Adolescente e filha são envenenadas e têm casa incendiada; ex-companheiro é suspeito

Uma adolescente de 17 anos e sua filha de quatro foram envenenadas com “chumbinho”, no município de Feira de Santana. O crime aconteceu na madrugada de quarta-feira (31) e o principal suspeito, o ex-companheiro da vítima, também ingeriu a substância supostamente após ter incendiado a casa onde vivia com a jovem e a criança.

Na noite do mesmo dia, o acusado de 19 anos deu entrada no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) com intoxicação pelo veneno. Segundo informações do site Acorda Cidade, a principal suspeita é que o homem não tenha aceitado o fim do relacionamento com a jovem e por isso cometeu o crime.

Os três moravam no bairro Caseb, em Feira, e quando o incêndio ocorreu, as vítimas estavam dentro do imóvel. O irmão do suspeito percebeu que as chamas começaram a tomar a casa e conseguiu salvar as vítimas e apagar o fogo. A menina foi levada para o Hospital Estadual da Criança (HEC) e a mãe foi encaminhada para o mesmo hospital em que o suspeito foi levado. Não há informações sobre o estado de saúde dos três. O caso deve ser investigado pela polícia.

Os comentários estão fechados.