Ônibus voltam a circular em Ilhéus

Grupo se concentrou em frente ao portão da garagem nesta terça-feira. Foto do Blog Agravo.
Grupo se concentrou em frente ao portão da garagem nesta terça-feira. Foto do Blog Agravo.

Os ônibus de Ilhéus voltaram a circular na manhã desta quarta-feira (21). De acordo com Elieser Santos Ribeiro, superintendente de trânsito e transporte do município, os coletivos saíram às 5h e circulam normalmente na cidade. O serviço havia sido suspenso na terça-feira (20) por conta do bloqueio feito por manifestantes do grupo Reúne Ilhéus, na garagem de uma das empresas de ônibus da cidade.

Na terça-feira, Elieser Santos chegou a dizer que o grupo tentou incendiar um ônibus, sem sucesso. De acordo com o estudante Danilo Oliveira, integrante do movimento Reúne Ilhéus, não houve tentativa de queimar ônibus e os manifestantes seguiram direto para uma das garagens, com o objetivo de chamar a atenção da população para as reivindicações do grupo. “Queremos redução da passagem e melhorias no transporte público, tanto na qualidade física quanto na qualidade de atendimento”, disse.

A passagem de ônibus em Ilhéus custa R$ 2,40. O movimento pede redução para R$ 2. De acordo com o superintendente de trânsito e transporte do município, a frota de ônibus em Ilhéus é de 120 veículos. Cerca de 100 mil passageiros usam o serviço diariamente.

Ainda na terça-feira, a prefeitura se manifestou através de nota à imprensa. No texto, o órgão afirma que o prefeito Jabes Ribeiro se reuniu com os manifestantes, antes do protesto de terça-feira, e se “comprometeu a realizar uma auditoria nas planilhas de custos apresentadas pelas empresas de transportes, para avaliar a justeza ou não do valor das tarifas que estão sendo cobradas [na cidade]”.

Ainda em nota, o prefeito afirma que vai manter o diálogo com os manifestantes e que criou, após reunião com representantes do grupo e da sociedade civil organizada, uma comissão para discutir a questão das tarifas e para acompanhar o trabalho da auditoria. Segundo a prefeitura, até o momento, apenas o movimento Reúne Ilhéus, responsável pela manifestação de terça, não indicou representantes para a comissão.

Reúne Ilhéus: Nota Pública

O movimento REÚNE ILHÉUS surgiu a partir de um interesse popular e espontâneo em colaborar com a construção e controle social de políticas públicas na cidade de Ilhéus, sendo seu primeiro foco o transporte coletivo, acompanhando a onda nacional de levantes sobre o tema, que parte de uma discussão repleta de prerrogativas sobre a municipalização, ampliação e melhoramento dos serviços públicos. Dada a terrificante realidade do transporte coletivo em Ilhéus, o movimento cresceu em força e argumento, atingindo níveis de estudo de documentação e investigações ainda maiores que poderia tencionar. Pela defesa da dignidade humana e do cidadão ilheense, respeitando seu direcionamento político, o REÚNE ILHÉUS sempre se apresentou como um grupo SUPRAPARTIDÁRIO, ou seja, estamos acima de qualquer partidarismo, embora nossa composição abarque membros de vários partidos e também apartidários. Anteontem, dia 16 de agosto, alguns integrantes do movimento realizaram uma viagem para Salvador em obrigações particulares, desvinculadas das atividades da ocupação e movimento. Num ato de descuido, alguns deles, até mesmo pela forte integração à causa e sentido orgânico do grupo, usaram o termo “Membros do REÚNE ILHÉUS” para legendar uma imagem inserida numa situação partidária. O REÚNE ILHÉUS nega essa associação com veemência.

Convidamos, também, toda a população de Ilhéus para acompanhar o requerimento da Comissão Especial de Inquérito sobre o transporte coletivo na cidade, uma denúncia que o movimento elaborou através de um massivo trabalho sobre a caixa preta do transporte. Venham todos conhecer a realidade da ocupação em frente à Prefeitura. Juntos somos muitos.

Servidores de Ilhéus mantem a greve

Na última quarta-feira (14) em Salvador representantes sindicais se reuniram com Jabes Ribeiro. No encontro, as duas partes firmaram compromissos. Entre os acordos firmados, decidiu-se que os servidores discutiriam o fim da greve, sob as condições propostas por Ribeiro.

Nesta sexta-feira (16), segundo o site Ilhéus 24 horas, os servidores ilheenses realizaram uma assembleia para debater essas propostas. Jabes queria por fim na greve e só então negociar os reparos salariais dos trabalhadores.

A proposta do prefeito não foi acatada e os funcionários da Prefeitura elaboraram um documento exigindo a reposição inflacionária e propondo negociar o reajuste salarial, de acordo com o resultado da auditoria da folha de pagamento.

Informações: Blog do Gusmão

Polícia Militar de Ilhéus apreende armas e drogas após fuga de assaltantes

Submetralhadora apreendida.
Submetralhadora apreendida.

Na tarde da última quarta-feira (14) o Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 70ª CIPM foi acionado para verificar a informação de que uma pessoa teria sido vitima de assalto na praia do Marciano no bairro do Malhado, em Ilhéus. Segundo informações, a vitima era um policial de Itabuna e foi abordado por quatro meliantes que se aproximaram e levaram seus pertences.

Os bandidos foram perseguidos até o alto da Legião, quando enfim, a policia apreendeu uma escopeta calibre 12, uma submetralhadora e uma quantidade de maconha. Um dos elementos que fugiram foi capturado. Ele havia se escondido na casa de “Léo Zói”.

O acusado, juntamente com o material apreendido, foi apresentado ao Delegado Adriano Coelho na 7ª COORPIN.

Drogas e armas foram apreendidas.
Drogas e armas foram apreendidas.

Jabes se reúne com servidores públicos em Salvador

Na última quarta-feira (14) em Salvador representantes dos servidores ilheenses foram ao encontro do prefeito Jabes Ribeiro. Os deputados Rosemberg Pinto (PT) e Ronaldo Carlleto (PP) também participaram da reunião, onde foi discutido o impasse entre a Prefeitura de Ilhéus e seus trabalhadores.

As duas partes debateram sobre a vontade de dar fim a greve, e a criação de uma comissão paritária foi definida com a participação de representantes dos servidores e do governo para analisar as contas da Prefeitura.

Jabes se comprometeu a atender as reivindicações dos trabalhadores desde que a auditoria das contas comprovem as condições previstas na Lei de Responsabilidade Fiscal. Aos deputados, caberá o papel de agilizar as interações com o Tribunal de Contas dos Municípios.

Por sua vez, os sindicatos comprometeram-se a submeter as propostas discutidas no encontro aos servidores de todas as categorias. Para isso, será realizada uma assembleia nesta sexta-feira (16).

Informações: Blog do Gusmão

Traficantes são presos no Nossa Senhora da Vitória

Material apreendido.
Material apreendido.

Na ultima terça-feira (13), por volta das 11 horas, após receber informações de populares uma guarnição do Pelotão de Emprego Tático Operacional da 69ª CIPM/Zona sul de Ilhéus, realizou incursão e abordagem na Rua Fabiana do bairro Nossa Senhora da Vitória. Fernando Domingos da Silva e Ana Claudia Oliveira de Souza, ambos residentes na casa nº 10 da mesma rua, foram encontrados com 110 papelotes de cocaína, 60 pedrinhas de crack, 37 papelotes de maconha e R$ 57,00 em espécie. Todos dois e o material apreendido foram apresentados na delegacia de Policia civil de Ilhéus.

Calouro da UESC entra em coma alcoólico após trote

Um jovem de 18 anos entrou em coma alcoólico após ser obrigado a ingerir uma grande quantidade de cachaça durante trote na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). O estudante é calouro no curso de Engenharia de Produção.

Segundo o site Bahia online, a vítima precisou ser  levada para um hospital de Ilhéus, onde recebeu atendimento e depois foi liberada.

O jovem revelou que na última sexta-feira (9) teria sido cercado por outros jovens veteranos da universidade e obrigado a ingerir a cachaça, popularmente conhecida como “corote”. O estudante que, segundo parente, nunca havia bebido, não resistiu e desmaiou.

A mãe da vítima irá oficializar uma queixa junto à reitoria da universidade.

Ilhéus pode perder 100 milhões de investimento na construção civil

O setor da construção civil em Ilhéus devia movimentar, somente este ano, cerca de 300 milhões de reais na economia do município, o dobro do valor registrado em 2012. Mas o problema de tramite de documentação, “burocracia” é um problema que faz Ilhéus perder grandes investimentos.

No mês passado, o Jornal Bahia Online trouxe com exclusividade a desistência do empresário Carlos Mendonça de construir um hotel para executivos na Avenida Soares Lopes, em Ilhéus. Segundo o jornal, o empresário já tinha investido 200 mil reais em procedimentos para legalização da obra.

Durante a semana, o Blog Agravo recebeu a informação de dentro do Palácio Paranaguá de que uma grande construtora também está com problemas para liberação de dois grandes projetos.

O secretário Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo de Ilhéus, Antônio Vieira, em resposta à matéria do Jornal Bahia Online, afirmou que o tramite é rápido e a liberação da Licença Simplificada não demora.

Mas a nossa fonte afirma que a demora chega há mais de 120 dias, e que vários empreendedores estão na bronca com o governo.

Um dos maiores construtores de Ilhéus já estuda tirar seus investimentos da cidade. Seria um grande baque na economia local, já que o setor vive um momento histórico e hoje mantém, em plena atividade, 15 construtoras. Segundo dados do Cadastro Geral dos Empregados (Caged), do Ministério do Trabalho, este é o segmento privado que mais emprega na cidade.

Prefeitura acusa servidores ilheenses de impedirem a limpeza da cidade

A Prefeitura ilheense acusa servidores municipais de impedirem a retirada de equipamentos de limpeza do depósito da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur), na Av. Itabuna.

Segundo o governo, um acordo foi feito com a Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de Ilhéus (Coolimpa), para realizar a limpeza da cidade, a ação estava prevista para este sábado (10).

Isaac Albagli (foto), titular da Sedur, acusou os servidores de desserviço à cidade.

Leia mais…

Ilhéus recebe Congresso Brasileiro do Trauma

Na próxima quarta-feira (14) inicia o Congresso Brasileiro de Ligas do Trauma (COLT), evento técnico científico que será sediado em Ilhéus, no Hotel Praia do Sol. Durante quatro dias, estudantes e profissionais da área de saúde estarão reunidos para discutir e apresentar trabalhos em torno do Trauma. O congresso contará com a participação de quatro palestrantes internacionais, 20 nacionais e 30 convidados locais.

Segundo o médico e coordenador do evento, Irany Salomão, o trauma constitui-se atualmente no principal responsável por óbitos na população adolescente e adulto jovem. “Ainda entre os fatores determinantes para discutirmos o tema, o trauma atinge um segmento economicamente ativo, e exigindo grande aporte de recursos financeiros que poderiam ser destinados para outros setores da saúde”, declarou Dr. Salomão.

Entre os palestrantes que já confirmaram presença, o professor e chefe do Serviço de Trauma da Universidade de Califórnia de San Diego (EUA), Raul Coimbra; o chefe do serviço de Trauma da Universidade de Toronto (Canadá), professor Sandro Rizoli; o professor da Unicamp-SP, recém-eleito presidente da SBAIT, Gustavo Fraga; o professor do Hospital João XXIII em Belo Horizonte, presidente da SBAIT até o ano passado, Sizenando Starling; além do professor da USP-SP, referência nacional em trauma no país, Dario Birolini.

“Ainda temos outros 18 palestrantes de todas as regiões do país, todos coordenadores de Ligas do Trauma nas principais universidades brasileiras. Este Congresso já está sendo considerado um evento sem precedentes na área, o que é muito positivo para a nossa região”, declarou Salomão. Também se constituem como público-alvo médicos, enfermeiros, fisioterapeutas ou os que atuam no atendimento as vítimas de trauma e emergências, em especial SAMU, corpo de bombeiros etc. A carga-horária total do evento é de 30 horas.Congresso Liga do Trauma

O coordenador do evento aproveitou para agradecer o apoio recebido ao evento de outras ligas do trauma do Estado, com destaque para a Liga do Trauma da Escola Bahiana de Medicina, Liga Acadêmica do Trauma e Emergências Médicas da Universidade Federal da Bahia, Liga do Trauma da Faculdade de Tecnologia e Ciências. Ainda trabalham diretamente para a realização do evento o CoBraLT e a Sociedade Brasileira de Atendimento Integral ao Politraumatizado (SBAIT).

Hotéis de Ilhéus podem ser leiloados

Dois grandes hotéis de Ilhéus serão leiloados no dia 19 desse mês pela Justiça Federal devido a pendências com o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Tratam-se de Opaba Praia Hotel (do empresário Ednei Espírito Santo, próximo do Aeroporto Jorge Amado) e o Ilhéus Praia Hotel (do suíço Hans Schaeppi).

Do Opaba, 20% do empreendimento (equivalente a R$ 2 milhões) irá para o pregão. Do Ilhéus Praia, todo o prédio poderá ser arrematado. O tradicional hotel em frente à Catedral de São Sebastião foi avaliado em R$ 4 milhões.

Segundo o edital divulgado pela justiça e assinado pelo juiz federal Pedro Holliday, os dois hotéis já foram penhorados em outros processos.

Os proprietários ainda podem impedir o leilão. Para isso, eles deverão quitar as dívidas antes do evento.

Fonte: Blog do Gusmão

Bandido atira no próprio pênis

Na noite desta quarta-feira (7) um homem deflagrou um tiro no próprio pênis por acidente, além de acertar também o próprio pé. O rapaz, morador da avenida Luiz Gama, em Ilhéus, é supostamente envolvido com o tráfico de drogas. Após ser atendido no Hospital Regional de Ilhéus, o atrapalhado foi conduzido à delegacia e uma investigação foi aberta.

Foto e informações: Vermelhinho

Vereador Fábio Magal entrega cargos à Jabes Ribeiro

Nesta terça-feira (6) o vereador de Ilhéus, Fábio Magal (PSC), sinalizou um rompimento definitivo com o prefeito Jabes Ribeiro. No plenário da câmara, Magal colocou cinco cargos à disposição de Jabes. As pessoas que atualmente exercem as funções foram indicadas pelo vereador.

Ele discriminou todas as indicações: administradores do Hernani Sá, Vila Juerana, Santa Maria e dois postos no Projovem e Peti (secretaria de assistência social). Magal afirmou que em Ilhéus, vários homens idosos com suspeita de câncer de próstata estão sofrendo, pois não conseguem fazer um exame (biópsia) fundamental para o diagnóstico. Ele disse ainda que a secretária de saúde, Ledívia Espinheira, lhe confidenciou não suportar mais o discurso repetitivo do prefeito Jabes Ribeiro, que alega falta de recursos e não melhora a rede de atendimento.

O vereador apoiou as pautas do Reúne Ilhéus e dos servidores municipais em greve. Ele lembrou a diminuição de alguns impostos (PIS e Cofins) no custo do transporte coletivo e citou o exemplo de Feira de Santana, onde o Prefeito José Ronaldo (DEM) reduziu o valor da passagem de R$2,50 para R$ 2,35.

Fonte: Políticos do Sul da Bahia

Prefeitura divulga aprovados na 1ª etapa das seleções da Educação e Restaurante Popular

A Secretaria da Administração da Prefeitura de Itabuna divulgou na noite desta segunda-feira (5) a lista dos candidatos aprovados na primeira etapa dos processos seletivos nº 005/20013, da Secretaria da Educação, e nº 006/2013, da Secretaria da Assistência Social/Restaurante Popular. De acordo os Editais, os processos seletivos são integrados por duas etapas. Nesta data se divulga o resultado da análise curricular, que, sendo eliminatória, reprova o candidato que não atingiu pontuação de 50% do barema, obedecendo rigorosamente os certames.

Nas inscrições para as 61 vagas da Secretaria da Educação um total de 200 candidatos se inscreveu entre os dias 29 de julho e 2 de agosto enquanto 1.200 candidatos postulara as 48 vagas disponíveis e somente 83 foram selecionados para a segunda etapa do processo seletivo.

Os recursos referentes à 1ª etapa das seleções nº 005/2013 e nº 006/2013 deverão ser impetrados amanhã, dia 6, devendo conter nome e número de inscrição do candidato recorrente, endereço completo, fundamentação e assinatura e ser endereçados à Secretaria de Administração.

Os recursos somente serão apreciados tempestivamente e a Comissão Executora do Processo Seletivo, julgará em um dia útil cada recurso interposto. A homologação desta 1ª etapa das duas seleções pelo prefeito Claudevane Leite será dia 7 e as entrevistas serão realizadas nos dias 8 e 9 das 8 as 12 e das 14 às 18 horas para as duas seleções na União dos Servidores Municipais de Itabuna (Usemi), situada na Avenida Manoel Chaves, bairro São Caetano.  Veja as listas clicando aqui.

Manifestantes completam 20 dias acampados em frente a Prefeitura

Café da manhã.
Café da manhã.

Cerca de 30 integrantes do Movimento Reúne Ilhéus tomaram café da manhã com sindicalistas ligados a partidos da base aliada do Governo Jabes Ribeiro neste domingo (4). Os jovens estão acampados há 20 dias em frente ao Palácio Paranaguá – desocupado no dia 17 de julho por ordem judicial – e cobram do prefeito a redução da tarifa de ônibus e a apresentação das planilhas das empresas de ônibus relativas a 2012.

O governo já entregou a planilha referente a 2013. O movimento encontrou inconsistências nos documentos de 2013. As empresas alegam que a gratuidade causa uma “perda” R$ 700 mil, mas a planilha apresenta outro número: R$ 264,4 mil, segundo informou o movimento ao Bahia Online.

O café da manhã de hoje teve frutas, pães e sucos doados por comerciantes e solidários ao movimento que cobra transparência na gestão pública e melhorias no transporte coletivo. Sindicalistas afirmam estarem impressionados com a solidariedade do ilheense ao movimento dos estudantes. Ao meio-dia de hoje, várias categorias profissionais se juntam ao movimento para prestar homenagem ao sindicalista Wagner Bastos, morto neste ano. A homenagem será em frente ao palácio, quando será oferecida uma feijoada.

“A TURMA ESTÁ FIRME”

“A turma está firme”, disse ao PIMENTA o presidente do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Moageiras de Cacau (Sindicacau), Luiz Fernandes Ferreira, que esteve nesta manhã com os integrantes do movimento. “No dia 6 [terça-feira], vamos parar Ilhéus”, disse ele. É o dia para o qual as centrais sindicais CTB, CUT e Força programaram novos protestos no município.

O sindicato comandado por Fernandes apoia, além do Reúne Ilhéus, a greve geral do funcionalismo ilheense. Os servidores da prefeitura local entram na terceira semana de paralisações. Eles cobram do prefeito Jabes Ribeiro reajuste salarial.

O gestor afirma que a folha hoje representa mais de 68% da receita municipal e, por isso, não poderia conceder reajuste. “A chance é zero”, disse Jabes numa entrevista ao PIMENTA.

O comando da greve geral afirma que o percentual é bem menor, situando-se na faixa dos 55%. Além disso, aponta aumento de gastos e de contratações de cargos de confiança (cargos comissionados).

Jornalista Davdson Samuel