPJ: 40.740.342/0001-62 de endereço Almirante Barroso, número 137, sala 501, Edf. Paranaguá. Centro, CEP: 45653-135, Ilhéus, Bahia.

Entendemos que o andamento da Auditoria sobre o transporte coletivo, debatida entre o Poder Público e o movimento social, representa uma vitória da democracia e governabilidade. O Reúne Ilhéus espera, naturalmente, a transparência dos trabalhos e ampla comunicação entre a administração pública e a população acerca do processo.”

Informações: Blog do Gusmão

Trabalhador rural é espancado e baleado por supostos índios

Adailton está internado no Hospital de Base de Itabuna / Imagem: Reprodução; Rede Bahia
Adailton está internado no Hospital de Base de Itabuna / Imagem: Reprodução; Rede Bahia

O trabalhador rural Adailton do Carmo Santos, de 55 anos, está internado no Hospital de Base de Itabuna após ser espancado e baleado na Fazenda São Pedro, localizada em Ilhéus. Segundo informações da polícia, o crime aconteceu na segunda-feira (2). Os familiares da vítima acusam índios armados de invadirem a propriedade em que o homem  de 55 anos estava.

De acordo com a família, os homens invadiram a fazenda armados e se identificaram como indígenas. Eles contam ainda que os suspeitos chegaram na localidade dando tiros para o alto e que alguns deles teriam arrombado a casa onde o trabalhador rural mora com a mulher e os filhos há 15 anos. Além dele, outro funcionário da fazenda também foi espancado pelos supostos indígenas.

Os médicos afirmam que a bala ficou alojada na coluna dorsal. Há a suspeita de que ele tenha perdido os movimentos da cintura para baixo. “No momento ele está com uma paralisia nos membros inferiores, consideramos temporária, mas pode ser definitiva se houver lesão medular”, afirma o médico José Henrique Carvalho.

A família, incluindo três crianças, precisou sair às pressas da fazenda. Os familiares do trabalhador rural informaram que registraram ocorrência do caso na Delegacia da Polícia Federal na região. A unidade policial informou que o crime será investigado.

Fonte: G1

Motoristas não aprovam construção de shopping popular em praça de táxi

Imagem: Google Maps
Imagem: Google Maps

Os taxistas da Praça 01 localizada ao lado da FTC em Itabuna, estão revoltados com a proposta da Prefeitura de transferir os vendedores ambulantes da avenida Cinquentenário e ruas adjacentes para um shopping popular que deve ser construído nesta praça. Com este feito, os taxistas serão obrigados a deixarem o local.

Na última terça-feira (27) secretários da cidade se reuniram com taxistas da Praça 01 para apresentarem uma proposta de transferência de ponto de táxi para dar lugar ao novo centro de compras. Se aceito, os motoristas que ficam em frente à clínica Dois de Julho terão que se dividir pelas áreas da Praça José Bastos e atrás do CESP, mas eles reclamam da decisão. A prefeitura anunciou na última quarta-feira (28) que pretende construir um shopping popular para agregar os ambulantes que trabalham na avenida do Cinquentenário.

Para o motorista Adenilson Rehem, que trabalha no local há 30 anos, a construção do centro de compras naquela área é um ato de desrespeito. “Desde já eu sou contra. Não é lugar apropriado para fazer camelô”, diz Adenilson. Ele afirma que não tem nada contra os ambulantes, porém, os taxistas trabalham naquela praça há 50 anos e é de onde tiram o sustento da família. Ele diz ainda que isso pode prejudicar na procura de seus clientes. “Os ambulantes estão melhores lá do que aqui”, conclui.

O taxista Wagner Pinho, que trabalha no local há 27 anos ininterruptos, tem a mesma posição. Segundo ele, tem taxistas que trabalham no local desde a fundação da praça pelo prefeito regente da época, Félix Mendonça. Wagner diz que essa transferência só vai beneficiar os ambulantes, enquanto os motoristas vão perder clientes e visibilidade ao se espalharem. “Ninguém sabe para onde vamos. A prefeitura não visa pelo bem estar de quem está aqui”, reclama, inconformado com a situação.

“Se precisar nós vamos fechar a cidade”. Pinho compara a situação com os conflitos em Buerarema e região. “Os índios invadiram as terras porque são deles. Estão fazendo a mesmo coisa aqui, querem trazer os camelôs para nossa área. Aqui é minha casa”, afirma. Wagner diz ainda que “A insatisfação é muito grande por parte dos taxistas”.

A dona de uma banca de revistas que está na praça não participou da reunião da terça-feira, mas ela comenta que não concorda com essa mudança dos ambulantes. Uma reunião será feita para decidir se o centro de compras será construído na praça

Advogado do Hipercard é agredido no Fórum de Ilhéus

Nesta quinta-feira (29), José Henrique Chaves, advogado do Hipercard, foi agredido no Fórum Epaminondas Berbert de Castro, em Ilhéus. A violência foi cometida por um homem que move ação contra a administradora dos cartões.

O agressor do advogado foi detido no local por um soldado da Polícia Militar e levado para a sede da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Corpin). O caso foi comunicado à Ordem dos Advogados do Brasil.

Em novembro do ano passado, José Henrique Chaves disputou o comando da subseção da OAB de Itabuna, perdendo para Andirlei Nascimento, que foi reeleito para a presidência da entidade.

Informações: Pimenta

Manifestantes fecham rodovia Ilhéus-Itabuna

Sindicalistas interditam rodovia por uma hora (Foto Luiz Carlos Jr.) / Do Pimenta
Sindicalistas interditam rodovia por uma hora (Foto Luiz Carlos Jr.) / Do Pimenta

A rodovia Ilhéus-Itabuna (BR-415) foi interditada na manhã desta sexta-feira por sindicalistas ligados à Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB). Segundo eles, a interdição da rodovia é parte das atividades do dia nacional de paralisações (30 de agosto). Eles protestam contra projeto de lei da terceirização (PL 4330) e solicitam redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais. A promessa é de que a pista seja liberada às 11 horas.

Os manifestantes estão no km 24, próximo ao Makro, onde fecharam as duas pistas e atearam fogo em pneus e madeiras.

Em Itabuna está programada para às 14 horas uma passeata com os movimentos populares da cidade na avenida do Cinquentenário. Dentre as bandeiras, a principal reivindicação é a redução da tarifa de ônibus no município sul-baiano.

Fonte: Pimenta

Confira o vídeo da confusão na Câmara de Vereadores

Reúne Ilhéus ocupou a Câmara para pressionar o governo / Foto: Fábio Roberto

Nesta quarta-feira (28) um grupo de manifestantes do movimento Reúne Ilhéus ocupou o plenário da câmara de vereadores da cidade. O protesto encerrou a sessão e os vereadores da base do governo foram impedidos de deixar a câmara. A policia Militar foi chamada para garantir a segurança de todos. Durante o tumulto, o vereador Gurtia teria agredido um manifestante com um soco. Segundo informações, a PM não agiu contra o vereador porque “não foi em flagrante”, mesmo tendo uma multidão de testemunhas.

O protesto foi gerado pelo fato da câmara arquivar o pedido de uma abertura de Comissão Especial de Inquérito (CEI) do transporte público e o pedido de afastamento do prefeito Jabes Ribeiro (PP).

Agentes encontram maconha no telhado do Conjunto Penal de Itabuna

Maconha estava no telhado do Conjunto Penal / Foto: Ednaldo Pinto
Maconha estava no telhado do Conjunto Penal / Foto: Ednaldo Pinto

Nesta quarta-feira (28) uma quantidade de maconha foi encontrada no telhado do Conjunto Penal de Itabuna. A droga foi achada quando os agentes realizavam uma ronda pelo telhado. Muito certamente ela foi jogada durante uma revista interna e poderia ser apanhada por detentos da cela de cima.

Servidores públicos fazem caminhada em protesto

Os servidores públicos de Ilhéus realizarão uma caminhada na manhã desta quarta-feira (28) na avenida Princesa Isabel. A proposta da caminhada é de conscientizar pais, alunos e a comunidade em geral sobre os prejuízos da greve – que já dura cerca de 40 dias – e a necessidade do prefeito Jabes Ribeiro fechar o acordo com os trabalhadores para acabar com a paralisação.

Movimentos como este já foram realizados nos bairros Teotônio Vilela, Nossa Senhora da Vitória, Pontal, Conquista e Malhado. Por onde passam, os servidores recebem o apoio da comunidade, que se juntam ao movimento e também denunciam a situação de abandono em que se encontra a cidade, tais como postos de saúde desativados, ruas esburacadas, esgotos correndo a céu aberto e escolas que estão sem funcionar desde o inicio do ano. Os trabalhadores também distribuíram panfletos alertando a comunidade que a demora do prefeito Jabes Ribeiro em fechar o acordo com os servidores públicos municipais, se negando a conceder a revisão salarial como manda a lei, já está prejudicando toda a cidade, principalmente os mais carentes, que tem riscos de perderem o Bolsa Família, pois a falta de frequência nas escolas e o atendimento regular nos postos acaba excluindo as crianças do Programa do Governo Federal.

A caminhada passará pelas ruas da Avenida Princesa Isabel com concentração no prédio Carandiru, na avenida Itabuna, seguindo pelas ruas do bairro até a praça J.J.Seabra, em frente ao Palácio Paranaguá, onde haverá uma assembleia para decidir as novas ações do movimento.

Denúncia: Enfermeiras encerram vacinação antes da hora prevista

De acordo com denúncias feitas ao Blog do Tom, houve uma grande falta de respeito aos moradores de Ilhéus neste sábado (24) durante a Campanha de Multivacina para regularização de cadernetas. Segundo uma denunciante, ela chegou às 13:40 no posto de saúde do bairro Hernani Sá com seus dois filhos, de 2 e 4 anos. Após esperar por duas horas em uma fila debaixo de sol quente, ela e o restante da fila ouviram que não seriam mais atendidos por “falta de tempo”.

A enfermeira chefe teria decidido de última hora e sem comunicar aos moradores de que “não iria mais regularizar as cadernetas porque senão atrasaria demais o horário delas [enfermeiras]”. O fato aconteceu às 15:30, quando o horário para encerramento estava marcado para às 17:00 horas. As enfermeiras avisaram ainda que vão reabrir o posto na terça-feira (27) à noite para regularizar as cadernetas.

As vacinas estavam no posto prontas para serem usadas, mas o postou fechou antes do horário marcado e sem aviso prévio aos pais que levaram seus filhos para a regularização das vacinas. São por estas atitudes que atrasam o progresso do país, pois a ordem não existe mais.

Baleia é encontrada morta em praia de Ilhéus

Foto: Centro de Resgate e Reabilitação do Instituto Mamíferos Aquáticos / Divulgação
Foto: Centro de Resgate e Reabilitação do Instituto Mamíferos Aquáticos / Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (23) uma baleia jubarte com aproximadamente 10 metros de comprimento foi encontrada na praia da Siriba, em Ilhéus. De acordo com informações do Instituto Mamíferos Aquáticos, o animal foi encontrado morto e estava encalhado.

O instituto disse ainda que o animal apresentava mordidas de tubarão da espécie charuto e mordidas arredondadas, o que significa que mais de uma espécie de tubarão mordeu a baleia.

Não há informação se os tubarões se alimentaram da baleia na costa da Bahia ou mais distante. A baleia foi enterrada após a duna frontal na praia. Segundo o oceanógrafo, em 2011 houve registro de tubarão na praia Siriba.

Foto: Centro de Resgate e Reabilitação do Instituto Mamíferos Aquáticos / Divulgação
Foto: Centro de Resgate e Reabilitação do Instituto Mamíferos Aquáticos / Divulgação

De acordo com o Instituto Baleia Jubarte, encalhes da espécie no litoral nacional são comuns entre os meses de julho e novembro. O Programa de Resgate da entidade disponibiliza os seguintes contatos: 71-3676-1463 e 71-8154-2131 (Praia do Forte) ou 73-3297-1340 e 73-8802-1874 (Caravelas).

Neste ano de 2013, uma baleia da espécie Jubarte encalhou e foi encontrada morta em Prado. Alguns dias depois, outra baleia da mesma espécie foi encontrada em Santa Cruz Cabrália, região de Porto Seguro.

Fonte: G1

Ônibus voltam a circular em Ilhéus

Grupo se concentrou em frente ao portão da garagem nesta terça-feira. Foto do Blog Agravo.
Grupo se concentrou em frente ao portão da garagem nesta terça-feira. Foto do Blog Agravo.

Os ônibus de Ilhéus voltaram a circular na manhã desta quarta-feira (21). De acordo com Elieser Santos Ribeiro, superintendente de trânsito e transporte do município, os coletivos saíram às 5h e circulam normalmente na cidade. O serviço havia sido suspenso na terça-feira (20) por conta do bloqueio feito por manifestantes do grupo Reúne Ilhéus, na garagem de uma das empresas de ônibus da cidade.

Na terça-feira, Elieser Santos chegou a dizer que o grupo tentou incendiar um ônibus, sem sucesso. De acordo com o estudante Danilo Oliveira, integrante do movimento Reúne Ilhéus, não houve tentativa de queimar ônibus e os manifestantes seguiram direto para uma das garagens, com o objetivo de chamar a atenção da população para as reivindicações do grupo. “Queremos redução da passagem e melhorias no transporte público, tanto na qualidade física quanto na qualidade de atendimento”, disse.

A passagem de ônibus em Ilhéus custa R$ 2,40. O movimento pede redução para R$ 2. De acordo com o superintendente de trânsito e transporte do município, a frota de ônibus em Ilhéus é de 120 veículos. Cerca de 100 mil passageiros usam o serviço diariamente.

Ainda na terça-feira, a prefeitura se manifestou através de nota à imprensa. No texto, o órgão afirma que o prefeito Jabes Ribeiro se reuniu com os manifestantes, antes do protesto de terça-feira, e se “comprometeu a realizar uma auditoria nas planilhas de custos apresentadas pelas empresas de transportes, para avaliar a justeza ou não do valor das tarifas que estão sendo cobradas [na cidade]”.

Ainda em nota, o prefeito afirma que vai manter o diálogo com os manifestantes e que criou, após reunião com representantes do grupo e da sociedade civil organizada, uma comissão para discutir a questão das tarifas e para acompanhar o trabalho da auditoria. Segundo a prefeitura, até o momento, apenas o movimento Reúne Ilhéus, responsável pela manifestação de terça, não indicou representantes para a comissão.

Reúne Ilhéus: Nota Pública

O movimento REÚNE ILHÉUS surgiu a partir de um interesse popular e espontâneo em colaborar com a construção e controle social de políticas públicas na cidade de Ilhéus, sendo seu primeiro foco o transporte coletivo, acompanhando a onda nacional de levantes sobre o tema, que parte de uma discussão repleta de prerrogativas sobre a municipalização, ampliação e melhoramento dos serviços públicos. Dada a terrificante realidade do transporte coletivo em Ilhéus, o movimento cresceu em força e argumento, atingindo níveis de estudo de documentação e investigações ainda maiores que poderia tencionar. Pela defesa da dignidade humana e do cidadão ilheense, respeitando seu direcionamento político, o REÚNE ILHÉUS sempre se apresentou como um grupo SUPRAPARTIDÁRIO, ou seja, estamos acima de qualquer partidarismo, embora nossa composição abarque membros de vários partidos e também apartidários. Anteontem, dia 16 de agosto, alguns integrantes do movimento realizaram uma viagem para Salvador em obrigações particulares, desvinculadas das atividades da ocupação e movimento. Num ato de descuido, alguns deles, até mesmo pela forte integração à causa e sentido orgânico do grupo, usaram o termo “Membros do REÚNE ILHÉUS” para legendar uma imagem inserida numa situação partidária. O REÚNE ILHÉUS nega essa associação com veemência.

Convidamos, também, toda a população de Ilhéus para acompanhar o requerimento da Comissão Especial de Inquérito sobre o transporte coletivo na cidade, uma denúncia que o movimento elaborou através de um massivo trabalho sobre a caixa preta do transporte. Venham todos conhecer a realidade da ocupação em frente à Prefeitura. Juntos somos muitos.

Servidores de Ilhéus mantem a greve

Na última quarta-feira (14) em Salvador representantes sindicais se reuniram com Jabes Ribeiro. No encontro, as duas partes firmaram compromissos. Entre os acordos firmados, decidiu-se que os servidores discutiriam o fim da greve, sob as condições propostas por Ribeiro.

Nesta sexta-feira (16), segundo o site Ilhéus 24 horas, os servidores ilheenses realizaram uma assembleia para debater essas propostas. Jabes queria por fim na greve e só então negociar os reparos salariais dos trabalhadores.

A proposta do prefeito não foi acatada e os funcionários da Prefeitura elaboraram um documento exigindo a reposição inflacionária e propondo negociar o reajuste salarial, de acordo com o resultado da auditoria da folha de pagamento.

Informações: Blog do Gusmão

Polícia Militar de Ilhéus apreende armas e drogas após fuga de assaltantes

Submetralhadora apreendida.
Submetralhadora apreendida.

Na tarde da última quarta-feira (14) o Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 70ª CIPM foi acionado para verificar a informação de que uma pessoa teria sido vitima de assalto na praia do Marciano no bairro do Malhado, em Ilhéus. Segundo informações, a vitima era um policial de Itabuna e foi abordado por quatro meliantes que se aproximaram e levaram seus pertences.

Os bandidos foram perseguidos até o alto da Legião, quando enfim, a policia apreendeu uma escopeta calibre 12, uma submetralhadora e uma quantidade de maconha. Um dos elementos que fugiram foi capturado. Ele havia se escondido na casa de “Léo Zói”.

O acusado, juntamente com o material apreendido, foi apresentado ao Delegado Adriano Coelho na 7ª COORPIN.

Drogas e armas foram apreendidas.
Drogas e armas foram apreendidas.

Jabes se reúne com servidores públicos em Salvador

Na última quarta-feira (14) em Salvador representantes dos servidores ilheenses foram ao encontro do prefeito Jabes Ribeiro. Os deputados Rosemberg Pinto (PT) e Ronaldo Carlleto (PP) também participaram da reunião, onde foi discutido o impasse entre a Prefeitura de Ilhéus e seus trabalhadores.

As duas partes debateram sobre a vontade de dar fim a greve, e a criação de uma comissão paritária foi definida com a participação de representantes dos servidores e do governo para analisar as contas da Prefeitura.

Jabes se comprometeu a atender as reivindicações dos trabalhadores desde que a auditoria das contas comprovem as condições previstas na Lei de Responsabilidade Fiscal. Aos deputados, caberá o papel de agilizar as interações com o Tribunal de Contas dos Municípios.

Por sua vez, os sindicatos comprometeram-se a submeter as propostas discutidas no encontro aos servidores de todas as categorias. Para isso, será realizada uma assembleia nesta sexta-feira (16).

Informações: Blog do Gusmão