Ambulantes terão que desocupar praça no São Caetano

Termina no final de fevereiro o prazo para que os ambulantes que atuam na Praça Simão Fitterman, no bairro São Caetano, desocupem o espaço público.

Segundo o secretário municipal de Administração, Dinailson Oliveira, a desocupação da Praça vem sendo discutida e negociada entre os vendedores ambulantes e agentes das secretarias de Sustentabilidade Econômica e de Desenvolvimento Urbano (Sedur) já há algum tempo, atendendo à determinação do prefeito Fernando Gomes, para que a desocupação e transferência transcorram pacificamente.

A desocupação do Praça do São Caetano visa atender a orientação feita pelo Ministério Pulico Estadual (MPE), na qual solicita que o poder público do município viabilize a desocupação do espaço de uso coletivo, bem como para tornar viável o Projeto de Reurbanização de Praças Públicas que a Prefeitura de Itabuna começa a implementar a partir deste ano, beneficiando inicialmente 10 praças no centro e nos bairros da cidade, incluindo a Simão Fitterman.

“Estamos empenhados para que a desocupação não cause prejuízos aos ambulantes, que utilizam a Praça Simão Fitterman para garantir o sustento de suas famílias. Neste sentido, o secretário de Sustentabilidade Econômica, Jorge Vasconcelos, está definindo com técnicos da Sedur o melhor espaço para a relocação das barracas. Por outro lado, a Prefeitura de Itabuna precisa devolver às famílias do bairro São Caetano um espaço público de lazer e de convivência totalmente reurbanizado” afirmou Dinailson.

Os comentários estão fechados.